InfoPazPorto - EM REDE
261 views | +0 today
Follow
InfoPazPorto - EM REDE
O Porto e Portugal em rede pela paz
Curated by InfoPazPorto
Your new post is loading...
Your new post is loading...
Scooped by InfoPazPorto
Scoop.it!

Contra a agressão a Gaza

Contra a agressão a Gaza | InfoPazPorto - EM REDE | Scoop.it

Quase quatro anos passados sobre o início da criminosa incursão militar israelita contra a população palestiniana da Faixa de Gaza (27 de Dezembro de 2008 a 18 de janeiro de 2009), Israel desencadeou mais uma criminosa acção militar, de proporções e objectivos ainda não completamente conhecidos, com efeitos devastadores para o povo palestinino e com perdas de vidas humanas entre a população civil, incluindo crianças. Perante mais esta agressão o Conselho Português para a Paz e Cooperação convida todos a participarem nas acções de protesto em Lisboa e no Porto.

more...
No comment yet.
Scooped by InfoPazPorto
Scoop.it!

Dia Internacional da Paz

Dia Internacional da Paz | InfoPazPorto - EM REDE | Scoop.it

No Porto o Conselho Português para a Paz e Cooperação assinala o Dia Internacional da Paz, realizando dia 21 de Setembro, pelas 16h30 na Praça D. João I, uma sessão de solidariedade com o povo saharaui, que contará com a participação do representante da Frente Polisário em Portugal. O CPPC convida os seus aderentes e amigos a associarem-se à comemoração deste dia em prol da paz no mundo, participando nas suas acções em Lisboa e no Porto.

more...
No comment yet.
Scooped by InfoPazPorto
Scoop.it!

Por um Saara Livre e Independente

Por um Saara Livre e Independente | InfoPazPorto - EM REDE | Scoop.it

O Saara Ocidental continua sob ocupação Marroquina. Encontra-se dividido por um muro de mais de 2.000 kms que separa as zonas ocupadas por Marrocos, das zonas libertadas pela Frente Polisário.

 

O povo saarauí continua exilado. Montou a sua sociedade e o seu Estado no meio de um deserto desolador e hostil. Os acampamentos de refugiados localizam-se no sudeste da Argélia, em Tindouf.

 

A maioria das 200.000 pessoas são crianças, mulheres e idosos que sobrevivem graças à solidariedade internacional. Com grande esforço, organização e valentia, conseguiram montar uma estrutura administrativa extraordinária que lhes permitiu construir do nada, uma sociedade que conta com hospitais, escolas, jardins de infância, centros culturais,etc.

 

Marrocos implementou nos territórios ocupados uma política de terror, de violação dos mais elementares direitos humanos. Detenções em massa, prisões, saque das casas, torturas e assassinatos.

 

O exército marroquino toma de assalto as cidades. Um genocídio está a ser cometido contra o povo saaraui nos territórios ocupados, perante os olhos e o silêncio da comunidade internacional.

 

Portugal, enquanto membro do Conselho de Segurança das Nações Unidas e enquanto

Estado vinculado ao primado do direito, à luz dos seus próprios preceitos constitucionais e também da lei internacional, deve desenvolver os seus esforços diplomáticos e outros para:

 

1.-Assegurar que a Missão da ONU no Saara – MINURSO – reforce as suas capacidades e intervenção de forma a garantir a protecção dos direitos humanos, incluindo os cívicos e políticos, dos cidadãos saraauis residentes nos territórios ilegalmente ocupados.

 

2.- Actuar no sentido de que o Secretário-geral das Nações Unidas, a Assembleia-Geral e o Conselho de Segurança tomem todas as medidas necessárias para que se aplique, de uma vez por todas, as resoluções das Nações Unidas relativas ao direito à livre auto-determinação do povo saaraui, cuja pátria é o Saara Ocidental.

more...
No comment yet.
Scooped by InfoPazPorto
Scoop.it!

