Usando o design thinking para repensar a educação | Pierre Lévy | Scoop.it

Patricia Dranoff, estudante de design e voluntária do Porvir, dividiu impressões sobre oficina Education DesignShop, do MIT

A brasileira Patricia Dranoff, 21, que mora nos EUA desde os 5 anos, dividiu com a redação sua recente experiência “hands-on” na oficina Education DesignShop, promovido pelo MIT e com instrutores da Nuvu Studio. Em São Paulo para suas férias de verão e um estágio voluntário no Porvir, a estudante de design contou sua experiência no workshop, que ocorreu em um fim de semana de maio e tinha por objetivo usar técnicas de design thinking para repensar sistemas educativos. “Nós identificamos as questões que sentíamos na pele como alunos no sistema educacional e trabalhamos em várias propostas de soluções”, afirmou a jovem.

Como na NuVu, em que o “design do design” define a própria educação, no evento o processo de criação também foi muito valorizado, segundo Patricia. “Estávamos buscando gerar ideias para o sistema educacional”, contou a jovem. E, para que essa construção fosse ainda mais rica, os 100 participantes foram divididos em 25 grupos de 4, sempre combinando um educador, um estudante, um profissional e um gestor público. Durante o fim de semana, o time teria que trabalhar na ideia de um produto que trouxesse uma resposta a um problema real da educação. Os melhores seriam premiados.


Via Luciano Sathler