Inovação Educacional
368.8K views | +82 today
Follow
 
Scooped by Luciano Sathler
onto Inovação Educacional
Scoop.it!

'Altered Carbon' imagina humanidade sem limites

'Altered Carbon' imagina humanidade sem limites | Inovação Educacional | Scoop.it
Já em "Altered Carbon", nova série da Netflix, a exploração surge da questão: quais seriam as implicações sociais caso nossos corpos não passassem de invólucros para memórias que podem ser eternamente transferidas?
more...
No comment yet.
Inovação Educacional
Noticias, publicacoes e artigos de opiniao que abram caminhos para a inovacao educacional.
Your new post is loading...
Your new post is loading...
Scooped by Luciano Sathler
Scoop.it!

A escola como espaço de valorização da vida e de combate à solidão

A escola como espaço de valorização da vida e de combate à solidão | Inovação Educacional | Scoop.it

Por Luciano Sathler

A adoção de metodologias ativas e de tecnologias digitais oferece novas e maiores possibilidades para que a aprendizagem social e emocional seja trabalhada no contexto da sala de aula.
É interessante notar esse potencial. Pois crianças, adolescentes e jovens que cresceram diante de videogames, com pouquíssima experiência de brincar na rua e fortemente conectados em redes sociais são as que correm mais riscos de sofrimento com a solidão, a depressão, além de uma série de outros sentimentos negativos e transtornos mentais. Isso tem impacto direto no desempenho na aprendizagem.
Uma pesquisa recente afirmou que acessar sites como Twitter, Facebook e Snapchat por mais de duas horas por dia dobra a probabilidade de alguém se sentir isolado – com impactos mais profundos em jovens adultos.
Em outra investigação, o Instagram foi considerado a pior rede social quanto aos impactos negativos sobre a saúde mental dos jovens, entre 14 e 24 anos. Na ocasião, foram avaliados aplicativos populares em quesitos como ansiedade, depressão, solidão, bullying e imagem corporal.
O apoio psicopedagógico nas escolas tornou-se quase um serviço de emergência, que atende crianças e jovens que lidam com receios e preocupações que gerações anteriores não vivenciavam com essas idades. Relações familiares em crise permanente, a baixa autoestima, a infelicidade, o cyberbullying e a automutilação passam a invadir as relações de ensino-aprendizagem, o que torna muito difícil avançar a contento se priorizados apenas os aspectos cognitivos ou disciplinares.
O contato entre grupos pode reforçar estereótipos anteriores e aumentar a hostilidade entre os diferentes, o que se transfere para o universo digital. Viver em cidades grandes e pertencer a uma família com renda mais baixa também aumenta a solidão infantil.
A aprendizagem social e emocional é uma abordagem que ensina os indivíduos a reconhecer, regular e expressar os aspectos sociais e emocionais para que possam gerenciar com sucesso sua vida. Isso pode ser adquirido ou fortalecido desde que consciente e explicitamente projetado para criar atitudes, comportamentos e cognições que promovam relações sociais saudáveis, bem-estar pessoal e realização acadêmica.
Promover a aprendizagem social e emocional não pode ser encarado como um programa, mas sim uma abordagem programática, que pede capacitação específica dos docentes e do corpo técnico-administrativo nas escolas.
Uma pesquisa realizada no contexto norte-americano detalha quais as principais habilidades da aprendizagem social e emocional a serem perseguidas no planejamento de aulas, por meio de atividades especificamente desenhadas para se alinhar aos objetivos relacionados ao conteúdo da unidade curricular.
Estamos em dezembro de 2018 quando escrevo este pequeno texto, um tempo que convida à renovação da esperança e ao planejamento para tentar alcançar realizações significativas nos próximos 12 meses. Incluir a aprendizagem social e emocional dentre os objetivos e estratégias das metodologias ativas só vai trazer ganhos para educadores e estudantes. Leia mais abaixo.


