Notícias escolhidas
8.7K views | +0 today
Follow
Notícias escolhidas
Notícias escolhidas
Notícias e dicas escolhidas por Wine & Shine sobre marketing de vinhos: wine marketing design, label design, packaging, wine advertising, branding,  digital wine marketing. Sobre como criar marcas de vinho,  rótulos,  websites, comunicação de adegas, vídeo e estratégias para  brilhar no mercado em Portugal e na exportação. Mais em www.wine-shine.com
Curated by Rita M.
Your new post is loading...
Your new post is loading...
Scooped by Rita M.
Scoop.it!

10 tendências do vinho em 2014 da "Drinks Business"

10 tendências do vinho em 2014 da "Drinks Business" | Notícias escolhidas | Scoop.it
Rita M.'s insight:

1. Uma nova era de descobrimentos de regiões menos conhecidas e países emergentes.


2. Millennials vão liderar a nova cultura do vinho:  há uma nova geração de consumidores e de restaurantes, bares e comerciantes criativos.


3. Maior equilíbrio entre oferta e demanda será acompanhado por uma mudança no consumo global.


4. Sustentabilidade cada vez mais no topo da agenda


5. Chardonnay lidera o resnascimento dos brancos do novo mundo.


6. A evoluçao da comunicação significa uma comunicação mais direta


7. Acabou o "Grande muro do vinho": num mundo repleto de vinho, os produtores comunicam com os consumidores diretamente continuaram a aumentar as vendas tanto nas prateleiras como, cada vez mais, nos canais de online.

8. A sede de vinhos premium na China substituída por crescimento mais lento, mas sustentável


9. Legislação e tributação continuarão a aumentar a nível mundial


10. As fronteiras entre On-trade e Off-tradecada vez mais esbatidas




more...
No comment yet.
Scooped by Rita M.
Scoop.it!

Moët lança espumantes "made in India"

Moët lança espumantes "made in India" | Notícias escolhidas | Scoop.it

A Moët Hennessy tem sido pioneira no desenvolvimento de  espumantes em todo o mundo, e a Índia é o exemplo mais recente.

Acreditando neste país como produtor de espumantes, a Moët  propriedade do gigante de bens de luxo LVMH, investiu numa adega de ponta em Dindori, a região produtora de uvas mais promissora da Índia.

 

Lançados na semana passada no hotel Four Seasons em Bombaim, o Chandon Brut e o Chandon Brut Rosé "made in India" estarão à venda no próximo mês em revendedores selecionados e hotéis da Índia com um preço em rúpias equivalente a 14€-16€.

Rita M.'s insight:

 

As primeiras videiras -Sauvignon Blanc e Chenin Blanc - foram plantadas na região no final dos anos 90.

Hoje, há mais de 40 adegas, que cada vez mais atraiem a atenção dos investidores globais.

O projeto começou em 2011 , quando a empresa plantou 19 hectares de Pinot Noir, Chardonnay e Chenin Blanc na região. "Com o lançamento da Chandon , pretendemos trazer vinificação ea cultura do vinho na Índia a um novo patamar ", disse Mark Bedingham , diretor da Moët Hennessy Ásia-Pacífico.

A adega Chandon em Dindori terá uma capacidade de produção de 50 mil caixas/ano só para o mercado indiano.

more...
No comment yet.
Scooped by Rita M.
Scoop.it!

Quinta do Piloto lança os primeiros vinhos

Quinta do Piloto lança os primeiros vinhos | Notícias escolhidas | Scoop.it
A região da Península de Setúbal ganha uma nova marca de vinhos “premium” lançada pela família Cardoso, com fortes laços históricos à região. Neste momento há apenas uma referência mas outras vão surgir...
more...
No comment yet.
Scooped by Rita M.
Scoop.it!

(V)inovação: as últimas tendências no vinho

(V)inovação: as últimas tendências no vinho | Notícias escolhidas | Scoop.it

Os puristas do vinho podem tremer, mas este mundo de vez em quando também bebe da inovação. Assim, na esperança de encontrar novos mercados e consumidores - jovens, mulheres, bebedores não habituais - alguns produtores arriscaram posicionamentos nunca antes tentados. 

