Já andou de skate? Pedro Barros e Mineirinho dão dicas aos iniciantes | Skateboarding | Scoop.it

Você já andou de skate alguma vez na vida? Sabe qual é o melhor shape para quem está começando? Já tentou andar em um bowl? O Eu Atleta traz para você dicas fundamentais para começar a praticar a modalidade. Além de informações sobre acessórios e peças do skate, você vai conferir as dicas de dois grandes nomes no mundo das rodinhas: Sandro Dias, o Mineirinho, um dos principais skatistas do Brasil e hexacampeão mundial, e Pedro Barros, de apenas 17 anos e campeão do último Mundial de Skate Vertical, realizado no Rio de Janeiro. 

 

O skate surgiu na California, nos Estados Unidos, na década de 1960 e chegou no Brasil em 1965. No começo, andar de skate era uma atividade voltada para o lazer, sem pretenção de se transformar em prática esportiva. Com o aumento do número de adeptos em todo o país, o primeiro Circuito Brasileiro profissional surgiu em 1989, na categoria street style. Hoje, além de diversos campeonatos em diferentes regiões, a Confederação Brasileira de Skate (CBSK), com sede na capital paulista, cuida de todos os eventos relacionados à modalide.

 

O Brasil, aliás, está logo atrás dos Estados Unidos, como a segunda maior potência na modalidade. De acordo com a Confederação Brasileira de Skate (CBSK), entre homens e mulheres, existem cerca de 10 mil competidores amadores e 300 profissionais em terras brasileiras. Confira abaixo as dicas para começar a andar de skate e dê seu primeiro passo para uma vida mais saudável.

 

PRIMEIRO PASSO
Comprar um skate. Essa é a primeira atitude tomada por quem está começando a praticar a modalidade. Mas, cuidado, pois existem vários tipos de shapes, rodas e todos os outros acessórios que envolvem a montagem de um skate. Veja abaixo cada peça e monte o seu skate.

 

MODALIDADES
Existem diferentes modalidades e estilos de manobras no mundo do skate. O Eu Atleta traz para você as três modalidade mais comuns no Brasil. Confira abaixo as dicas de cada uma delas e comece a praticar.


- Street: é a modalidade mais conhecida no Brasil. Praticada na rua e em pistas, seu maior objetivo é passar por obstáculos, tais como bordas, corrimões, paredes inclinadas, saltar gaps e escadarias.

 

- Vertical: é praticada em uma pista em forma de U, que é chamada de half-pipe e pode ser feita de madeira ou concreto. Por seu formato, permite que o skatista realize manobras incríveis, como os giros de 540º e 720º.

 

-Downhill: para quem pratica essa modalidade, o que importa é a velocidade. O atleta desce ladeiras ou mini rampas fazendo manobras em alta velocidade. Os skatistas estão sempre equipados de capacete e outros itens de segurança, já que existem ladeiras em que os atletas atingem mais de 110km/h.

 

ACESSÓRIOS DE SEGURANÇA
Antes de sair por aí com seu skate, fique atento: a sua segurança está em primeiro lugar. Assim como qualquer outro esporte radical, o skate pode trazer riscos para quem o pratica. Por isso, o uso de acessórios de segurança é essencial para todos os skatistas. São quatro itens básicos que podem evitar graves acidentes: capacete, joelheiras, cotoveleiras e luvas.

 

lém dos acessórios, é preciso tomar cuidado com as pessoas e o trânsito em volta. Andar de skate e escutar música ao mesmo tempo pelas ruas pode causar graves acidentes. Outro cuidado a ser tomado, são os passeios noturnos, é sempre recomendado utilizar acessórios reflexivos e roupas brancas, alaranjadas, amarelas ou em tons flúor.

 

PAPO DE PROFISSIONAL
Sandro Dias e Pedros Bastos: dois nomes importantes do skate atual. Respectivamente, um traz na bagagem a experiência de ter conquistado seis campeonatos mundiais e ser um ídolo para muitos jovens. O outro, com apenas 17 anos, comemora seu primeito título no Mundial de Skate Vertical e passa a influenciar a nova geração de skatistas brasilerios.

 

- Primeiro é muito importante saber que o skate é antes de tudo uma diversão e que jamais deve ser influenciado ou iniciado para uma carreira profissional. Sabendo disso, fica muito mais fácil de aprender e se divertir - aconselhou Pedro Barros.

 

 


Via BRUNO SENDRA DE ASSIS