Principais habilidades da aprendizagem social e emocional*
AUTOCONHECIMENTO
− Reconhecer e nomear as próprias emoções
− Compreender as razões e circunstâncias dos próprios sentimentos
AUTORREGULAÇÃO DAS EMOÇÕES
− Verbalizar e lidar com a ansiedade, a raiva e a depressão
− Controlar os impulsos, a agressividade, os e comportamentos antissociais e autodestrutivos
− Reconhecer seus pontos fortes e mobilizar sentimentos positivos sobre si mesmo, a escola, a família e redes de apoio
AUTOMONITORAMENTO E DESEMPENHO
− Focar nas tarefas imediatamente em mãos
− Estabelecer metas de curto e longo prazo
− Modificar o desempenho a partir de orientações recebidas
− Mobilizar a motivação positiva
− Ativar esperança e otimismo
− Trabalhar para alcançar ideais de desempenho
EMPATIA
− Desenvolver mais e melhores mecanismos de interação para uso na vida cotidiana
− Tornar-se um bom ouvinte
− Aumentar a empatia e a sensibilidade para com os sentimentos dos outros
− Compreender as perspectivas, pontos de vista e sentimentos dos outros
HABILIDADES SOCIAIS NO CUIDADO DOS RELACIONAMENTOS
− Gerenciar emoções nos relacionamentos, harmonizar sentimentos e pontos de vista diversos
− Expressar emoções de maneira aberta e equilibrada
− Exercer assertividade, liderança e persuasão
− Trabalhar como parte de uma equipe e ser capaz de aprender de forma colaborativa
− Mostrar sensibilidade a sugestões sobre atitudes e comportamentos
− Exercitar a tomada de decisão quanto a aspectos de relacionamento e de resolução de problemas
− Responder de forma construtiva e com atitude de solução de problemas aos obstáculos interpessoais

 

* Fonte: NORRIS, Jacqueline A. Looking at classroom management through a social and emotional learning lens. Theory Into Practice, Volume 42, Number 4, Autumn 2003, pp. 313-318.

more...
No comment yet.
Scooped by Luciano Sathler
Scoop.it!

Tim Cook, da Apple, detona dados do mal e pede controle

Tim Cook, da Apple, detona dados do mal e pede controle | Inovação Educacional | Scoop.it
Em artigo da Campaign, veja a posição de Tim Cook sobre o que ele chama de "data shadow economy", ou a economia dos dados obscuros, falsos em verdade, que enganam a todos nós. Controle imediato!
more...
No comment yet.
Scooped by Luciano Sathler
Scoop.it!

Instituto Nacional do Semiárido abre 27 vagas para técnicos, especialistas e pesquisadores

Instituto Nacional do Semiárido abre 27 vagas para técnicos, especialistas e pesquisadores | Inovação Educacional | Scoop.it

A contratação dos profissionais se dará por meio de bolsas PCI e as remunerações variam entre R$ 900,00 a R$ 5.200,00 reais e a admissão será imediata. Há vagas para agrônomos, zootecnistas, agroecólogos, biólogos, médicos veterinários, engenheiros florestais, jornalistas, geógrafos, engenheiros da computação, engenheiros sanitário, químico e ambiental, dentre outros. A exigência de formação para o preenchimento da maioria dos cargos vai desde a graduação até o doutorado

O Insa (Instituto Nacional do Semiárido), Unidade de Pesquisa do MCTIC (Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovação e Comunicações) abriu nessa sexta-feira, dia 18 de janeiro, a seleção de 27 vagas para preenchimento de cargos para técnicos,  especialistas e  pesquisadores que contribuirão com a execução de projetos de pesquisa no âmbito do Programa de Capacitação Institucional (PCI).

Os profissionais selecionados atuarão em sete projetos distintos, Projeto 1: Conhecimento, conservação e uso da biodiversidade vegetal do Semiárido brasileiro, Projeto 2: Promoção, preservação, conservação e uso sustentável de espécies animais nativas do Semiárido brasileiro, Projeto 3: Sistemas de produção de espécies vegetais e animais do Semiárido Brasileiro, Projeto 4: Mapeamento, análises e identificação de agroecossistemas resilientes amudanças climáticas e desertificação no Semiárido brasileiro, Projeto 5: Pedohidrologia, mineralogia, microbiologia e dinâmica da matéria orgânica e de metais pesados em solos de referência e sob processos de desertificação no Semiárido Brasileiro, Projeto 6: Acesso e Difusão da informação e do conhecimento sobre o Semiárido Brasileiro e Projeto 7: Recursos Hídricos no Semiárido Brasileiro.