About Peace Action | Peace Action

About Peace Action | Peace Action | InfoPazPorto - EM REDE | Scoop.it

At Peace Action, we believe that war is not a suitable response to conflict, that every person has the right to live without the threat from nuclear weapons and that America has the resources and responsibility to both protect and provide for its citizens. What we do at Peace Action…

more...
No comment yet.
Scooped by InfoPazPorto
Scoop.it!

Jornal «Avante!» - Temas - «Sem outras políticas não se constrói a paz»

Jornal «Avante!» - Temas - «Sem outras políticas  não se constrói a paz» | InfoPazPorto - EM REDE | Scoop.it

«Fazer convergir a defesa da paz e a luta contra o imperialismo, pelo progresso económico e social, é o desafio colocado aos povos, explicou Ilda Figueiredo, Presidente do Conselho Português para a Paz e Cooperação (CPPC), em entrevista ao Avante. Esta foi uma das conclusões centrais da Assembleia do Conselho Mundial da Paz, que decorreu entre os dias 20 e 23 de Julho em Katmandu, no Nepal.»

more...
No comment yet.
Scooped by InfoPazPorto
Scoop.it!

O CPPC no Nepal

O CPPC no Nepal | InfoPazPorto - EM REDE | Scoop.it

Esta quinta-feira (dia 19), em Katmandu, Nepal, realizou-se a primeira atividade de preparação da Assembleia Geral do Conselho Mundial da Paz (CMP).

 

O Conselho Mundial da Paz é uma organização que existe há mais de seis décadas, cuja finalidade é unir forças na luta pela paz e contra os planos e ações de guerra das potências imperialistas.

 

A Assembleia do CMP realiza-se numa altura em que são crescentes as ameaças à paz mundial, à soberania dos povos e nações independentes e à segurança internacional.

 

O Conselho Português para a Paz e Cooperação esteve presente e foi representado por Ilda Figueiredo (também coordenadora do continente europeu), num encontro que contou com as presenças da presidenta do CMP, Socorro Gomes, do secretário-executivo, Iraklis Tsavadaridis, e do coordenador do Conselho da Paz e Solidariedade do Nepal, Rabindra Adhikari.

 

A Assembleia decorrerá entre os dias 20 e 23 de julho na capital nepalesa e contará com a presença das principais forças políticas do país.

 

Os principais trabalhos da Assembleia do CMP serão “Fortalecer a luta dos povos pela paz, contra as guerras imperialistas, pela solidariedade e a luta contra a opressão”.

 

Durante o encontro preparatório foram debatidos os seguintes pontos:

 

A guerra no Afeganistão e na região do Oriente Médio intensifica-se a ofensiva para reestruturar a região “por meio do intervencionismo e da guerra”.

 

Chamou-se a atenção para a recente guerra de agressão à Líbia, a criminosa ocupação israelense na Palestina e os frenéticos preparativos para atacar a Síria.

 

Na América Latina onde os povos avançam na conquista da democracia e da independência nacional. Relembraram-se o golpe de Estado ocorrido no Paraguai em 22 de junho último e as permanentes provocações e ameaças contra Cuba, Venezuela, Bolívia e Equador.

 

Na Assembleia de Katmandu, o Conselho Mundial da Paz reafirmará seu compromisso com a paz mundial, com a eliminação das armas nucleares, com a luta pela desocupação dos países agredidos por tropas estrangeiras, pelo desmantelamento da OTAN, pelo fim das bases militares
estrangeiras e pela autodeterminação dos povos.

 

Tudo isso requer que o Conselho Mundial da Paz se fortaleça e aumente sua capacidade de estruturação e mobilização, a fim de unir forças na luta pela paz

more...
No comment yet.
Scooped by InfoPazPorto
Scoop.it!

A Escalada de Violência no Médio Oriente: Hoje a Síria e Amanhã?

A Escalada de Violência no Médio Oriente: Hoje a Síria e Amanhã? | InfoPazPorto - EM REDE | Scoop.it

Dia 26 de Junho, terça-feira, pelas 18 horas.

Rua Fenianos Portuense, 29
4000-172 Porto

more...
No comment yet.
Scooped by InfoPazPorto
Scoop.it!

