Tecnologia e pratica de ensino.
63 views | +0 today
Follow
Tecnologia e pratica de ensino.
Utilização de recursos tecnológicos aplicados a educação.
Your new post is loading...
Your new post is loading...
Scooped by Ariadne Perin Raulino
Scoop.it!

Interação social na Net: Comunidade Virtual de Gênero Participativo.Thomas Erickson

Interação social na Net: Comunidade Virtual de Gênero Participativo.Thomas Erickson | Tecnologia e pratica de ensino. | Scoop.it
Ariadne Perin Raulino's insight:

Nesse trabalho, o autor, propõe uma análise do discurso e da comunidade virtual, através da pesquisa de uma sala interativa " Cafe Utne", pontuando caracteristicas de Comunidade e da Conversação estabelecida entre os participantes.

É dada especial atenção para as formas em que o meio de discurso capacita os participantes a estabelecer e reforçar a essas expectativas.

 

 Algumas implicações do termo "comunidade":

 

Pessoas que compartilham idéias ou interesses, acessíveis para aqueles que atendem a certos critérios de geografia, etnia e genero, os membros compartilham valores, objetivos e práticas, formam relacionamentos pessoais.

 

Contudo, Erickson comenta: "  as comunidades, geralmente concebidas são grandes demais para que todos possam conhecer bem um ao outro, em vez disso, uma comunidade é mais vista como parcialmente sobrepostas redes de relacionamentos".

 

O artigo aborda também o conceito de Comunidade Discurssiva, analisando o gênero textual,com semelhanças de propósito e audiência - que dão origem a regularidades de forma e substância no gênero.

São utilizados  mecanismos participativos para fornecer informações e feedback e de apoio a  conversas.

 

Os gêneros dicursivos evoluem ao longo do tempo através da interação entre as práticas institucionalizadas e as ações humanas individuais, a interação on-line tem o potencial de acelerar a evolução dos gêneros.

 

A Comunidade virtual, em geral tem um propósito comunicativo, orientado por um tema, que através do chamado " Discurso médio" cria possibilidade de interação do conteudo, para participantes recem chegados, oferecendo ferramentas que permitem a inclusão e conhecimento do assunto conversado, finalizando o autor destaca a importância  das ferramentas que contribuem para os processos participativos, que visam a ampliação da comunidade.

 

 

more...
No comment yet.
Scooped by Ariadne Perin Raulino
Scoop.it!

Comunidade de Pratica.Etienne Wenger POR ANA NEVES

Comunidade de Pratica.Etienne Wenger	  POR ANA NEVES | Tecnologia e pratica de ensino. | Scoop.it
Ariadne Perin Raulino's insight:

Etienne Wenger, criadora do termo " Comunidade de prática" concedeu uma entrevista, falando sobre o assunto.

Elenquei alguns pontos, que considerei esclarecedores e importantes:

 

Três elementos definem comunidades de prática. Um é o domínio: tem de haver um assunto sobre o qual a comunidade fala. O segundo é a própria comunidade: as pessoas têm de interagir e construir relações entre si em torno do domínio. O terceiro é a prática: tem de existir uma prática e não apenas um interesse que as pessoas partilham. Elas aprendem juntas como fazer coisas pelas quais se interessam.

 

Para um profissional, é essencial pertencer a uma CoP porque é muito difícil saber tudo: é necessário colegas, pessoas com quem falar sobre os problemas, a quem pedir ajuda e informação. Há muito para ler, muitas conferências para assistir… É impossível uma pessoa saber tudo.

 

Decididamente! Há imensos benefícios em pertencer a uma CoP, mesmo que não se esteja consciente disso. Porque se vai partilhar conhecimento, recolher informação, e ter acesso a novas ideias.

 

Se uma comunidade fica consciente torna-se mais capaz de ir ser movimentando por essas etapas e mais responsável pelo conhecimento que está  desenvolvendo.

 

Algumas organizações tornam-se muito explícitas quanto ao fato de quererem construir uma iniciativa de conhecimento em torno de comunidades. Criam uma equipe de suporte que vai ajudando a criar comunidades. As organizações precisam encontrar suporte na gestão de topo. Ela irá patrocinar estas comunidades e dar legitimidade ao seu trabalho.

 

As CoPs  criam a sua própria linguagem porque, ao longo do tempo, precisam de atalhos ao se unir junto de uma comunidade que se esteja se desenvolvendo há algum tempo, vai ser difícil perceber do que estão falando. Ela tem as suas próprias referências à sua própria história. Parte da construção de uma prática é o desenvolvimento de uma linguagem para falar dessa prática.