Os candidatados deverão submeter a proposta por meio de preenchimento de formulário disponibilizado pelo Insa e enviá-las até o dia 31 de janeiro para o e-mail pci@insa.gov.br. O resultado da seleção será divulgado na data de 16 de fevereiro.

Clique no título para ler na íntegra. 

more...
No comment yet.
Scooped by Luciano Sathler
Scoop.it!

Ciência da China busca liderança, mas pressa e autoritarismo levam a desconfiança 

Ciência da China busca liderança, mas pressa e autoritarismo levam a desconfiança  | Inovação Educacional | Scoop.it

Segundo a Web of Science, que mapeia pesquisas publicadas em periódicos especializados com revisão por pares (ou seja, na qual cientistas de determinada área analisam o trabalho antes da publicação), os mais de 400 mil artigos científicos publicados por chineses colocam o país no segundo lugar do ranking mundial, atrás apenas dos EUA.
Dependendo da base de dados utilizada, pode-se considerar que a China até já ultrapassa ligeiramente os EUA. É o que diz um levantamento de 2018 da NSF (Fundação Nacional de Ciência americana), com base no sistema Scopus. 
Apenas a União Europeia, com sua produção de pesquisas somada, é que ainda ultrapassaria com folga os chineses. Nos últimos dez anos, o crescimento das publicações vindas do país foi de mais de 2,5 vezes —o Brasil, que também teve expansão de suas pesquisas, não chegou a dobrar o número de artigos. 

more...
No comment yet.
Scooped by Luciano Sathler
Scoop.it!

Cultura Científica e Cibercultura: a experiência do Laboratório Aberto de Interatividade (LAbI) com narrativas de ciência nos espaços físico e virtual

Cultura Científica e Cibercultura: a experiência do Laboratório Aberto de Interatividade (LAbI) com narrativas de ciência nos espaços físico e virtual | Inovação Educacional | Scoop.it

E-book gratuito. Cultura Científica e Cibercultura: a experiência do Laboratório Aberto de Interatividade (LAbI) com narrativas de ciência nos espaços físico e virtual

more...
No comment yet.
Scooped by Luciano Sathler
Scoop.it!

"Dono do Enem é o nosso presidente Bolsonaro", diz indicado para o Inep 

"Dono do Enem é o nosso presidente Bolsonaro", diz indicado para o Inep  | Inovação Educacional | Scoop.it
"Ele é quem tem que dar as diretrizes, estamos aqui cumprindo uma missão do presidente. O dono do Enem termina sendo o nosso presidente, que é o único que teve 60 milhões de votos e é quem pode responder, mudar e realinhar (a prova). Ele tem esse aval", diz Rodrigues.
more...
No comment yet.
Scooped by Luciano Sathler
Scoop.it!

Como se organiza e funciona o Ministério da Educação

Como se organiza e funciona o Ministério da Educação | Inovação Educacional | Scoop.it

Fazem parte da estrutura do MEC, além de suas secretarias, o Instituto Nacional de Educação de Surdos, o Instituto Benjamin Constant (centro de referência na área de deficiência visual) e o Conselho Nacional da Educação (órgão de assessoramento do ministério).
Este último foi responsável por aprovar, durante o governo Temer, a nova BNCC (Base Nacional Comum Curricular). O documento determina as habilidades e competências que serão exigidas dos alunos e ajudará a definir os conteúdos ensinados em sala de aula. Os currículos deverão se adaptar até 2020 no ensino fundamental e até 2021 no ensino médio.

more...
No comment yet.
Scooped by Luciano Sathler
Scoop.it!

Como o mal-estar na identidade masculina molda a política dos nossos tempos

Como o mal-estar na identidade masculina molda a política dos nossos tempos | Inovação Educacional | Scoop.it
Autora investiga como a mudança na ideia de masculinidade, acelerada por transformações sociais, abriu espaço também para expressões políticas baseadas em ideias preconceituosas.
more...
No comment yet.
Scooped by Luciano Sathler
Scoop.it!