A página do InfoPazPorto no Facebook

A página do InfoPazPorto no Facebook | InfoPazPorto - EM REDE | Scoop.it
more...
No comment yet.
Scooped by InfoPazPorto
Scoop.it!

Rio+20: Serralves e a Conferência - Economia Verde e Desenvolvimento Sustentável

Rio+20: Serralves e a Conferência - Economia Verde e Desenvolvimento Sustentável | InfoPazPorto - EM REDE | Scoop.it

10 Mai - 19 Jul 2012 - das 21:30 às 23:00 - Quintas - Auditório de Serralves   

 

Há vinte anos a Conferência das Nações Unidas sobre o Meio Ambiente e o Desenvolvimento (Rio-92) teve subjacente a necessidade crucial de conciliar o desenvolvimento socioeconómico com a conservação e protecção dos ecossistemas da Terra. Além de importantes documentos e contributos para o edifício institucional multilateral, esta Cimeira consagrou o conceito de desenvolvimento sustentável, que se viria a tornar parte do discurso político nas décadas seguintes. Contudo, nem a implementação das políticas públicas nem a acção privada foram conducentes a um caminho tendente à sustentabilidade, entendida nas suas múltiplas vertentes: ambiental, económica e social.

Em Junho de 2012 decorrerá a Conferência Rio+20, que se centrará em dois tópicos: a economia verde no contexto do desenvolvimento sustentável e da erradicação da pobreza; e o quadro institucional para o desenvolvimento sustentável.

É para este grande debate contemporâneo que a Fundação de Serralves, no exercício da sua missão, pretende contribuir com este Ciclo de Conferências, adoptando os 7 domínios em que se centra a Conferência Rio+20 como mote para os 7 eventos deste Ciclo.

more...
No comment yet.
Scooped by InfoPazPorto
Scoop.it!

NATO Chicago "Take the Streets" Protest

A cimeira da NATO começou hoje em Chicago e o InfoPazPorto acompanha os protestos dos milhares de activistas que se juntaram para dar voz ao movimento mundial pela Paz.

more...
No comment yet.
Rescooped by InfoPazPorto from Peace News
Scoop.it!

Peace 2012 - a moment of peace

Peace 2012 - a moment of peace | InfoPazPorto - EM REDE | Scoop.it

What if, for one moment, all humanity could share an experience of peaceful gathering? What if, for one moment, we all stop and reflect on what we have in common, rather than what divides us? On December 21st 2012, the goal of Peace 2012 is to co-create a moment of peace and a global experience of unity.


Via Peace 2012
more...
Guillaume Besset's comment, November 4, 2011 12:00 PM
Hi,

What would you think about a free iphone application dedicated to share basics of Non Violent or Compassionate Communication ?

I started to make the functional skeleton under IOS, send me a mail if you are interested to cooperate with me! (bessetg@gmail.com www.eco-veille.com)
Scooped by InfoPazPorto
Scoop.it!

Cimeira da NATO | Facebook do CPPC

Cimeira da NATO | Facebook do CPPC | InfoPazPorto - EM REDE | Scoop.it

Por ocasião da Cimeira da NATO em Chicago, a 20 e 21 de MAio, e dando continuidade aos objectivos e aos compromissos da Campanha “Paz Sim! NATO Não!”, realizada em Portugal em 2010, o Conselho Português para a PAz e Cooperação e outras organizações pacifistas nacionais reafirmam:

· A exigência da retirada imediata das forças portuguesas envolvidas em agressões da NATO, nomeadamente do Afeganistão;
· A rejeição da instalação do sistema míssil dos EUA na Europa e de qualquer participação de Portugal neste;
· A rejeição da escalada de guerra no Médio Oriente, nomeadamente contra a Síria e o Irão;
· A reclamação do fim das bases militares estrangeiras e das instalações da NATO em território nacional;
· A reclamação da dissolução da NATO;
· A exigência do desarmamento e do fim das armas nucleares e de destruição massiva;
· A exigência do cumprimento dos princípios da Carta das Nações Unidas e da Constituição da República Portuguesa, em respeito pela soberania e igualdade dos povos.

