tecnologia s sust...
Follow
Find
1.7K views | +0 today
Scooped by Maquete Eletrônica
onto tecnologia s sustentabilidade
Scoop.it!

We are looking for a new place

We are looking for a new place | tecnologia s sustentabilidade | Scoop.it
'Cappadocia' - This rocky landscape is honeycombed with networks of ancient underground settlements and outstanding examples of Byzantine art as well as its troglodyte dwellings carved out of the r...
more...
No comment yet.
tecnologia s sustentabilidade
noticias sustentabilidade,tecnologia
Your new post is loading...
Scooped by Maquete Eletrônica
Scoop.it!

Cone captura arco-íris

Cone captura arco-íris | tecnologia s sustentabilidade | Scoop.it
Este avanço não tem preço para a tecnologia solar de película fina, bem como para a reciclagem de energia térmica.
more...
No comment yet.
Scooped by Maquete Eletrônica
Scoop.it!

Descoberto planeta-anão que dá pista de planeta gigante distante

Descoberto planeta-anão que dá pista de planeta gigante distante | tecnologia s sustentabilidade | Scoop.it
A fronteira do Sistema Solar mudou de novo, e poderá mudar ainda mais, eventualmente com a descoberta de uma Super Terra muito distante do Sol.
more...
No comment yet.
Scooped by Maquete Eletrônica
Scoop.it!

Teólogo medieval antecipou teoria cosmológica atual

Teólogo medieval antecipou teoria cosmológica atual | tecnologia s sustentabilidade | Scoop.it
A ciência moderna surgiu nos ombros dos pioneiros medievais, uma herança que não pode ser esquecida sob pena de negligenciar a coragem e o heroísmo desses pioneiros.
Maquete Eletrônica's insight:

.........."

Quando físicos traduziram um texto em latim do século 13, e transformaram suas afirmações em equações matemáticas, eles descobriram que um teólogo inglês previu a ideia dos multiversos em 1225.

A descoberta do momento, que envolve a detecção de ondas gravitacionais e a comprovação da inflação cósmica, apoia justamente a ideia dos multiversos.".................................................

more...
No comment yet.
Scooped by Maquete Eletrônica
Scoop.it!

Matéria artificial é alterada em tempo real

Matéria artificial é alterada em tempo real | tecnologia s sustentabilidade | Scoop.it
Os cristais coloidais, que são os átomos artificiais que formam o metamaterial, são alterados dinamicamente e em tempo real.
more...
No comment yet.
Rescooped by Maquete Eletrônica from Digital Sustainability
Scoop.it!

Can Solar Save Brazil?

Can Solar Save Brazil? | tecnologia s sustentabilidade | Scoop.it
The newest project from world-leading solar module maker Yingli Green Energy is a 1-megawatt installation at Brazil’s ...

Via Digital Sustainability
Maquete Eletrônica's insight:

."no estádio de futebol Arena Pernambuco"................

 

." Os 3.650 painéis monocristalinos irá gerar mais de 1.500 megawatts- hora de eletricidade por ano. Alimentação não consumida pelo estádio irá para a comunidade local."

more...
Digital Sustainability's curator insight, April 1, 8:35 AM

The newest project from world-leading solar module maker Yingli Green Energy is a 1-megawatt installation at Brazil’s Arena Pernambuco soccer stadium, the site of five upcoming 2014 FIFA World Cup matches.

Built by Brazilian solar pioneer Grupo Neoenergia, the net-metered system is in the solar-supportive state of Pernambuco’s capital, Recife. The 3,650 monocrystalline panels will generate more than 1,500 megawatt-hours of electricity annually. Power not consumed by the stadium will go to the local community.

Brazil’s solar market is “just taking off,” according to Adam James, GTM Research Solar Analyst for Global Demand. James is readying the 2Q 2014 update of GTM Research’s Latin America PV Playbook, which projects that Brazil’s 2013 installed capacity of 38.6 megawatts will nearly double to 72.6 megawatts this year.

“But unlike many of the other leading Latin American solar markets such as Mexico and Chile,” James said, “there appears to be no ceiling on Brazil’s potential growth over the long term. Companies like Yingli can think not just in terms of what they can do over the next five years, but what they can do over the next ten, twenty, or 30 years.”

The Latin American solar market does not represent a large percentage of Yingli’s global market share, said International Sales VP Jeff Barnett, “but it is the fastest-growing segment.”

Yingli’s conservative internal figures, which are “a triangulation of announced numbers and estimates, a lot of science and a little art,” Barnett said, show it leading the Brazil market “with north of 30 percent of all modules shipped.”