Pelo fim da intolerância 

Pelo fim da intolerância  | Inovação Educacional | Scoop.it

Ela garante ao estudante, em razão do exercício da liberdade de consciência e de crença, o direito de, mediante prévio e motivado requerimento, se ausentar de prova ou de aula marcada para dia em que, segundo os preceitos de sua religião, seja vedado o exercício de tais atividades --que devem ser realizadas em outro momento, de acordo com a lei.
Somos um país extremamente plural e cheio de diversidade, um mosaico cultural que deve ser valorizado e protegido. Por isso, não podemos deixar que nossas diferenças religiosas nos separem e nos façam inimigos. Afinal, antes de termos ou não uma religião, somos humanos e possuímos uma dignidade intrínseca por demais bela e inalienável.

more...
No comment yet.
Scooped by Luciano Sathler
Scoop.it!

Aluno pobre tem só 0,16% de chance de estar entre os melhores do Enem

Aluno pobre tem só 0,16% de chance de estar entre os melhores do Enem | Inovação Educacional | Scoop.it

Somente um pequeno grupo de 293 alunos brasileiros que estudaram em condições extremamente desfavoráveis conseguiu ter nota no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2017 equivalente à da elite dos colégios do País. Apesar de pobres e em escolas com infraestrutura precária, esses jovens contrariam as estatísticas, que mostram que o desempenho educacional está quase sempre relacionado às condições em que o aluno vive e estuda. Pelos dados, o aluno pobre tem só 0,16% de chances de estar entre as melhores notas do Enem.
O peso desses fatores socioeconômicos é de até 85% no resultado de quem presta o Enem – principal porta de entrada no ensino superior público e privado do País. Levantamento feito pelo cientista de dados e mestre em Economia do Setor Público pela Universidade de Brasília (UnB) Leonardo Sales cruzou dados de 1,3 milhão de candidatos cujas notas estavam disponíveis. Naquela edição, cerca de 4,6 milhões de alunos prestaram o teste.
Aluno pobre tem só 0,16% de chance de estar entre os melhores do Enem. Foto: Diego Herculano / Estadão
Para fazer o cálculo, contou-se um “ponto” para cada condição geralmente relacionada a um baixo desempenho para a nota. São elas: cursar o ensino médio em colégio municipal ou estadual, não ter carro, computador, acesso à internet nem telefone fixo, ter frequentado escola com pouca infraestrutura (como baixo número de funcionários ou poucos equipamentos multimídia) e renda familiar inferior a R$ 312 por pessoa (equivalente a um terço do salário mínimo naquele ano).
No total, 176,9 mil candidatos do Enem daquele ano somaram dez pontos – estavam associados a todas essas condições adversas de uma só vez. Apenas 293 tiveram pontuação suficiente para entrar no grupo dos alunos mais favorecidos – o extremo oposto, sem preencher nenhum dos dez requisitos de vulnerabilidade socioeconômica. Significa que o aluno pobre tem apenas uma chance em 600 (0,16%) de ficar entre as 5% melhores notas. E, desse total de estudantes no topo, só 0,4% são desse estrato mais pobre.

more...
No comment yet.
Scooped by Luciano Sathler
Scoop.it!

Relatório da OCDE reprova exame brasileiro que avalia ensino superior

Relatório da OCDE reprova exame brasileiro que avalia ensino superior | Inovação Educacional | Scoop.it
A eficácia da principal avaliação de ensino superior do País é criticada por um relatório da Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE, na sigla em português), divulgado nesta sexta-feira, 21. Feita a pedido do Ministério da Educação (MEC), a análise questiona a continuidade da aplicação do Exame Nacional de Desempenho dos Estudantes (Enade), pois avalia que a prova tem objetivos “irreais” e falha na tarefa de atestar a qualidade das graduações.
more...
No comment yet.
Scooped by Luciano Sathler
Scoop.it!

A qualidade da educação superior brasileira – Simon's Site

A Organização Para a Cooperação Econômica e Desenvolvimento (OECD) publicou ontem um estudo sobre o sistema brasileiro de avaliação da educação superior, Rethinking Quality Assurance for Higher Education in Brazil, cujo resumo executivo em português, preparado pelo Ministério da Educação, está disponível aqui. O Jornal O Estado de São Paulo publica hoje, 22/12/2018, uma matéria sobre o documento, por Isabela Palhares, sobretudo sobre a parte referida ao Exame Nacional de Desempenho dos Estudantes (ENADE), assim como uma versão resumida deste texto meu.
more...
No comment yet.
Scooped by Luciano Sathler
Scoop.it!