 

«Sob o pretexto do “combate ao terrorismo”, da não proliferação de “armas de destruição massiva” ou da dita “ingerência humanitária”, a NATO tem promovido a militarização das relações internacionais, a corrida aos armamentos, a ameaça do terror nuclear, a ingerência, as agressões e ocupações militares, tornando o mundo mais inseguro e violento e comprometendo a paz mundial.»

more...
No comment yet.
Scooped by InfoPazPorto
Scoop.it!

Já disponível o "Notícias da Paz" Abril/Junho!

Na edição de Abril/Junho de 2012 do boletim do Conselho Português para a Paz e Cooperação destacam-se os títulos «Pela Paz! Não à Guerra no Médio Oriente», «Cinquenta personalidades contra a Guerra – Alargar o campo da Paz», «Dissolução da Nato – Condição indispensável para a Paz» e «CPPC contra revisões e desrespeitos – Defender o artigo 7.º [da Constituição da República Portuguesa]».

 

O Notícias da Paz está já em distribuição em todo o País e pode ser consultado na íntegra aqui no InfoPazPorto!

 

Saudações Solidárias,

InfoPazPorto,

infopazporto@gmail.com

 

 

more...
No comment yet.
Scooped by InfoPazPorto
Scoop.it!

Não à Guerra

Não à Guerra | InfoPazPorto - EM REDE | Scoop.it

20 de Novembro: O núcleo do Porto do CPPC convida-vos a assistir ao debate "Não à guerra, ao militarismo e à indústria da mortel" no centro UNESCO - Porto pelas 21h.

more...
No comment yet.
Scooped by InfoPazPorto
Scoop.it!

CPPC na Marcha contra o desemprego

CPPC na Marcha contra o desemprego | InfoPazPorto - EM REDE | Scoop.it
more...
No comment yet.
Scooped by InfoPazPorto
Scoop.it!

Noticias da Paz

Já saíu a edição de Setembro/Dezembro do Notícias da Paz, o jornal do Conselho Português Para Paz e Cooperação!

 

 

more...
No comment yet.
Scooped by InfoPazPorto
Scoop.it!

Sede

Sede | InfoPazPorto - EM REDE | Scoop.it

O núcleo do Porto do Conselho Português para a Paz e Cooperação (CPPC) já tem sede!

Fica na Rua António Granjo, nº 171, junto ao Museu Militar do Porto.

 

Saudações da Paz,

InfoPazPorto

infopazporto@gmail.com

 

more...
No comment yet.
Scooped by InfoPazPorto
Scoop.it!

CPPC DEBATE A ESCALADA DE VIOLÊNCIA NO MÉDIO ORIENTE

CPPC DEBATE A ESCALADA DE VIOLÊNCIA NO MÉDIO ORIENTE | InfoPazPorto - EM REDE | Scoop.it

O Núcleo do Porto do Conselho Português para a Paz e Cooperação encheu o auditório do Clube Fenianos Portuenses para debater as razões da escalada de violência no Médio Oriente, em particular na Síria, e as novas formas de fazer a guerra, que têm sido experimentadas nos últimos conflitos do Golfo e no Afeganistão.

 

Ilda Figueiredo, presidente da Direcção do CPPC, abriu as intervenções, começando por chamar a atenção para as contradições e hipocrisia da chamada “comunidade internacional”, liderada pelos interesses americanos, que investe contra o Governo Sírio enquanto ignora as promessas de novos bombardeamentos israelitas contra os palestinianos na Faixa de Gaza. Ilda Figueiredo referiu ainda que a hostilidade demonstrada contra a Síria e o Irão não é alheia do posicionamento solidário destes países com a causa palestiniana e do facto destes países não alinharem com a estratégia de poder americano e seus aliados na região. Na sua opinião, certos estados, como a Turquia, estão a «fazer pressão para uma ingerência externa ainda mais forte», que pode passar pelo envolvimento directo da NATO, como no caso da Líbia, mas que já passam pelo patrocínio a diversos grupos terroristas.