As part of Yingli’s move to build a brand in Brazil’s emerging market, it joined international icons like McDonald’s, Coca-Cola, Budweiser, Visa, and Sony as a sponsor of the 2014 FIFA World Cup.

Rescooped by Maquete Eletrônica from Digital Sustainability
Scoop.it!

Tetra Pak launches first cover renewable packaging Gable Top

Tetra Pak launches first cover renewable packaging Gable Top | tecnologia s sustentabilidade | Scoop.it

Via Digital Sustainability
more...
Digital Sustainability's curator insight, March 24, 9:36 AM
Tetra Pak ®, the world leader in food processing and packaging solutions, announced the launch of the first cover from renewable materials for packaging Gable Top of the world, and in Chile correspond to the Tetra Rex ® packages available on the market . Made of high density polyethylene (HDPE) derived from sugar cane, the version of the screw cap 34 OSO renewables marks another step forward in the ambition of Tetra Pak packaging to completely renewable. In 2013, the company delivered 1.1 billion tapas renewable sources globally, an increase of over 80% over the previous year.
80% of the material containment Tetra Rex ® carton is one liter cardboard, wood that comes from trees, a renewable resource.Through the introduction of new top renewable sources renewable material content in the container is increased by an additional 4%, which helps to improve the environmental performance of packaging without compromising functionality or recyclability. "The launches tops renewable sources have been rated by customers like Valio, a Finnish dairy is the first to use the new version of screwcap BEAR 34 for their products," said Christina Chester, Product Manager at Tetra Pak. "We are pleased that customers see the value of our efforts to help them boost their environmental profile." Tetra Pak's customers using the standard cap BEAR 34 can be easily transferred to version renewable sources without any additional investment or modification of their existing filling machines.
Scooped by Maquete Eletrônica
Scoop.it!

3D Printed Footwear | Nike Vapor HyperAgility Cleat - Arch2O.com

3D Printed Footwear | Nike Vapor HyperAgility Cleat - Arch2O.com | tecnologia s sustentabilidade | Scoop.it
more...
No comment yet.
Scooped by Maquete Eletrônica
Scoop.it!

Nanomontagem robótica mostra futuro das biofábricas

Nanomontagem robótica mostra futuro das biofábricas | tecnologia s sustentabilidade | Scoop.it
Uma técnica de microrrobótica promete montar tecidos vivos célula por célula.
more...
No comment yet.
Scooped by Maquete Eletrônica
Scoop.it!

Chip de raios T deixa raios X mais próximos da aposentadoria

Chip de raios T deixa raios X mais próximos da aposentadoria | tecnologia s sustentabilidade | Scoop.it
Sua ampla gama de possíveis usos inclui análises químicas à distância, imagens médicas de alta resolução e telecomunicações de alta velocidade.
more...
No comment yet.
Rescooped by Maquete Eletrônica from Inspired By Design
Scoop.it!

The Making of Unnumbered Sparks #inspiredbydesign #tedtalk


Learn about the making of Unnumbered Sparks, a monumental interactive sculpture in the sky created by artists Janet Echelman and Aaron Koblin for TED's 30th anniversary. Choreographed by visitors in real time through their mobile devices, at night, the sculpture becomes a crowd-controlled visual artwork on a giant, floating canvas powered by Google.

Via Brian Yanish - MarketingHits.com
more...
Lili Dávila's curator insight, March 19, 1:28 PM

Amazing interactive sculpture, a must see!!!

Scooped by Maquete Eletrônica
Scoop.it!

Bolha de monóxido de carbono no espaço intriga astrônomos

Bolha de monóxido de carbono no espaço intriga astrônomos | tecnologia s sustentabilidade | Scoop.it
A descoberta é surpreendente porque se espera que esse gás seja rapidamente destruído pela radiação estelar.
Maquete Eletrônica's insight:

."Astrônomos descobriram uma bolha de monóxido de carbono gasoso no disco de poeira que circunda a estrela Beta Pictoris."

more...
No comment yet.
Rescooped by Maquete Eletrônica from 3D Printing and Fabbing
Scoop.it!

With Bioprinting the Impossible Seems Possible

With Bioprinting the Impossible Seems Possible | tecnologia s sustentabilidade | Scoop.it
With Bioprinting the Impossible Seems Possible
ENGINEERING.com
While that printer represents a major advancement in the state of bioprinting, a second machine in development at the Institute has been used to print skin cells onto burn wounds.

Via Kalani Kirk Hausman
more...
No comment yet.
Rescooped by Maquete Eletrônica from green streets
Scoop.it!