 

A prática é o contexto para a discussão de problemas. Por isso, a linguagem que a comunidade constrói ao longo do tempo torna-se o contexto para as pessoas trocarem ideias.

more...
No comment yet.
Scooped by Ariadne Perin Raulino
Scoop.it!

Morin,.2005a.Introdução ao pensamento complexo.Editora Sulina

Morin,.2005a.Introdução ao pensamento complexo.Editora Sulina | Tecnologia e pratica de ensino. | Scoop.it
Ariadne Perin Raulino's insight:

Analisando o livro, destaquei os trechos abaixo, entendendo que resumem  a idéia central.

"A complexidade surge, lá onde o pensamento simplificador falha, mas ela integra em si tudo o que põe ordem, clareza, distinção, precisão no conhecimento. Enquanto o pensamento simplificador desintegra a complexidade do real, o pensamento complexo integra o mais possível os modos simplificadores de pensar, mas recusa as conseqüências mutiladoras, redutoras, unidimensionais e finalmente ofuscantes de uma simplificação que se considera reflexo do que há de real na realidade."
 
"O pensamento complexo também é animado por uma tensão permanente entre a aspiração a um saber não fragmentado, não compartimentado, não redutor, e o reconhecimento do inacabado e da incompletude de qualquer
conhecimento."

"A dificuldade do pensamento complexo é que ele deve enfrentar
o emaranhado (o jogo infinito das inter-retroações, a solidariedade
dos fenômenos entre eles, a bruma, a incerteza, a contradição"

"A antiga patologia do pensamento dava uma vida independente
aos mitos e aos deuses que criava. A patologia moderna da mente está
na hipersimplificação que não deixa ver a complexidade do real."

more...
No comment yet.
Scooped by Ariadne Perin Raulino
Scoop.it!

Prefacio - Pesquisando Fundamentos para Novas Práticas na Educação Online

Vídeo introdutório ao Curso de Formação de Professores para Educação a Distância na Web 2.0 - Centro de Educação e Tecnologia da Universidade de Sorocaba. Te...
more...
No comment yet.
Scooped by Ariadne Perin Raulino
Scoop.it!

Moran,jose Manuel, Masetto, Marcos T. Novas técnologias e mediação pedagógica. São PAULO:pAPIRUS, 2001

A matéria prima da aprendizagem é a informação organizada, significativa: a informação transformada em conhecimento.

 

O educador continua sendo importante, não como informador nem como papagaio repetidor de informações prontas, mas como mediador e organizador de processos.

 

Os professores podem ajudar os alunos incentivando-os a saber perguntar, a enfocar questões importantes, a ter critérios na escolha de sites, de avaliação de páginas, a comparar textos com visões diferentes.

 

 

 É importante que alunos e professores levantem as principais questões relacionadas com a pesquisa: Qual é o objetivo da pesquisa e o nível de profundidade da pesquisa desejado? Quais são as “fontes confiáveis” para obter as informações.

 

 

A divulgação hoje faz com que o conhecimento compartilhado acelere as mudanças necessárias e agilize as trocas entre alunos, professores, instituições. A escola sai do seu casulo, do seu mundinho e se torna uma instituição onde a comunidade pode aprender contínua e flexivelmente.

 

 

A possibilidade de os alunos se expressarem, tornarem suas idéias e pesquisas visíveis, confere uma dimensão mais significativa aos trabalhos e pesquisas acadêmicos.

 

 

 Os blogs registram a concepção do projeto e os detalhes de todas as suas fases, o que incentiva e facilita os trabalhos interdisciplinares e transdisciplinares.

 

"É preciso apenas que os professores se apropriem dessa linguagem e explorem com seus alunos as várias possibilidades deste novo ambiente de aprendizagem. O professor não pode ficar fora desse contexto, deste mundo virtual que seus alunos dominam. Mas cabe a ele direcionar suas aulas, aproveitando o que a internet pode oferecer de melhor".(Gládis Leal dos Santos).

more...
No comment yet.
Scooped by Ariadne Perin Raulino
Scoop.it!