 

Filipe Ferreira, membro da Direcção Nacional do CPPC, partilhou com os presentes alguns aspectos da sua recente visita à Síria, como representante português numa delegação do Conselho Mundial da Paz. Por um lado, Filipe salientou o esforço visível do povo sírio em continuar a viver o seu quotidiano em condições de normalidade: «a Síria é um país com uma organização económica e social que possibilita a independência económica face ao exterior e a manutenção de um elevado grau de soberania», refere, acrescentado que «há interesses regionais na desestabilização da Síria e, com isso, na mudança da correlação de forças no Médio Oriente».

 

«A Síria desempenha um papel fundamental no apoio à causa palestiniana e alberga no seu território muitas das organizações políticas palestinas, nunca tendo deixado de lutar pela recuperação dos Montes Golan, ocupados por Israel», afirmou Filipe Ferreira, que sublinhou ainda o pedido feito por vários sírios aos observadores internacionais, de que pudessem «contar a verdade do que tinham visto na Síria», referindo-se «à ingerência externa na fabricação de um conflito civil, ao patrocínio de organizações terroristas para combater o regime sírio e à fabricação de conflitos religiosos artificiais para tentar minar a coesão do povo sírio».

 

A última intervenção da mesa pertenceu a Frederico Carvalho, investigador e físico nuclear, que apresentou neste debate diversos elementos acerca das novas tecnologias aplicadas pelo exército dos EUA em cenários de guerra, nomeadamente a utilização da robótica e cibernética para fins militares. O cientista exemplificou os diferentes tipos de robôs experimentados em cenários de guerra como o Afeganistão ou o Iraque, com particular relevância desde de 2009.

 

Estas máquinas de matar comandadas à distância tornaram-se um meio sedutor, afirmou Frederico Carvalho, citando responsáveis norte-americanos, porque permitem um significativo grau de morte e destruição sem derramamento de sangue de soldados americanos e possibilitam uma grande versatilidade operacional, já que podem ser comandados a milhares de quilómetros de distância. Frederico Carvalho alertou também para o silenciamento das consequências dos ataques com robôs, sobretudo o aumento das mortes civis em cenários de guerra, em absoluto desrespeito pelas convenções internacionais que regulam os actos de guerra.

 

«São mortos dez civis por cada militante islâmico», citou ainda Frederico Carvalho, recorrendo a dados oficiais. O cientista apresentou ainda exemplos da guerra cibernética movida pelos EUA e seus aliados contra alvos iranianos, como a introdução do virus Stuxnet na central de Natanz, e o desenvolvimento das tecnologias que permitem considerar o ciberespaço como uma nova dimensão da guerra, acrescentando ao ar, à terra, ao mar e ao espaço exterior.

 

Frederico Carvalho terminou chamando a atenção dos presentes para a responsabilidade social dos cientistas no desenvolvimento de tecnologias que podem ter uma aplicação destrutiva e o significado que tem o seu comprometimento pela causa do desenvolvimento pacífico da humanidade e do seu bem-estar.

more...
No comment yet.
Scooped by InfoPazPorto
Scoop.it!

Wall Photos | Facebook

Wall Photos | Facebook | InfoPazPorto - EM REDE | Scoop.it

No passado dia 21 de Maio activistas do CPPC no Porto assinalaram o seu desagrado pela NATO e pela sua cimeira que decorria então em Chicago, contactando com a população e distribuindo este documento.

more...
No comment yet.
Scooped by InfoPazPorto
Scoop.it!

Campanha online de "Desarmamento para o Desenvolvimento Sustentável"

Campanha online de "Desarmamento para o Desenvolvimento Sustentável" | InfoPazPorto - EM REDE | Scoop.it

Em 2011 a despesa mundial em armamento atingiu os 1740 mil milhões de dólares e os recursos financeiros parecem ser ilimitados para os jatos militares, tanques, navios, bombas, mísseis, minas terrestres e armas nucleares. Os desenvolvimentos tecnológicos no campo de armamentos são cada vez mais  sofisticados e mortíferos.

 

O International Peace Bureau (IPB), Foreign Policy in Focus (FPIF), The World Future Council (WFC) apelam aos governantes mundiais que concordem num plano global para o desarmamento na "Cimeira Rio+20" em Junho de 2012. 