Site-Specific Innovation: Çanakkale Antenna Tower by IND and Powerhouse Company

Site-Specific Innovation: Çanakkale Antenna Tower by IND and Powerhouse Company | tecnologia s sustentabilidade | Scoop.it

The close collaboration of Rotterdam-based practices IND and Powerhouse Company for the design of a new 100-m-tall observation and telecommunications tower in Çanakkale, a Turkish city and seaport located on the southern Asian coast of the Hellespont,  articulates far-reaching technological and programmatic ambitions.

The tower is planned to operate as a broadcast antenna as well as to engage visitors- taking them on a contemplative journey, allowing them time to ponder as they walk along a raised, looping path that runs through the forest before returning to a hilltop observation deck offering panoramic vistas.
Besides its distinctive and aesthetic significance, the tower was conceived with the intention becoming a dynamic public destination, fostering social interactions. The project is all the more interesting as it integrates technologies to a scrupulously context-specific design, respectful of all of the site’s attributes. The architects also harness technological mediums so as to create a heightened architectural experience, appealing the visual and tactile senses.


Via Lauren Moss
more...
No comment yet.
Scooped by Maquete Eletrônica
Scoop.it!

Quebrado protocolo de segurança WPA2 das redes sem fio

Quebrado protocolo de segurança WPA2 das redes sem fio | tecnologia s sustentabilidade | Scoop.it
Talvez seja melhor cruzar os dedos - pelo menos até que um novo sistema de segurança seja criado e se torne disponível.
more...
No comment yet.
Scooped by Maquete Eletrônica
Scoop.it!

Cubo mágico eletrônico é desenvolvido no Brasil

Cubo mágico eletrônico é desenvolvido no Brasil | tecnologia s sustentabilidade | Scoop.it
Pesquisadores brasileiros criaram um cubo mágico mais amigável com funções como autoembaralhamento, automontagem e gravação dos resultados.
more...
No comment yet.
Scooped by Maquete Eletrônica
Scoop.it!

Camuflagem sísmica contra terremotos funciona na prática

Camuflagem sísmica contra terremotos funciona na prática | tecnologia s sustentabilidade | Scoop.it
O primeiro teste real de um manto da invisibilidade contra terremotos funcionou na prática.
Maquete Eletrônica's insight:

"A ideia, a princípio, é que as camuflagens antiterremotos possam criar barreiras protetoras que desviem a energia do terremoto para longe de estruturas sensíveis, como usinas nucleares."................

more...
No comment yet.
Rescooped by Maquete Eletrônica from Digital Sustainability
Scoop.it!

Busca por avião da Malaysia Airlines coloca em xeque poluição nos oceanos

Busca por avião da Malaysia Airlines coloca em xeque poluição nos oceanos | tecnologia s sustentabilidade | Scoop.it
Opera Mundi - Jornalismo internacional: notícias, informações, perfis, reportagens especiais e análises críticas sobre os principais acontecimentos do mundo

Via Digital Sustainability
more...
Digital Sustainability's curator insight, April 2, 11:23 AM

Nas últimas semanas, satélites internacionais têm detectado uma série de objetos flutuantes nas áreas onde são feitas as buscas do avião da Malaysia Airlines, que desapareceu no dia 8 de março no trajeto entre Kuala Lumpur e Pequim com 239 pessoas a bordo. Posteriormente, contudo, especialistas comprovaram que, em todos os casos, se tratavam de pistas falsas.

Para além da frustração que essas hipóteses errôneas resultam, os grandes objetos detectados são sinais visíveis de um problema muito maior. Isto é, as buscas pelos destroços da aeronave também levantam outro tipo de discussão, constantemente deixada de lado: a questão da poluição nos oceanos.

Os impactos ligados à presença do lixo no mar começaram a ser observados a partir da década de 1950. Um dos maiores problemas apontados pelos cientistas foi a substituição de materiais naturais pelos sintéticos - como o plástico - que resistem por mais tempo e se acumulam nos oceanos. De acordo com um relatório apresentado pelo PNUMA (Programa das Nações Unidas para o Ambiente) em 2009, os plásticos compõem cerca de 80% do lixo coletado no mar.


“Essas pistas falsas da aeronave dão uma ideia de que há lixo no oceano, mas representam fragmentos grandes. Na verdade, 99,9% dos plásticos encontrados no oceano são extremamente pequenos. Ou seja, há muito mais lixo do que se imagina”, afirmou o Prof. Dr. Alexander Turra, do Instituto Oceanográfico da USP (Universidade de São Paulo), em entrevista a Opera Mundi. “O plástico sofre fragmentação pelo sol e vai se quebrando. Esse processo pode ser acelerado pelas ondas e ventos, fragmentando cada vez mais. Se nada de mais grave acontecer, o processo demora meses, senão semanas”, explicou.

