LC Biologia.
125 views | +0 today
Follow
LC Biologia.
Aqui ficam os resumos das aulas e as postagens pedidas pela professora.
Curated by Julio Kira
Your new post is loading...
Your new post is loading...
Scooped by Julio Kira
Scoop.it!

Mata Atlântica

A Mata Atlântica é um bioma brasileiro de floresta tropical que se localiza na costa leste, sudeste e sul do Brasil, contendo florestas na Argentina e no Paraguai. A Mata Atlântica passou por intenso desmatamento apõs a colonização, possuindo apenas 10% da cobertura vegetal original. Rica biodiversidade, com presença de diversas espécies animais e vegetais. A floresta é fechada com presença de árvores de porte médio e alto. 

Julio Kira's insight:

http://www.youtube.com/watch?v=r_8cbcE7P80 

Este vídeo nos mostra as características desse bioma, cujo está com 7% da cobertura vegetal original hoje em dia. 

more...
No comment yet.
Scooped by Julio Kira
Scoop.it!

Fichamento

1.) Mata Atlântica
Biodiversidade, Ameaças e Perspectivas

Visitas indesejadas:
a invasão de espécies exóticas
Jamie K. Reaser, Carlos Galindo-Leal e Silvia R. Ziller
e Ibsen de Gusmão Câmara

(Título original: The Atlantic Forest of South America: biodiversity status,
threats, and outlook. Washington: Island Press, Center for Applied Biodiversity Science at Conservation International. 2003)
2.)A invasão de espécies exóticas a fauna da América do Sul, que ocorre devido a intervenção de homens á natureza.
3.) ESPÉCIE: Uma espécie é um conjunto de indivíduos apresentando características morfológicas, anatômicas, ecológicas, biogeoquímicas, fisiológicas, etc.
EXÓTICA: Proveniente de países estrangeiros: animais exóticos.
INVASÃO: Ação de invadir.
EXTINÇÃO: Ação ou efeito de extinguir(-se).
HABITAT: Habitat é um local específico ou região onde se desenvolvem ou vivem seres vivos de forma organizada.
ESTRANGEIRO: Que é natural de outro país.
NATIVO: Próprio do lugar onde nasce; nato, peculiar: planta nativa