 

As organizações afirmam que os fundos libertados pelo desarmamento devem ser utilizados para programas sociais, económicos e ecológicos em todos os países. A começar em 2013, a despesa militar deveria ser cortada a uma taxa mínima de 10% ao ano.

 

Sugerem também que o plano de "Desarmamento para o Desenvolvimento Sustentável" deveria ser anunciado no final da Cimeira do Rio e ser concretizado passo a passo, sob a direcção das Nações Unidas.

more...
No comment yet.
Scooped by InfoPazPorto
Scoop.it!

How To Film Protests: Video Tip Series for Activists at Occupy Wall Street, in Syria and Beyond : Video For Change

How To Film Protests: Video Tip Series for Activists at Occupy Wall Street, in Syria and Beyond : Video For Change | InfoPazPorto - EM REDE | Scoop.it

Dicas para filmar protestos!

more...
No comment yet.
Scooped by InfoPazPorto
Scoop.it!

Paz sim! NATO não! - Porto

Paz sim! NATO não! - Porto | InfoPazPorto - EM REDE | Scoop.it

Nos próximos dias 20 e 21 vai-se realizar uma cimeira da NATO em Chicago.

 

O Porto junta-se ao movimento "Paz sim! NATO não!" com uma iniciativa no dia 21 de Maio, segunda-feira, na Praça da Liberdade, perto da igreja dos Congregados, junto à escultura do ardina, pelas 17, 30 horas.

 

O Conselho Português para a Paz e Cooperação (CPPC) chama a atenção para o facto de que «a NATO, ao acolher Portugal como país fundador, foi um          importante suporte da ditadura fascista e da guerra colonial          movida          contra os povos, sob o jugo do colonialismo português.

 

A          NATO aprovou, em Novembro de 2010, um novo “ Conceito          Estratégico”          em que se arroga ao “direito” de intervir militarmente, à          revelia da ONU e do Direito Internacional, sempre que          considere que          estão em causa interesses económicos, políticos e          geo-estratégicos          dos países que a integram, de que são exemplos a Jugoslávia, o          Iraque, o Afeganistão e a Líbia.

 

Aquandoda          cimeira da NATO, realizada em Lisboa em Novembro de 2010, o          povo          português expressou firmemente e de várias formas a sua          rejeição          dos objectivos bélicos da NATO e da sua presença em território          nacional.

Realizando-seagora,          em Chicago, neste mês de Maio, mais uma cimeira da NATO,          cujos anunciados objectivos são a confirmação e aprofundamento          dos          seus sinistros propósitos, o CPPC volta a denunciar a ameaça          que          representa a NATO para a Paz mundial, bem como a          incompatibilidade          entre estes objectivos e o interesse e sentimento do povo          português,          plasmados nos princípios da Constituição da República.

 

O          CPPC solidariza-se com o movimento da Paz mundial que, por          esta          ocasião mais uma vez manifesta e denuncia a natureza agressiva          e          imperialista da NATO

Dando          continuidade aos objectivos e aos compromissos da Campanha          “Paz          Sim! NATO Não!”, realizada em Portugal, em 2010, o CPPC          afirma:

 

-          A exigência da retirada imediata das forças portuguesas          envolvidas          em agressões da NATO, nomeadamente do Afeganistão;

-          A rejeição da instalação do sistema anti-míssil dos EUA na          Europa e de qualquer participação de Portugal neste;

-          A rejeição da escalada de guerra no Médio Oriente,          nomeadamente          contra a Síria e o Irão;

-          A reclamação do fim das bases militares estrangeiras e das          instalações da NATO em território nacional;

-          A reclamação da dissolução da NATO;

-          A exigência do desarmamento e do fim das armas nucleares e de          destruição massiva;

-          A exigência do cumprimento dos princípios da Carta das Nações          Unidas e da Constituição da República Portuguesa, em respeito          pela          soberania e igualdade dos povos.»

 

Saudações da Paz

InfoPazPorto

InfoPazPorto@gmail.com

 

more...
No comment yet.
Scooped by InfoPazPorto
Scoop.it!