 

A tendência começa na produção na europa de vinhos leves, pouco alcoólicos, inspirada (ou empurrada) pelos sucessos australianos (veja-se www.thedrinksbusiness.com/2013/07/lower-alcohol-wines-a-response-to-aussie-success/); continua na vontade da Carlsberg Reino Unido de entrar neste mundo com uma gama global anunciada ontem; e passa por Portugal, no inesperado Paradise Night Out lançado agora pela Aliança Vinhos de Portugal.

Rita M.'s insight:

"Simplificar" o acto de escolher o vinho é a promessa da Crown Cellars, divisão especializada em vinhos e bebidas espirituosas da Carlsberg Reino Unido. Para isso reuniu cinco vinhos contemporâneos de todo o mundo numa gama sob o nome O&E "Open & Enjoy" (abra e saboreie).

 

Disponíveis apenas on-trade (Horeca), estes vinhos foram seleccionados para atrair "clientes que procuram uma escolha fácil em bares e restaurantes". Com a inevitável screwtop e a preços acessíveis, a £ 24,48 a caixa de 6 garrafas para o comércio (www.thedrinksbusiness.com/2013/07/crown-cellars-announces-the-oe-wine-range).

 

A gama reúne um Cabernet Sauvignon chileno descrito simplesmente como "Gutsy red" (profundamente tinto), um Sauvignon Blanc francês “Fresh and zingy” (fresco e vistoso), um rosé Zinfandel californiano “Light-bodied and sweet” (Leve e doce), um Merlot francês "soft and juicy" (Macio e suculento) e um Pinot Grigio italiano "Crisp, fresh white" (Branco fresco e vivo).

 

E o grande arrojo passa também por Portugal, onde a Aliança acaba de lançar um vinho aromatizado. Segundo a HiperSuper (www.hipersuper.pt/2013/07/29/alianca-lanca-vinho-aromatizado) cria assim uma nova categoria de bebidas única no mercado português. Com a marca Paradise Night Out, esta bebida alia o vinho a aromas naturais de morango e melancia, tornando-o numa bebida leve, fresca e frutada e com baixo teor de álcool (7%).

 

A Aliança Vinhos de Portugal "apostou não só numa nova categoria como no desenvolvimento de um produto destinado ao públicoc feminino. O Paradise Night Out "é para mulheres modernas, cosmopolitas, independentes, sofisticadas, que procuram uma bebida fresca e saborosa, para partilharem um momento com amigas ou festejarem um acontecimento" (www.facebook.com/ParadiseNightOut). Esta é uma categoria de sucesso nos Estados Unidos e Canadá, para ser consumida num final de tarde numa esplanada, em casa ou numa festa."

 

more...
No comment yet.
Scooped by Rita M.
Scoop.it!

No Brasil, há toda uma nova classe a chegar aos vinhos

No Brasil, há toda uma nova classe a chegar aos vinhos | Notícias escolhidas | Scoop.it

Segundo o diário "Brasil Econômico" há toda uma nova nova classe a iniciar o consumo de vinhos engarrafados. Diego Bertolini, director de Marketing do Instituto Brasileiro do Vinho (Ibravin) afirma “são vinhos na faixa dos R$ 15 - 20 (7,6 € ). Marcas populares como as brasileiras Salton e Almadén, entre outras, passaram a fazer parte da lista de compras do consumidor da classe C, em detrimento dos vinhos de garrafão e dos vinhos granel, que estão na faixa dos R$ 4 - 5 (1,9€) o litro. "Percebemos que já há mais saída do vinho fino engarrafado e a indústria está se aprimorando para dar conta da demanda” afirma, destacando que o mesmo caminho tem sido feito no caso dos espumantes nacionais. O consumo passou de 13,2 milhões de litros em 2011 para 15 milhões de litros em 2012.

more...
No comment yet.
Scooped by Rita M.
Scoop.it!

O futuro da carta de vinhos está na mesa.

O futuro da carta de vinhos está na mesa. | Notícias escolhidas | Scoop.it

Temos visto um número de mesas com ecrãs tácteis ao longo dos anos, como a PixelSense da Microsoft (anteriormente conhecida como Surface). Mas a maioria são projetados para mesas maiores.

Agora, uma empresa coreana chamada Moneual prepara-se para lançar um touchscreen integrado numa simples mesa de café.