REFORMA DA EDUCAÇÃO E DO PENSAMENTO COMPLEXIDADE E TRANSDISCIPLINARIDADE. Basarab NICOLESCU(*)

REFORMA DA EDUCAÇÃO E DO PENSAMENTO COMPLEXIDADE E TRANSDISCIPLINARIDADE. Basarab NICOLESCU(*) | Tecnologia e pratica de ensino. | Scoop.it
Ariadne Perin Raulino's insight:

Nesse texto o autor reflete sobre a decadência e sucesso da civilização, abordando diretamente os fatores de trasdiciplinaridade e transculturaliade relacionados aos parâmetros educacionais.

 

Aqui destaco algumas citações que considerei como referenciais ao entendimento do conteúdo desse trabalho.

 

Refletindo sobre a decadência da civilização: "Tudo ocorre como se os conhecimentos e os saberes que uma civilização incessantemente acumula não pudessem ser integrados no ser interior daqueles que compõem essa civilização."

"... afinal de contas, é o ser humano que se encontra ou deveria encontrar-se no centro de toda civilização digna desse nome".

 

Referente a integração dos saberes:

 

A pluridisciplinaridade diz respeito ao estudo de um objeto de uma única e mesma disciplina efetuado por diversas disciplinas ao mesmo tempo. 

A pesquisa pluridisciplinar adiciona um algo mais à disciplina em questão..

 

A interdisciplinaridade tem uma ambição diferente daquela da  pluridisciplinaridade. Ela diz respeito à transferência dos métodos de uma disciplina para outra.

 

São citados três graus de interdisciplinaridade: a) um grau de aplicação: a transferência dos métodos da física nuclear para a medicina, por exemplo, leva à descoberta de novas formas de tratamento do câncer;

b) um grau epistemológico: a transferência dos métodos da lógica formal para o domínio do direito, por exemplo, dá origem a interessantes análises na epistemologia do direito;

c) um grau de criação de novas disciplinas: a transferência dos métodos da matemática para o estudo dos fenômenos meteorológicos ou da bolsa, por exemplo, gerou a teoria do caos.

Assim como a pluridisciplinaridade, a interdisciplinaridade ultrapassa igualmente os limites das disciplinas, porém sua finalidade também continua inscrita na pesquisa disciplinar.

 

Já a transdisciplinaridade, conforme indica o prefixo “trans”, envolve aquilo que está ao mesmo tempo entre as disciplinas, através das diferentes disciplinas e além de toda e qualquer disciplina. Sua finalidade é a  compreensão do mundo atual, para a qual um dos imperativos é a
unidade do conhecimento.

 

A transdisciplinaridade interessa-se pela dinâmica decorrente da ação simultânea de diversos níveis de Realidade.

 

"A disciplinaridade, a pluridisciplinaridade, a interdisciplinaridade e a transdisciplinaridade são as quatro flechas de um único e mesmo arco: o do conhecimento."

 

"O conhecimento não é nem exterior nem interior: ele é ao mesmo
tempo exterior e interior. O estudo do Universo e o estudo do ser humano sustentam-se mutuamente".

 

Nicolescu, descorre ainda sobre a Pluriculturalidade:

 

O pluricultural mostra que o diálogo entre as diferentes culturas é enriquecedor, mesmo que não vise a uma efetiva comunicação entre as culturas. O estudo da civilização chinesa foi sem dúvida fecundo para o aprofundamento da compreensão da cultura européia.

O pluricultural nos faz descobrir melhor a fisionomia de nossa própria cultura no espelho de uma outra cultura.

 

O Relatório Delors:

Destaca os quatro pilares de um novo tipo de educação: Aprender a conhecer, aprender a fazer, aprender a conviver e aprender a ser.

 

Aprender a conhecer quer dizer também ser capaz de estabelecer pontes – pontes entre os diferentes saberes.

 

Aprender a fazer significa, é claro, escolher uma profissão e adquirir os conhecimentos e técnicas a ela associados.

 

o “aprender a fazer” é um aprendizado da criatividade. “Fazer” significa também fazer coisas novas.

 

Aprender a conviver certamente significa, antes de mais nada, acatar as normas que regem as relações entre os membros de uma coletividade. Mas tais normas devem ser verdadeiramente compreendidas e intimamente aceitas pelas pessoas, e não apenas obedecidas como uma lei imposta
exteriormente.

 

Aprender a ser surge, como um enigma insondável. Nós sabemos existir,
mas como aprender a ser? Podemos começar por aprender o que significa, para nós, a palavra “existir”: descobrir nossos condicionamentos, descobrir a harmonia ou a desarmonia entre nossa vida interior e a social, sondar os fundamentos de nossas convicções, para descobrir o que existe de  subjacente.

