Visão e Tendências Educativas de Futuro
2 views | +0 today
Follow
Your new post is loading...
Your new post is loading...
Scooped by Meireles
Scoop.it!

Desempenho na vida adulta depende dos estímulos educacionais na infância

Educar é projeto de longo prazo, muito antes da alfabetização. Primeiro por obra dos pais, depois pelo trabalho dos professores. E educação é um excelente in...
more...
No comment yet.
Rescooped by Meireles from Visão e Tendências Educativas de Futuro
Scoop.it!

António Nóvoa fala sobre o futuro da educação no Brasil e no mundo - Paranashop

António Nóvoa fala sobre o futuro da educação no Brasil e no mundo - Paranashop | Visão e Tendências Educativas de Futuro | Scoop.it
António Nóvoa fala sobre o futuro da educação no Brasil e no mundo Paranashop No dia 22 de maio, a UniBrasil recebe o historiador e pedagogo português António de Sampaio da Nóvoa, reitor da Universidade de Lisboa entre 2006 e 2013, autor de mais de...

Via Sofia Silva
more...
No comment yet.
Rescooped by Meireles from Visão e Tendências Educativas de Futuro
Scoop.it!

O Futuro da Educação Perante as Novas Tecnologias

O Futuro da Educação Perante as Novas Tecnologias (entrevista por correio electrónico à jornalista Paula Banza, da revista Forum Estudante, Novembro 1995)

Via Sofia Silva
more...
No comment yet.
Rescooped by Meireles from Visão e Tendências Educativas de Futuro
Scoop.it!

O futuro da educação mundial é tecnológico

O futuro da educação mundial é tecnológico | Visão e Tendências Educativas de Futuro | Scoop.it

Nesta quinta-feira, primeiro dia do 14º FNESP – Fórum Nacional: Ensino Superior Particular Brasileiro, José Luis Cordeiro, membro do Millennium Project, pesquisador visitante no Institute of Developing Economies, em Tóquio (Japão) e conselheiro energético na Singularity University, na Califórnia (EUA), falou sobre inovação para a transformação e competitividade no ensino superior e citou programas que estão em desenvolvimento no mundo para melhorar a inteligência.

Segundo Cordeiro, o futuro da educação no mundo caminha para o que ele chama de singularidade tecnológica. “Até meados de 1965 não havia nenhuma previsão real sobre o futuro do hardware, quando o então presidente da Intel, Gordon E. Moore, fez uma profecia, na qual o número de transistores dos chips teria um aumento de 100%, pelo mesmo custo, a cada período de 18 meses”, lembrou. “Essa evolução fará com que entre 2029 e 2045 os computadores terão muito mais histórias do que o cérebro humano”, previu Cordeiro.

Para ele, o professor do futuro deverá ser um facilitador do aluno no uso das novas tecnologias e, por meio delas, haverá a convergência do cérebro humano com a máquina. Cordeiro lembrou o exemplo da Coreia, que desenvolve e aplica um programa para substituir todos os livros nas instituições de ensino pelos tablets e professores de inglês por robôs, que ensinam os alunos tanto com o sotaque do inglês britânico, como o americano ou australiano.


Via Luciano Sathler, Sofia Silva
more...
No comment yet.