De acordo com o relatório da ONU intitulado “Lixo marinho: Um Desafio Global”, pouco se sabe sobre a extensão de lixo nos oceanos. “Esta deficiência, em combinação com a falta de legislação específica, de aplicação de lei adequada e de financiamento são as principais razões pelas quais o problema do lixo marinho está longe de ser resolvido", diz o artigo das Nações Unidas. Para o oceanógrafo da USP, tal dado é incomensurável, pois parte de pesquisas em cada país, sendo impossível quantificá-las em escala global. “A gente não sabe a área precisamente, pois há estudos locais nas praias, depois disso, partimos para estimativas”, diz.

“O maior aterro do mundo está no oceano”

Apesar de não ser possível quantificar, há algumas zonas no oceano cuja concentração de lixo é impressionante. Exemplo disso é uma área localizada no Pacífico Norte conhecida como “Grande Giro do Pacífico”, localizada entre a Califórnia, o Havaí e o Japão. Trata-se de uma imensa mancha de lixo que se acumula em um dos giros (áreas em torno das quais se deslocam as correntes marinhas) existentes em todos os oceanos. Nessas zonas, os resíduos e detritos de plástico que chegam ali ficam retidos e se acumulam, formando enormes “lixões”.
Segundo dados levantados pelo Greenpeace em 2008, 80% do lixo do oceano vêm da terra e 20% em navios (cargueiros, pescas ou cruzeiros) ou plataformas. Além disso, cerca de 100 milhões de toneladas de plástico são produzidas todo ano e aproximadamente 10% acabam no ambiente marinho. Uma vez lá, as qualidades duradouras de plástico fazem com que o material permaneça no ecossistema ao longo de décadas, e como mais lixo se acumula, o cenário tende a ser extremamente negativo.

Apesar de os plásticos representarem 80% dos resíduos sólidos no mar, Turra aponta que sua tendência a flutuar facilita que seja mais visível nas pesquisas de campo científicas. “Por outro lado, há materiais mais pesados, como metais, que afundam. Isso dificulta quantificar a presença deles nos oceanos”, afirmou o pesquisador da USP. Daí um dos maiores desafios do lixo no oceano: se 99,9% dos plásticos são micropartículas e se muitos materiais acabam no fundo dos mares, é impossível quantificar o lixo presente no ambiente marinho.


Em um artigo intitulado “O maior aterro do mundo está no meio do oceano”, publicado para o PNUMA em 2002, o pesquisador e capitão Charles Moore afirmou que o maior problema do “Grande Giro do Pacífico” é que ele não representa apenas uma mancha de poluição, mas teria uma área do tamanho comparável ao Texas e se enche cada vez mais de lixo flutuante.

Segundo este relatório, os níveis de partículas de plástico triplicaram nos últimos dez anos e não seria um absurdo prever um aumento de dez vezes para a próxima década. Em suas pesquisas de campo, Moore apontou há 6 vezes mais micropartículas de plástico do que plâncton nos mares em que estudou. Há pelo menos cinco manchas semelhantes de lixo no Pacífico Sul, Atlântico Norte, Atlântico Sul e Índico, comprovando que não se trata de um problema local. “Antes de pensar em quantificar, o principal desafio mesmo é fazer com que a sociedade polua menos”, concluiu Turra.

Rescooped by Maquete Eletrônica from Digital Sustainability
Scoop.it!

A Block for Greener Walls

A Block for Greener Walls | tecnologia s sustentabilidade | Scoop.it
Made from natural mineral compounds, this alternative to standard concrete masonry units mimics the look of raw rock.

Via Digital Sustainability
more...
Digital Sustainability's curator insight, March 24, 8:49 AM
Portland cement is a material that architects and designers who deal in sustainable construction love to hate. But until recently, the market has seen few sustainable alternatives, particularly for structural applications. That’s changing. Among the products aiming to fill the gap is a new masonry unit from Napa, Calif.–based Watershed Materials, which is led by rammed-earth construction evangelist David Easton. The modular Watershed Block is made of fused soil and rock fragments including quartz, feldspar, clay, and other minerals. The hollow-celled unit contains half the cement of typical concrete blocks but weighs up to 30 percent more. EcoBuilding Pulse talked with Easton about the new block and how it could make masonry construction more environmentally friendly. What is your goal for the Watershed Block?We’re trying to eliminate our dependence on energy-intensive Portland cement and develop a series of formulas that allow us to recreate the original Roman cement, in which a suite of volcanic ashes were blended with lime and rock fragments to create this amazingly durable concrete. Portland cement is a fantastic product because it can glue sand and gravel together to make enormously strong finished products—7,000 to 10,000 psi. Roman cement can’t attain those strengths but there are very few applications for which you need something to be that strong. For architects and designers working with a client, what’s the selling point?You take one of the most common building components in the world and you make it better—more resource-conserving, energy-efficient, geographically appropriate, completely recyclable, and with a smaller carbon footprint. And it’s structure and finish, which is really efficient. Your masons lay it up and it’s done. There’s no Tyvek, there’s no painting, there’s no lathing on the outside. It’s very compelling if you have a short project timeline. We’ve worked hard to develop a series of formulations that make the block look like raw rock....
Scooped by Maquete Eletrônica
Scoop.it!