The Future of Work Framework – Future of Work

The Future of Work Framework – Future of Work | Inovação Educacional | Scoop.it
NASA’s Office of the Chief Human Capital Officer (OCHCO) has undertaken research to understand the disruptors driving the future of work and implications for NASA so that it can evolve talent strategies aligned with the new work, workforce and workplace of tomorrow. The result is the Future of Work – a report and framework, which reveals eight major themes that highlight insights, challenges and tangible opportunities for NASA. The Future of Work acts as a foundational compass as NASA embarks on a new journey toward a future that enables its workforce to be adaptable, resilient, productive and bold.
more...
No comment yet.
Scooped by Luciano Sathler
Scoop.it!

Hotel no Japão demite robôs que estavam incomodando hóspedes

Hotel no Japão demite robôs que estavam incomodando hóspedes | Inovação Educacional | Scoop.it
Quando foi inaugurado, em 2015, o empreendimento chamou a atenção pela ideia inovadora de substituir humanos por máquinas. Mas, ao que parece, apesar de moderna, a ideia não deu tão certo assim. Nesta segunda-feira (14), o jornal americano The Wall Street Journal divulgou que recentemente o hotel teve que tomar uma medida radical e “demitir” boa parte de seus funcionários. O motivo? Ao invés de facilitar as férias dos hóspedes, os robôs estavam sendo inconvenientes.
more...
No comment yet.
Scooped by Luciano Sathler
Scoop.it!

Organizando a Educação: por que criar um Sistema Nacional de Educação?

Organizando a Educação: por que criar um Sistema Nacional de Educação? | Inovação Educacional | Scoop.it

Apesar de contarmos com regras de governança já estabelecidas, inclusive com o incentivo a um regime de colaboração entre os entes, o conjunto de aparatos normativos e técnicos não se mostra suficiente para a efetiva organização do sistema educacional. Ainda que alguns temas surjam com certa obviedade quando falamos de desafios – analfabetismo, distorção idade-série, evasão escolar -, estes não são as únicas causas das irregularidades e da falta de oportunidades iguais que aflige nossa Educação. Um grande entrave está na insuficiência da regulamentação das normas de cooperação e colaboração entre os entes federativos, de modo que se garanta uma Educação nacional de qualidade com equidade. Este entrave deve ser enfrentado por meio de lei complementar de regulação do Sistema Nacional de Educação (SNE), como previsto na Constituição Federal de 1988 e no Plano Nacional de Educação (PNE).
São quatro os principais problemas decorrentes dessa insuficiência de regulamentação do SNE. Primeiramente, uma grave fragilidade na regulamentação das atribuições e responsabilidades dos entes, o que pode ser ilustrado pela competição entre redes de ensino por matrículas dentro de um mesmo território para garantir financiamento. Em segundo lugar, a ausência de pactuação: não temos espaços instituídos para tomadas de decisão de forma conjunta, de modo a termos situações nas quais uma dada rede estadual tem um calendário escolar e as redes municipais, outro. Em terceiro lugar, não resolvemos a contento a conhecida fragilidade técnica dos municípios, principalmente dos menores, que têm baixa arrecadação e capacidade técnica, com dificuldades de manter uma rede de ensino de qualidade. Por fim, há pouca colaboração entre os entes: estados e municípios trabalham de forma isolada e pouco colaborativa. É importante lembrar que o maior prejudicado é o aluno ao qual não se garante uma trajetória escolar coerente, equânime e de qualidade.

more...
No comment yet.
Scooped by Luciano Sathler
Scoop.it!

Cientista chinês que criou 'bebês editados' é demitido de universidade

Cientista chinês que criou 'bebês editados' é demitido de universidade | Inovação Educacional | Scoop.it

O cientista chinês He Jiankui, que em novembro passado afirmou ter criado os primeiros bebês modificados geneticamente da História , foi demitido da universidade em que trabalhava após uma investigação do governo da China sobre seu trabalho.
O anúncio do nascimento de duas gêmeas que tiveram o DNA alterado com o objetivo de torná-las resistentes ao vírus HIV, que causa a Aids, recebeu muitas críticas em todo o mundo, inclusive na China. Vários cientistas consideraram o ato uma "loucura" e questionaram a ética e a segurança do tipo de pesquisa que He Jiankui conduziu.
As autoridades chinesas paralisaram todas as pesquisas envolvendo edição de genes humanos no país e iniciaram uma investigação sobre He Jiankui, que concluiu que ele "deliberadamente evitou a supervisão" de seus estudos, buscou financiamento privado e organizou uma equipe para realizar a pesquisa "almejando fama e lucro", segundo publicou a agência de notícias chinesa Xinhua.

more...
No comment yet.
Scooped by Luciano Sathler
Scoop.it!