 

Concluindo;

 

A educação transdisciplinar lança uma luz nova sobre uma necessidade que se faz sentir cada vez mais intensamente em nossos dias: a necessidade de uma educação permanente. Com efeito, a educação transdisciplinar, por sua própria natureza, deve efetuar-se não apenas nas instituições de ensino, da escola maternal à Universidade, mas também ao longo de toda a vida e em todos os lugares em que vivemos.

 

more...
No comment yet.
Scooped by Ariadne Perin Raulino
Scoop.it!

O que é Educação Holística (Ron Miller).

O que é Educação Holística (Ron Miller). | Tecnologia e pratica de ensino. | Scoop.it
Ariadne Perin Raulino's insight:

O texto de Miller reflete sobre a Educação holistica.

Uma maneira holística de pensar abrange e integra múltiplas camadas de significado e experiência ao invés de definir as possibilidades humanas de forma restritiva, a inteligência e as habilidades de cada pessoa são muito mais complexas do que seus resultdos obtidos em testes padronizados.

Educação holística se  baseia na premissa de que cada pessoa encontra identidade, significado e propósito na vida por meio de conexões com a comunidade, com o mundo natural e aos valores espirituais.

Cita ainda Montessori, que  falou de "cósmica", a  educação ajudar o jovem a sentir-se parte da totalidade do universo, tornando a  aprendizagem mais  convidativa.

 A arte da educação holística reside na sua capacidade de resposta aos diversos estilos de aprendizagem e as necessidades dos seres humanos em evolução. Ao usar as experiências da vida real, os eventos atuais, as artes dramáticas e outras fontes vivas de conhecimento em lugar de informações de livros didáticos, os professores podem acender o amor pelo aprendizado. Incentivando a reflexão eo questionamento ao invés de memorização passiva de "fatos".

 

A minha reflexão pessoal sobre o assunto, incide no fato de que grande parte dos nossos educadores, não estão preparados para aplicar esses conceitos, já que não receberam em sua formação. Percebo que um grande numero de professores, senão a maioria, utiliza os metódos pré estabelecidos sem questionamento, o que precisa de fato ser reformulado, visto o desinteresse e desmotivação dos educandos.

 

 

more...
No comment yet.
Scooped by Ariadne Perin Raulino
Scoop.it!

Libâneo.J.C & Santos, A (orgs.) 2005. Educação na era do conhecimento em rede e transdiciplinaridade. Alinea Editora.

Libâneo.J.C & Santos, A (orgs.) 2005. Educação na era do conhecimento em rede e transdiciplinaridade. Alinea Editora. | Tecnologia e pratica de ensino. | Scoop.it

As Teorias Pedagógicas Modernas Revisitadas pelo Debate Contemporâneo na Educação.

 

http://pt.scribd.com/doc/16367378/Teorias-Pedagogicas-modernas-Libaneo

Ariadne Perin Raulino's insight:

"A realidade atual mostra um mundoao mesmo tem po homogêneo e heterogêneo, num processo de glo- balização e individuação, afetando sentidos e significados de indi-víduos e gru pos, criando múlti plas culturas, múlti plas relações,múlti plos su jeitos.

 

"Pensar e atuar nocampo da educação, enquanto atividade social prática de humanizaçãodas pessoas, implica responsabilidade social e ética de dizer nãoapenas o porquê fazer, mas o quê e como fazer"

 

"sujeitos e identidades se constituem enquanto portadores das dimensões física, cognitiva, afetiva, social, ética, estética,situados em contextos socioculturais, históricos e institucionais".

more...
No comment yet.
Scooped by Ariadne Perin Raulino
Scoop.it!

Educação Online

Educação Online | Tecnologia e pratica de ensino. | Scoop.it
Ariadne Perin Raulino's insight:

Analisando o livro, destaquei os trechos, a fim de demonstrar a idéia central desse trabalho.

 

"despreparo dos atores educacionais para atuarem
em um mundo que funciona em rede"

 

"importância da EAD pela possibilidade de vir a colaborar para a

ressignificação dos paradigmas educacionais"

 

"ressignificar os paradigmas educacionais implica escolha de princípios

e teorias que sejam capazes de fundamentar e organizar o conhecimento
a ser construído no ambientes de aprendizagem."

 

"para haver mediação pedagógica, o professor necessita estar envolvido com o tema a ser trabalhado para, assim, ter condições de contagiar o resto do grupo."

 

" estratégias que permitam conhecer a estrutura de cada participante"

 

 

 

 

more...
No comment yet.