Solar Power, Organic Photovoltaics and 3D Printing

Solar Power, Organic Photovoltaics and 3D Printing | tecnologia s sustentabilidade | Scoop.it
Abundant, bright sunshine was once the critical component for commercial viability of the solar energy puzzle – until now. Researchers at the National Physical Laboratory...
Maquete Eletrônica's insight:

..." Mas a verdadeira inovação aqui é que eles podem ser dissolvidos numa solução e, em seguida, impressa em 3D de uma variedade de formas, tamanhos e cores".......................

more...
No comment yet.
Scooped by Maquete Eletrônica
Scoop.it!

Jardins verticais: faça um em sua casa! - Jardim das Ideias STIHL

Jardins verticais: faça um em sua casa! - Jardim das Ideias STIHL | tecnologia s sustentabilidade | Scoop.it
Eles estão na moda e adaptam-se muito bem a ambientes internos ou com pouco espaço. Confira estas imagens...
more...
No comment yet.
Scooped by Maquete Eletrônica
Scoop.it!

Chip de raios T deixa raios X mais próximos da aposentadoria

Chip de raios T deixa raios X mais próximos da aposentadoria | tecnologia s sustentabilidade | Scoop.it
Sua ampla gama de possíveis usos inclui análises químicas à distância, imagens médicas de alta resolução e telecomunicações de alta velocidade.
more...
No comment yet.
Scooped by Maquete Eletrônica
Scoop.it!

3ders.org - 3D Printing branches out with new clay-based filament for ceramics | 3D Printer News & 3D Printing News

3ders.org - 3D Printing branches out with new clay-based filament for ceramics | 3D Printer News & 3D Printing News | tecnologia s sustentabilidade | Scoop.it
If you own a printer and like to experiment, get ready to freak out! You can now squeeze ceramic objects through the nozzle of your 3D printer.
more...
No comment yet.
Rescooped by Maquete Eletrônica from 3D Printing and Fabbing
Scoop.it!

How Will 3D Printing Effect Manufacturers And Retailers In The Future?

How Will 3D Printing Effect Manufacturers And Retailers In The Future? | tecnologia s sustentabilidade | Scoop.it
New technologies could transform the world of retail forever. 3D Printing Manufacturers And Retailers In The Future?

Via Kalani Kirk Hausman
more...
No comment yet.
Scooped by Maquete Eletrônica
Scoop.it!

Sinapse artificial de papel

Sinapse artificial de papel | tecnologia s sustentabilidade | Scoop.it

O componente possibilita a construção de redes neurais artificiais, usadas na robótica, no processamento de sinais e na conexão entre equipamentos eletrônicos e organismos vivos.

Maquete Eletrônica's insight:

."

Pesquisadores chineses criaram uma sinapse artificial feita de papel.

O componente imita a sinalização eletroquímica que permite a comunicação entre os neurônios do cérebro humano."...............

more...
No comment yet.
Rescooped by Maquete Eletrônica from Digital Sustainability
Scoop.it!

Capa para celular que recarrega a bateria

Capa para celular que recarrega a bateria | tecnologia s sustentabilidade | Scoop.it
A bateria de um celular foi recarregada simplesmente deixando o aparelho sobre o assento de um carro em movimento.

Via Digital Sustainability
more...
Digital Sustainability's curator insight, March 10, 10:02 AM

A bateria de um telefone celular foi recarregada simplesmente deixando o aparelho sobre o assento de um carro em movimento.

Yanchao Mao, da Universidade de Wisconsin-Madison, nos Estados Unidos, conseguiu o feito revestindo o celular com uma película capaz de gerar eletricidade das vibrações do carro.

O dispositivo é um tipo de equipamento já bastante conhecido - umnanogerador - que usa materiais piezoelétricos para transformar forças mecânicas em eletricidade.

O diferencial é que o material desenvolvido por Mao mostrou-se extremamente prático, a um passo de ser incorporado, por exemplo, em uma capa para celular.