Línguas Brasileiras
171 views | +0 today
Follow
Línguas Brasileiras
Discussões acerca da comunicação
Curated by DéboraViviane
Your new post is loading...
Your new post is loading...
Scooped by DéboraViviane
Scoop.it!

Que norma culta é essa?

A norma culta da língua portuguesa é a única correta, certo? Então, vale a pena ler o que pensa Vandersi Sant'anna Castro, que pretende apimentar a discussão sobre esse conceito

 

"É essa variedade que é ensinada na escola, que é usada nos documentos oficiais e em livros, jornais, revistas, televisão e rádio. Considerando-se a extensa área do país, e a existência de vários centros urbanos importantes, de onde emana a norma culta, reconhece-se que essa norma culta apresenta algumas diferenças de região para região. Não há, pois, uma única norma culta vigente em todo o país. Considerando, ainda, que a variação estilística é uma realidade a que os falantes não podem escapar, o desempenho dos falantes em situações de diferentes graus de formalidade, permite a observação de diferenças na norma culta, em correspondência a diferentes graus de formalidade na elocução. Deve-se observar, ainda, que, considerando-se que os falantes não escrevem como falam, a norma culta se desdobra em uma modalidade oral e uma modalidade escrita."

 

Vandersi Sant'Anna Castro

more...
No comment yet.
Scooped by DéboraViviane
Scoop.it!

Um país de múltiplos falares, nas palavras de Patrícia Mariuzzo

 

A revista Patrimônio, uma revista eletrônica do IPHAN, apresenta um texto bastante curioso de Patricia Mariuzzo, que esboça um belo traçado da história de nossa(s) língua(s).

 

Essa história tem influenciado a formação (ou seria transformação?) de nossos falares? Acesse o link, leia, reflita e construa sua posição!

more...
No comment yet.
Scooped by DéboraViviane
Scoop.it!

Polêmica ou ignorância? « Marcos Bagno

Polêmica ou ignorância? « Marcos Bagno | Línguas Brasileiras | Scoop.it

Dá bastante discussão, não?

 

"Para surpresa de ninguém, a coisa se repetiu. A grande imprensa brasileira mais uma vez exibiu sua ampla e larga ignorância a respeito do que se faz hoje no mundo acadêmico e no universo da educação no campo do ensino de língua.

Jornalistas desinformados abrem um livro didático, leem metade de meia páginae saem falando coisas que depõem sempre muito mais contra eles mesmos doque eles mesmos pensam (se é que pensam nisso, prepotentementeconvencidos que são, quase todos, de que detêm o absoluto poder da informação). (...)"

more...
No comment yet.
Scooped by DéboraViviane
Scoop.it!

Variantes Regionais Diatópicas, por Débora Viviane

Variantes Regionais Diatópicas, por Débora Viviane | Línguas Brasileiras | Scoop.it

Apresento, em link, uma experiência com o estudo de variantes regionais.

 

A ideia é que possamos tratar das nuances da língua que se fala. 

 

Talvez se trate do orgulho de pertencer a determinada comunidade interpretativa, ou de valorizar a diversidade.

more...
No comment yet.
Scooped by DéboraViviane
Scoop.it!

Professor Sírio Possenti traz reflexões esclarecedoras para o falante de qualquer língua brasileira

 

"Perdoem a possível simplificação, mas minha fala tem como objeto o professor de português em escolas brasileiras, com ênfase nas menos favorecidas. Ou seja, não vou me referir nem aos outros profissionais (a não ser indiretamente), nem vou esboçar perfis levando em consideração novas mídias ou suportes e alternativas profissionais.


Escrevi, antigamente (Possenti, 1986), um texto que se chamou “Para um novo perfil do professor de português” e depois, com Ilari (Ilari e Possenti, 1987) um trabalho que se destinava a combater a idéia de professor como “sabe tudo”, entendido como o que não cai em pegadinhas, ou seja, o que conhece curiosidades (conjugar os verbos irregulares e não ter dúvida sobre a pronúncia correta de subsídio, obeso e biótipo), e cujo objetivo principal era dizer que, para alguém ser um bom professor de português, mais fundamental do que a quantidade de “saber” é sua atitude."

more...
No comment yet.
Scooped by DéboraViviane
Scoop.it!

Variações Linguísticas - 9º ano

Variações Linguísticas - 9º ano | Línguas Brasileiras | Scoop.it

 

O Poeta da Roça


Sou fio das mata, canto da mão grossa,
Trabáio na roça, de inverno e de estio.
A minha chupana é tapada de barro,
Só fumo cigarro de paia de mío.

Sou poeta das brenha, não faço o papé
De argun menestré, ou errante cantô
Que veve vagando, com sua viola,
Cantando, pachola, à percura de amô.
Não tenho sabença, pois nunca estudei,
Apenas eu sei o meu nome assiná.
Meu pai, coitadinho! Vivia sem cobre,
E o fio do pobre não pode estudá.

Meu verso rastero, singelo e sem graça,
Não entra na praça, no rico salão,
Meu verso só entra no campo e na roça
Nas pobre paioça, da serra ao sertão.
(...)

Patativa do Assaré

more...
Mercia Zoqui Frugoli's comment, October 16, 2012 3:56 PM
Débora, adorei este post...
Débora Viviane's comment, October 17, 2012 7:44 PM
Obrigada, Mércia.