Cursos de Medicina NÃO Podem Ser Mais Criados no Brasil; Qual é o Verdadeiro Motivo?

Cursos de Medicina NÃO Podem Ser Mais Criados no Brasil; Qual é o Verdadeiro Motivo? | Inovação Educacional | Scoop.it
Entretanto, o que foi motivo de comemoração para uns, foi de abominação para outros. No mesmo dia, instituições como a Associação Brasileira de Mantenedoras do Ensino Superior (Abmes) e o Sindicato das Entidades Mantenedoras de Estabelecimentos de Ensino Superior no Estado de São Paulo (Semesp) publicaram notas repudiando a decisão. “A entidade considera inaceitável que a medida tenha como fundamento que associações de classe [...] apresentem sugestões que são típicas de proteção de mercado para aqueles que já se formaram”, pontuou o Semesp em e-mail enviado à imprensa.
more...
No comment yet.
Scooped by Luciano Sathler
Scoop.it!

Rapadura Valley? 5 polos de empreendedorismo que ganham força no Brasil

Rapadura Valley? 5 polos de empreendedorismo que ganham força no Brasil | Inovação Educacional | Scoop.it
Mas há outras regiões nem sempre consideradas polos de inovação no Brasil, mas que vêm conquistando resultados importantes – e revelado muitas startups de sucesso. Confira algumas delas:
more...
No comment yet.
Scooped by Luciano Sathler
Scoop.it!

Fique por dentro das dez tendências inovadoras da educação

Fique por dentro das dez tendências inovadoras da educação | Inovação Educacional | Scoop.it

As novas tecnologias fazem parte das tendências da educação. Para uma instituição que tem como premissa evoluir constantemente, é essencial a busca por melhorias no campo educacional. Investir em inovação traz liderança em qualidade de ensino.
Hoje, é fundamental que a instituição de ensino converse com os seus alunos e entenda que estamos lidando com uma nova geração. Por isso, é importante que educadores acompanhem as novidades e as tendências dessa transformação.
Confira quais as novidades que prometem revolucionar a educação brasileira:

Clique no título e leia matéria na íntegra

more...
No comment yet.
Scooped by Luciano Sathler
Scoop.it!

Diretor do Inep é remanejado para assessoria do Ministério da Educação

Diretor do Inep é remanejado para assessoria do Ministério da Educação | Inovação Educacional | Scoop.it

O economista Murilo Resende Ferreira, que tinha sido nomeado diretor de Avaliação da Educação Básica do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), foi remanejado para a assessoria da Secretaria de Educação Superior do Ministério da Educação (MEC).
Assinada pelo ministro-chefe da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, a portaria que anula a nomeação de Resende foi publicada em edição extra do Diário Oficial da União de quinta-feira (17). A nomeação para o cargo de assessor do Ministro da Educação (MEC), assinada pelo ministro Ricardo Vélez Rodríguez, foi publicada no Diário Oficial de sexta-feira (18).

more...
No comment yet.
Scooped by Luciano Sathler
Scoop.it!

Alfabetização digital é antídoto contra ódio, diz socióloga

Alfabetização digital é antídoto contra ódio, diz socióloga | Inovação Educacional | Scoop.it

O antídoto contra o discurso de ódio é a alfabetização digital. Isso é o que sugere Esther Solano Gallego, socióloga, professora da Unifesp e organizadora do livro “O Ódio Como Política - A Reinvenção das Direitas no Brasil” (ed. Boitempo), lançado ainda na esteira das eleições brasileiras de 2018. Para Solano, a reprodução de falas discriminatórias está ligada à educação excessivamente instrumentalizada praticada no país.
“É uma educação muito focada na ideia de formar trabalhadores, que é técnica e esquece a política. Vemos pessoas com ensino superior completo que dizem barbaridades e podem ser muito intolerantes. Essa incapacidade de convívio existe porque muitos brasileiros não foram ensinados a lidar com o diferente. Nem todo mundo está preparado afetivamente e intelectualmente para isso”, afirma a doutora em ciências sociais pela Universidad Complutense de Madri.

more...
No comment yet.
Scooped by Luciano Sathler
Scoop.it!