Com o ecrã táctil integrado na mesa podem acabar as cartas em papel, e é todo um mundo que se abre, ao mostrar descrições, fotos e vídeos do vinho na mesa. Com a tecnologia NFC que Moneual promete integrar, pode até pagar a conta sem perder tempo.

 

more...
No comment yet.
Scooped by Rita M.
Scoop.it!

Tendências do marketing de vinhos em 2014

Tendências do marketing de vinhos em 2014 | Notícias escolhidas | Scoop.it

"Para começar o novo ano, fomos espreitar os desafios que nos reserva. Os números dizem que o mundo está a beber mais vinho do que nunca, graças especialmente ao entusiasmo nos EUA, China e Rússia - pode conhecer os números na análise de Jancis Robinson no Finantial Times, aqui.

Mas, mais do que os números interessam-nos a tendências dos consumidores. Porque “a melhor maneira de prever o futuro é fazê-lo”, como disse um dia Peter Drucker, cá estaremos nos próximos 365 dias para aproveitar estas pistas a seu favor…" ( para as conhecer clique no título)

more...
No comment yet.
Scooped by Rita M.
Scoop.it!

Xutos & Pontapés e CAAR unem música e vinho

Xutos & Pontapés e CAAR unem música e vinho | Notícias escolhidas | Scoop.it

Os Xutos & Pontapés vão estar amanhã, dia 5, na Alfândega do Porto para o lançamento da edição especial de um vinho da Casa Agrícola Alexandre Relvas (CAAR) com o nome da mais emblemática banda de rock portuguesa. O lançamento desta edição limitada (15 mil garrafas, provenientes da colheita de 2011) terá lugar no Mercado de Sabores do Continente, às 15 horas.

more...
No comment yet.
Scooped by Rita M.
Scoop.it!

Top 10 das tendências do vinho

Top 10 das tendências do vinho | Notícias escolhidas | Scoop.it

A Drinks Business publicou em Agosto de 2013 uma lista das 10 grandes tendências no mercado do vinho nos EUA. Como este é um mercado global, conhecê-las pode dar pistas para os próximos tempos...

Rita M.'s insight:

1. A crença de que os consumidores - tendo descoberto vinhos de qualidade a preços baixos durante a crise - iriam manter-se no fundo mostrou-se errada agora que os tempos começam a melhorar.

2. A embalagem/rótulo continua a ser uma poderosa ferramenta de vendas.

3. Muitos produtores valorizam processos "verdes" (ecológicos, biológicos), mas os consumidores parecem daltónicos.

4. A combinação de "high tech" e "high touch" (mistura de novas tecnologias e contacto directo via adega e enoturismo) exerce uma influência crescente nos clientes.

5. Os sommeliers continuam potentes construtores da marca e da categoria.

6. O impacto da recessão foi maior nos restaurantes do que no retalho, mas as vendas "on-trade" estão a recuperar.

7. Discussões sobre vinhos "politicamente corretos" ainda aborrecem largamente os consumidores.

8. Nos EUA as castas Cabernet Sauvignon, Sauvignon Blanc e Chardonnay continuam em forte crescimento.

9. Estilisticamente tem havido um crescimento nos segmentos dos vinhos aromáticos, adocicados, espumantes e nos "blends".

10. Mudanças na regulamentação de cada estado têm permitido uma bonança no envio direto aos consumidores pelos produtores californianos e distribuidores baseados na internet.

 

 

Se é produtor e quer tirar o máximo partido das tendências para fazer o seu vinho brilhar - com um upgrade ou design de rótulos, criação de marca, vídeos ou na internet - fale connosco em http://www.wine-shine.com/contactos.php

more...
No comment yet.
Scooped by Rita M.
Scoop.it!

João Paulo Martins sobre os desafios da imagem e comunicação dos vinhos

João Paulo Martins sobre os desafios da imagem e comunicação dos vinhos | Notícias escolhidas | Scoop.it

No seu mais recente artigo no Expresso Revista, sábado 27 de Julho, João Paulo Martins debruça-se sobre os desafios de criar a imagem do vinho, desde a pura ausência até ao excesso criativo:  "... sabemos todos (ou deveríamos saber) que não basta fazer bom vinho para que ele se venda. Bom vinho, felizmente, abunda no país, e sabe-se que uns vendem-se e outros não, o que significa que uns foram bem promovidos e outros ficaram à espera que o consumidor descobrisse por si só a maravilha que a garrafa continha.

