Qual a melhor idade para as crianças praticarem esportes? | Esportes na melhor Idade | Scoop.it

 

Todas as idades são adequadas! A prática de esportes é mais do que indicado para crianças, mas vale lembrar que as atividades físicas devem fazer parte do dia-a-dia de maneira equilibrada, sempre respeitando as habilidades motoras e a capacidade individual de aprendizado. A ideia não é criar uma rotina chata e obrigatória, toda e qualquer atividade para as crianças devem contribuir de forma positiva para o físico e a mente. As crianças devem praticar esportes por diversão e não para satisfazer o sonho dos pais de ter um filho atleta.
Quando a atividade física é tratada como brincadeira, sem regras e sem exigências, há mais chances de a criança ser conquistada. Dados da Academia de Pediatria mostram que 75% das crianças obrigadas a praticar esportes de que não gostam deixam de praticá-los por volta dos 15 anos de idade, com grandes chances de tornarem-se sedentárias. Veja como introduzir o esporte na vida do seu filho de acordo com a faixa etária:
- Entre os quatro e os seis anos o início do contato deverá ser feito de maneira prazerosa, apenas como uma brincadeira para passar o tempo. O objetivo é aprender a correr, pedalar ou a praticar atividades em grupo, experimentando diversas modalidades, sem a obrigação de seguir regras específicas;
- A partir dos sete anos a criança já estará preparada para escolher qual esporte mais gosta, de acordo com suas habilidades e preferências, deixe-a livre para decidir;
- Com 12 anos ela passará a se interessar por esportes mais competitivos, é a melhor fase para identificar a modalidade ideal para os filhos, sempre respeitando os limites dos pequenos. O grande problema dessa faixa etária é o gosto por ver TV, jogar videogame ou navegar na internet. Por isso é importantíssimo incluir atividades físicas na vida dessas crianças;
- Na pré-adolescência é possível introduzir a musculação, para aproveitar a ação dos hormônios que começam a ser produzidos. Esportes coletivos também são ótimos aqui, para melhorar o relacionamento e a socialização. Já as opções individuais aprimoram a concentração e o autoconhecimento.
Enfim, a prática esportiva é para todos, basta respeitar as preferências e os limites de cada um!