Uma reforma para o Inpi 

Uma reforma para o Inpi  | Inovação Educacional | Scoop.it
A despeito de sua relevância para o futuro dos negócios do país, o Inpi vive há décadas um verdadeiro estado de penúria. O órgão não tem estrutura para atender ao enorme fluxo de pedidos de exame de patentes a que é submetido e acumula um passivo absurdo de procedimentos administrativos. 
more...
No comment yet.
Scooped by Luciano Sathler
Scoop.it!

Uma escola de negócios focada no ensino a distância

A escola de negócios Trevisan, uma das mais tradicionais do país, criada há 35 anos, ganhou um novo sócio para dar início a um plano de expansão. Trata-se de VanDyck Silveira, ex-presidente do concorrente Ibmec, que chega para assumir também a presidência da Trevisan.
Antoninho Marmo Trevisan será o presidente do conselho de administração. O plano é crescer em ensino a distância, retomar os cursos in company e expandir internacionalmente. A empresa também planeja recriar a Trevisan Consulting, focada em estratégia e transformação organizacional.
A Trevisan tem atualmente 1.800 alunos no Rio de Janeiro, em São Paulo e em Ribeirão Preto e fatura 21 milhões de reais por ano. Entre os principais concorrentes estão a FGV, o Insper, a Dom Cabral e o próprio Ibmec.

more...
No comment yet.
Scooped by Luciano Sathler
Scoop.it!

Year in Review: 2018 in 14 Charts

Year in Review: 2018 in 14 Charts | Inovação Educacional | Scoop.it
1. Extreme poverty is at the lowest level in recorded history
In 1990, more than a third of people in the world lived in extreme poverty – living on $1.90 a day or less. In 2015, the most recent year with robust data, extreme poverty reached 10 percent, the lowest level in recorded history. Over the last three decades, more than one billion people lifted themselves out of extreme poverty, and about half of the world’s countries have reduced extreme poverty to below 3 percent.

This is one of the great achievements of our time, but we have a lot more work to do – 736 million people still live in extreme poverty, the pace of poverty reduction is slowing, and those living in extreme poverty will be harder to reach. The poverty rate in areas suffering from fragility, conflict, and violence climbed to 36 percent i
more...
No comment yet.
Scooped by Luciano Sathler
Scoop.it!

O evento em Harvard que discutiu soluções para a educação global

Transição lenta para o uso das tecnologias digitais
Apesar do estímulo do mercado e das instituições de ensino, ainda há muita dificuldade de popularizar as ferramentas digitais na sala de aula. Para o professor Luke Mawer, da Higher Colleges of Technology (United Arab Emirates), o sucesso na implementação depende de as crenças dos professores estarem alinhadas com as iniciativas tecnológicas.
Sundaram Ramachandran Santhanam, presidente da Association of International Mathematical Education and Research (Índia), diz que a chave está em combinar o uso de metodologias ativas, como storytelling, alinhadas a aplicativos, como o Geogebra – o que se mostrou efetivo em criar interesse em um grupo de alunos de 13 a 15 anos em matemática.

more...
No comment yet.
Scooped by Luciano Sathler
Scoop.it!

Série ‘Sementes da Educação’ mostra escolas brasileiras com propostas pedagógicas inovadoras

Série ‘Sementes da Educação’ mostra escolas brasileiras com propostas pedagógicas inovadoras | Inovação Educacional | Scoop.it

A Série ‘Sementes da Educação’ conta histórias de 13 escolas brasileiras que adotaram propostas pedagógicas inovadoras e transformadoras, exercendo um grande impacto positivo nos alunos e na sociedade. Os episódios estão disponíveis gratuitamente na plataforma Videocamp, desde segunda (14).
O diretor Hygor Amorim, com produção da OZ Produtora, circulou por seis estados brasileiros em busca dessas experiências. Uma delas é a Escola Janela, de Cavalcante (GO), na região da Chapada dos Veadeiros.
A instituição nasceu da iniciativa de um grupo de pais e amigos e tem como missão repensar o papel social da educação e contribuir para a formação de cidadãos mais íntegros e questionadores.

more...
No comment yet.