"José Fanha. Histórias de uma infância vivida e imaginada" | LIVROS e LEITURA(S) | Scoop.it
“Tive uma grande paixão pelo ‘Principezinho’.Depois havia livros para jovenzinhos de oito, nove anos, que funcionavam muito bem, como ‘A Cabana do Pai Tomás’, ‘Os Três Mosqueteiros’ ou ‘A Ilha do Tesouro’. Havia uma lista de coisas obrigatórias e entrávamos muito mais cedo na literatura clássica”.