...Comunicar exige saber e experiência e é assunto que se estuda, que se aprende. Algum bom gosto e bom senso ajudam muito e todos já percebemos que, por vezes, o produtor tem de pôr travão aos delírios das agências de comunicação e dos criativos.

 ...Mas continuamos a fazer os mesmos erros: a colocar texto em contra rótulos numa letra tão pequena que só um jovem imberbe (a quem o vinho não se destina) consegue ler, a escrever com letras prateadas sobre fundo branco, a escrever com letras azuis sobre fundo preto e, melhor do melhor, letras pretas sobre fundo preto. Vamos ser claros: é suposto um contra rótulo ser lido por quem vai beber o vinho e não pelo filho do dito; é suposto ser informativo e por isso deve ser claro e de fácil leitura; finalmente é suposto que ajude a vender o vinho e não a afastar consumidores... " (clique no título para ler o artigo completo)

more...
No comment yet.
Rescooped by Rita M. from Vitabella Wine Daily Gossip
Scoop.it!

O futuro digital das vendas de vinho

O futuro digital das vendas de vinho | Notícias escolhidas | Scoop.it

A compra de vinhos no futuro será feita num mundo interactivo de aplicações móveis, escanções virtuais, "tweets" de enólogos. Pelo menos é este o caminho apontado pela pesquisa recentemente divulgada pela revista Decanter.


Via Vitabella Luxury Wine / Twitter @Vitabellawine / Also check www.vitabella.fr
Rita M.'s insight:

Segundo a Decanter "A tecnologia digital está a impulsionar uma mudança radical na forma como a distribuição se relaciona com os consumidores de vinho, disse o diretor de operações do grupo de pesquisa Wine Intelligence, Richard Halstead.

Falando na Vinexpo, Halstead destacou várias tecnologias que estão já a ser utilizadas em todo o mundo. Como 'Max le Sommelier ", um robot "escanção" que guia os compradores nos infindáveis lineares de vinho em hipermercados franceses, ou a iniciativa das lojas Total Wine & More nos EUA, que permite aos bebedores twittar com um enólogo ao vivo.

"A internet está a permitir que os consumidores acedam ao vinho de uma forma sem precedentes", disse Halstead. No entanto, alertou também para o perigo de "sobrecarga de informação".

Actualmente a China tem o maior número de bebedores que compram vinhos através da Internet. São 27% de acordo com os dados da Wine Intelligence, que devem crescer até 47% até 2020. Em comparação o Reino Unido tem 26% e a França apenas 8%.

De modo mais geral, a pesquisa destacou uma tendência para beber menos vinho em bares, pubs e restaurantes em diversos países, incluindo o Reino Unido, EUA e França. Ao passo que o off-trade - que inclui a Internet, supermercados, hipermercados e lojas especializadas - já responde por 60% das vendas de vinho mundiais."

more...
No comment yet.
Scooped by Rita M.
Scoop.it!

O que está "in" e "out" no mundo do vinho em 2013?

O que está "in" e "out" no mundo do vinho em 2013? | Notícias escolhidas | Scoop.it

Para estrear 2013 vários críticos e experts seleccionaram que está "a dar" e o que "já deu (uvas)" no mundo do vinho para a Eater, um popular guia de tendências gastronómicas nos EUA. Saiba tudo aqui.

Rita M.'s insight:

Estão "out":

- Falar e escrever sobre vinhos de forma rebuscada

- Poses pretenciosas e snob grande connoisseur

- A febre dos vinhos muito naturais está a passar

- Beber vinho porque é saudável (admitam:é porque sabe bem)

- Longas cartas de vinhos

 

 

Estão "in":

- Tintos leves e baratos impulsionados pelos "novos pobres"

- Moscatos e moscatéis

- Abordagens terra-a-terra e directas

- Vinificações pouco usuais (estágio em barro, debaixo de água)

- Vinhos tradicionais, os clássicos

- Cartas de vinhos curtas

- Democratização do vinho: mais pessoas a saber mais

 

Saiba tudo (em inglês) aqui.

 

more...
No comment yet.