Papéis e Letras: Mil Novecentos e Oitenta e Quatro - Opinião | Paraliteraturas + Pessoa, Borges e Lovecraft | Scoop.it

"Esta foi a minha estreia na literatura distópica. Para aqueles que não conhecem o termo, uma distopia é uma antítese daquilo que é uma utopia. Normalmente, é uma sociedade controlada e reprimida pelo estado mas sob o pretexto de ser, na realidade, utópica. E é uma sociedade destas que George Orwell nos apresenta neste Mil Novecentos e Oitenta e Quatro."


Via Jorge Candeias