Folha de São Paulo, 04.03.2012

 

“O setor passa por consolidação”, diz o diretor técnico do Sebrae, Carlos Alberto dos Santos. “O serviço tinha demanda pela falta de acesso. Já ocorreu em outros países: à medida que aumenta o número de computadores nos lares e o acesso, o serviço deixa de ter importância.”