Solidariedade com os presos Políticos Palestinos nas Prisões Israelitas

Solidariedade com os presos Políticos Palestinos nas Prisões Israelitas | InfoPazPorto - EM REDE | Scoop.it

Greve de fome dos presos políticos plestinos encarcerados nas prisões israelistas alerta para os cerca de 5000 presos palestinos sujeitos a  condições desumanas e indignas, à proibição de visitas de familiares ou dos próprios advogados, a espancamentos, sevícias, chantagens e ao isolamento, que por vezes dura vários anos.

 

Solidários com o povo palestino, o CPPC e o MPPM lançam uma tomada de posição aberta à subscrição de mais organizações. 

 

A tomada de posição será entregue à embaixada de Israel no próximo dia 17, pelas 18h, num acto público que apela à participação de tod@s.

 

As organizações signatárias:

- Expressam a sua solidariedade com os presos políticos palestinos em greve de fome e, através deles, com todo o povo palestino vítima da ocupação israelita

- Reclamam dos órgãos de soberania portugueses uma intervenção firme e determinada que responsabilize Israel pela situação dos presos políticos palestinos e que exija o cumprimento, por aquele estado, dos princípios e normas do direitos internacional e humanitário a que está obrigado pela sua condição de membro das Nações Unidas

- Apelam à opinião pública portuguesa para que se mobilize na denúncia dos crimes da ocupação israelita e na afirmação da sua solidariedade com o povo e os presos políticos palestinos, pugnando pela sua libertação

- Decidem promover um acto público de solidariedade para entrega desta tomada de posição, dia 17 de Maio, pelas 18h00, frente à Embaixada de Israel, em Lisboa.

more...
No comment yet.
Scooped by InfoPazPorto
Scoop.it!

Comemorações da Derrota da Alemanha Nazi - 8 de Março

Comemorações da Derrota da Alemanha Nazi - 8 de Março | InfoPazPorto - EM REDE | Scoop.it

"O Conselho Português Para a Paz (CPPC) comemora o 8 de Maio de 1945, dia da vitória dos povos sobre o nazi-fascismo.

 

Reunida a 8 de Maio, dia em se comemora a vitória dos povos sobre o nazi-fascismo e a derrota da Alemanha nazi e dos seus aliados, a Direcção do Conselho Português para a Paz e Cooperação deliberou:

 

1 – Saudar os países e os povos que, pela sua luta, arrostando com incomensuráveis sacrifícios, traduzidos na elevada perda de vidas - mais de 40 milhões de mortos – na fome e ausência das mais elementares condições de vida; na doença; na segregação étnica, política e ideológica; nas prisões e campos de concentração, extermínio e morte; na destruição de infraestruturas e valores culturais, derrotaram a Alemanha Nazi e os seus aliados, pondo fim a um dos mais bárbaros regimes que a Humanidade conheceu: o Nazismo.

 

2 – Quando, na Europa e no Mundo, surgem forças politicas reaccionárias que se assumem como propagadoras das ideias fascistas, racistas, xenófobas e militaristas, é fundamental que as forças revolucionárias, democráticas e antifascistas, se unam no combate político a este preocupante fenómeno. A luta pela Paz e por uma cultura de Paz, pela convivência entre os povos e pela resolução política dos conflitos, valores assumidos e praticados pelo CPPC, são uma das formas de lhes dar combate.

 

A Direcção do CPPC mais saúda a missão que nesta ocasião decorre aos campos de concentração de Auschwitz e Birkenau, o “Comboio dos 1000”, na qual o CPPC se faz representar pelo seu dirigente João Alves, iniciativa organizada internacionalmente pela Federação Internacional de Resistentes (FIR – Antifascista), e em Portugal pela União dos Resistentes Antifascistas Portugueses (URAP). A delegação portuguesa, constituída por 108 jovens de todo o país - estudantes, delegados sindicais, dirigentes associativos, jovens trabalhadores - junta-se às centenas de jovens de toda a Europa que homenageiam, com esta iniciativa, as vítimas e os resistentes ao nazi-fascismo."

 

Saudações da Paz,

InfoPazPorto

infopazporto@gmail.com

more...
No comment yet.