REVISTA CINE QUA NON
166 views | +0 today
Follow
REVISTA CINE QUA NON
O cinema não tem fronteiras nem limites. É um fluxo constante de sonho.
Your new post is loading...
Your new post is loading...
Scooped by Conceição Crestana
Scoop.it!

PIETÁ: Plasticidade nua e crua by Dinara Machado

PIETÁ:  Plasticidade nua e crua by Dinara Machado | REVISTA CINE QUA NON | Scoop.it

 

A escultura Pietá, de Michelangelo, que dá título ao filme Pietá, de Kim Ki-duk, é o pré-texto para que ele penetre nas entranhas do sistema financeiro que engendra dívidas pagáveis com o corpo dilacerado do trabalhador. O cenário é o bairro miserável de Cheonnggyecheon na Coréia do Sul habitado principalmente pela família de artesãos que trabalham em ferro. Kim Ki-duk metaforiza a impotência dos trabalhadores em quitá-las, por meio da amputação dos seus membros com as ferramentas de seu próprio trabalho. Amputação executada pelo coletor dos empréstimos devidos ao agiota, Kang-do [Lee Jung-jin], implacável. E, no núcleo perverso desse sistema, Kim Ki-duk introduz uma dívida transferida de mãe para filho, encenada pela chegada de uma mulher [Cho Min-so]. Ela alega ser a mãe de Kang-do que abandonou quando bebê.

Nesse primeiro momento do filme, a brutalidade de Kang-do, incapaz de ser afetado por qualquer sentimento, vai sendo substituída pela piedade e outros sentimentos maternos de culpa e perdão. Entre o momento inicial e o final, dá-se uma reviravolta, quando o espectador finalmente compreende, no momento de concluir, que o determinante da cena é a vingança da mãe pela morte do seu filho, uma das vítimas de Kang-do, não sendo possível, no relacionamento entre os dois, nenhuma forma de redenção ou resgate. Assim, a plasticidade explosiva de Kim ki-duck nua e crua, mostra o que a escultura da Pietá reveste de beleza : Jesus Cristo como representante de todos os homens e redentor de seus pecados morto na cruz e Nossa Senhora como a mãe protetora que chora o destino do homem, pede piedade á Deus.

Pietá, de Kim Ki-duc. Coréia do Sul, 2012
Autora: Dinara Machado Guimarães.

more...
No comment yet.
Scooped by Conceição Crestana
Scoop.it!

Cinema une arte e informática | Arte | Nova Escola

Cinema une arte e informática | Arte | Nova Escola | REVISTA CINE QUA NON | Scoop.it
Reportagem mostra como professoras de 3ª e 4ª séries ensinam seus alunos a produzir curtas-metragens, unindo o cinema à informática.
more...
No comment yet.
Scooped by Conceição Crestana
Scoop.it!

Caminhos do Cinema Português

Caminhos do Cinema Português | REVISTA CINE QUA NON | Scoop.it
Caminhos do Cinema Português - XIXª Edição - 9 a 17 de Novembro de 2012 (Festival Caminhos do Cinema Português promove curso de iniciação à realização cinematográfica.
more...
No comment yet.
Scooped by Conceição Crestana
Scoop.it!

Filmes para o público infantil | Revista do Cinema Brasileiro | TV Brasil

Filmes para o público infantil | Revista do Cinema Brasileiro | TV Brasil | REVISTA CINE QUA NON | Scoop.it
Foram eles que, nos anos 1990, mantiveram o cinema brasileiro de pé...
more...
No comment yet.
Scooped by Conceição Crestana
Scoop.it!

Cine Revista

Cine Revista | REVISTA CINE QUA NON | Scoop.it
CINE REVISTA: Revista eletrônica de cinema. Críticas e matérias sobre filmes. Lançamentos em VHS e DVD e filmes em cartaz em Porto Alegre - RS. Quadros de cotações. Previews. Matérias especiais sobre cinema em geral.
more...
No comment yet.
Scooped by Conceição Crestana
Scoop.it!

"Marina Abramovic - Artista Is Presente" (Matthew Akers) by Ihering Guedes Alcoforado

"Marina Abramovic - Artista Is Presente" (Matthew Akers) by Ihering Guedes Alcoforado | REVISTA CINE QUA NON | Scoop.it

 PETER RADSHAW  critico do de The Guardian entende que Marina Abramović  com  a performace The Artist Is Present que fez no MoMA-NY na retrospectiva de sua obra,   e que resultou no filme  dirigido por Matthew Akersse, se  institui como a Maria Callas da arte performática e,  tudo isso em função do que ele descreve como sendo uma  "The piece consisted simply of Abramović, seated at a table in a sort of Whistler's Mother pose; onlookers were invited to become part of the exhibit by coming into the performance space and, seated opposite, gazing into her eyes for a few minutes before being moved on: the performance would continue all day every day for three months”


Para o referido critico.  tal performance,  é  apresentada como pura arte e o resultado  é um evento que eletrifica o público:  "A benign group delirium progressively takes hold as everyone becomes moved to tears in Abramović's presence, many unselfconsciously adopting a hand-on-heart posture. And the event does have something real to say: in our daily lives we never look intently, for a long time, into someone else's face, the mysterious primal seat of personality and identity. (Perhaps even the most intense of lovers get out of the habit after a month or so.) A highly diverting film.”

 

 


http://www.youtube.com/watch?v=jY3VwmiT3j4&feature=player_embedded#!

 

more...
No comment yet.
Scooped by Conceição Crestana
Scoop.it!

O mundo de Sofia - filme completo

"O Mundo de Sofia (Sofies verden em norueguês) é um romance escrito por Jostein Gaarder, publicado em 1991. O livro foi escrito originalmente em norueguês, mas já foi traduzido para mais de 50 línguas, teve sua primeira edição em português em 1995, que atualmente se encontra em sua 70ª reimpressão. Somente na Alemanha foram vendidos 3 milhões de cópias. O livro funciona tanto como romance, como um guia básico de filosofia. Também tem temas conservacionistas e a favor da ONU. Em 1999, foi adaptada para um filme norueguês; entretanto, não foi largamente publicado fora da Noruega. Esse filme também foi apresentado como uma minissérie na Austrália, se não em outros lugares. Também foi adaptado para jogo de PC pela Learn Technologies em 1998.Recentemente, em 2008 essa versão cinematográfica do livro foi lançado no Brasil oficialmente em DVD".

 

more...
No comment yet.
Scooped by Conceição Crestana
Scoop.it!

Revista de Cinema | Online

Revista de Cinema | Online | REVISTA CINE QUA NON | Scoop.it

Este site da Revista de CINEMA utiliza-se de matérias publicadas na revista impressa, assim como também produz seu próprio conteúdo, especialmente informações diárias sobre a atividade audiovisual, dos lançamentos no cinema, das novas produções para o cinema e a televisão. Tem uma sessão exclusiva e com destaque para a produção de TV e o cinema feito fora do eixo Rio/São Paulo.

more...
No comment yet.