4.) Impactos ambientais: Os impactos ambientais são que, as invasões de espécies exóticas, são as maiores causadoras de mudanças ambientais. As mesmas convertem os habitats, e causam ameaça de extinção a diversas espécies do mundo.
Introdução de peixes: A introdução de peixes em lagos tem diversos objetivos, como a pesca esportiva ou até para aumentar o suprimento de alimento da região, como fizeram na África, mais precisamente em (Uganda, Quênia e Tanzânia). Porém muitas vezes o que se pretendia não ocorre, ocorrem perdas econômicas e ecológicas, dos mais variados sentidos, como, a extinção de determinadas espécies, por conta da espécie introduzida ser muito predadora, assim reduzindo a quantidade de espécies locais, o que pode acarretar na economia local.
Abelhas africanizadas: Abelhas rainhas melíferas, vindas as África, foram introduzidas em territórios brasileiros com a intenção de aumentar a produção de mel, porém, elas acabaram gerando uma nova espécie de abelhas, as “africanizadas” que eram bem mais agressivas. Como resultado, as abelhas africanizadas começaram a entrar em conflito com abelhas nativas, em função de cavidades das árvores e recursos da flora brasileira.
Invasões de árvores exóticas em dunas de areia: Algumas espécies de árvores foram trazidas de países estrangeiros, principalmente da América do norte, em função de expandir a produção florestal, porém isto gerou consequências. Pois as árvores estrangeiras competiam por um espaço com as nativas, o que gerou o decaimento da biodiversidade local assim gerando uma significativa diminuição da renda potencial do ecoturismo local.
Invasão de plantas em florestas: Duas principais espécies de plantas foram plantadas e extensamente cultivadas no Brasil, como a ‘maria-sem-vergonha”, o uo beijo, e as goiabeiras, as mesmas tomaram parques entre outros locais. A quantidade de goiabeira fez até brasileiros acharem que a mesma é nativa, apesar de ter origem mexicana.
Invasão em áreas úmidas: A invasão de uma espécie de planta vinda do Himalaia (que se estabelece em lugares úmidos) em alguns estados e idades brasileiras causam a perda de biodiversidade, ou seja, algumas espécies nativas entraram em extinção, pois, na primeira fase do desenvolvimento da planta ela acaba com as outras espécies ao seu redor.
Impactos econômicos: Importar estas espécies invasoras custa muito caro ao Estado, além de muitas vezes causar prejuízos em relação ao transporte do produto. Não existem demasiadas pesquisas sobre o assunto, porém, o mesmo causa muitas perdas econômicas, além de muitas vezes afetar a população.
Bicudo versus algodão: O Brasil que já foi m dos maiores exportadores e produtores de algodão no passado, agora teve um grande decaimento na produção do mesmo, pois uma nova espécie chamada “bicudo-do-algodoeiro”, chegou ao Brasil, prejudicando a produção do algodão, e fazendo com que o Brasil se tornasse um dos maiores importadores de algodão do mundo.
Vassoura-de-bruxa versus cacau: O Brasil que ocupava o 2 lugar na produção de cacau do mundo, perdeu sua colocação principalmente por conta da chegada da praga da vassoura-de-bruxa, dizimando as plantações de cacau, que começou pelo o Amazonas e depois veio a se estender pelo Brasil.
Invasão de braquiárias: Várias espécies de gramíneas vindas da África prejudicaram a produção de carne e de leite, por conta de prejudicar o solo, pasto dos animais.
Impactos na saúde: A invasão destas espécies estrangeias, muitas vezes afetam a saúde do homem, pois trazem doenças estrangeiras. Temos como um exemplo a própria peste bubônica, de tirou a vida de milhares de pessoas, além de outras doenças que denificaram a saúde das pessoas.
Desafios para a prevenção e o controle das invasões: A prevenção desta invasão das espécies, é considerada atualmente como m desafio que envolve questões científicas, éticas e políticas. Pois muitas vezes as medidas necessárias tem um alto custo, além de haver uma importação e exportação, o que pode carregar estas espécies, e por que, é muito difícil de se controla elas, as mesmas podem migrar de regiões, formando um caminho, sem a ação humana. 
Oportunidades regionais: avaliação e planejamento estratégico: É praticamente impossível um país lidar com seus problemas de espécies invasoras sozinhos, por isso é recomendável que tenha alianças com países vizinhos para que se possa combater estas espécies. Há recomendações para monitorar exportações e importações. Também há recomendações de ações para a mata Atlântica para fugir destas espécies.
5.) “Duas espécies exóticas de pinheiros (Pinus elliottii e P. taeda) são agora comuns no Sul e no Sudeste do Brasil. Elas foram trazidas da América do Norte nos anos 60 e 70 e plantadas extensivamente, com o apoio de incentivos governamentais, para aumentar a produção florestal (Caruso, 1990). Muitas áreas experimentais foram subseqüentemente abandonadas, o que permitiu que as árvores se estabelecessem e se espalhassem. Como resultado, hábitats sensíveis sofreram perdas de biodiversidade.” 
Explicação: Escolhi este trecho pois ele exemplifica e montra uma modificação na natureza local efetivada pelo homem, em função de uma atividade econômica, que acabou gerando um grande impacto ambiental. Ou seja, é a figura do homem interferindo na natureza em função de ganhos, mas prejudicando a mesma.
“Além disso, as doenças humanas e animais introduzidas representam um custo enorme para a sociedade brasileira”
Explicação: Escolhi este trecho pois mostra que além de afetar a biodiversidade brasileira, como diz o trecho anterior, muitas vezes estas espécies causam doenças prejudicando também a sociedade.
6.) Conclusão: O homem depende e utiliza a natureza para que a mesma lhe proporcione condições de produção, desenvolvimento econômico, social e político. Porém, a partir do momento em que o mesmo tenta manipular a mesma em seu favor, muitas vezes coisas que não estavam nos planos acontecem, como temos o exemplo neste texto, onde o homem tenta colocar coisas não nativas da região para atender seus interesses, porém ocorrem consequências, que muitas vezes se opõe aos interesses.
Assim surgem muitas consequências destes atos, onde se extinguem algumas espécies por conta da vinda de outras estrangeiras, que afetam a biodiversidade e algumas vezes o turismo do locas, ou proliferações de doenças. Estes problemas não são fáceis de se estabilizar, pois passam a envolver não só um espaço, mas como uma parte da sociedade que é afetada na saúde ou economicamente, criando assim desafios para os humanos, para resolver tais problemas.

Julio Kira's insight:

Fichamento de 7 de outubro que não foi enviado por problemas técnicos.

more...
No comment yet.
Scooped by Julio Kira
Scoop.it!

Manguezal e pantanal

Seminários 14/10.

Julio Kira's insight:

Os manguezais brasileiros localizam-se ao longo de quase todo o litoral do Brasil e em uma pequena parte do Pará. Seu solo lodoso e possui pouco O2 devido a grande quantidade de bactérias e fungos, além disso, a água em que os mangues se encontram é salobra, isto é, a junção água salgada (mar) com a doce (rios), assim, as raízes das árvores presentes são altas, saindo do solo para uma maior obtenção de O2 . Os fungos e bactérias utilizam o O2 para se alimentar com matéria organica e nesse processo é liberado nitrogenio onde esta substancia enriquece o solo. A fauna e flora do local é bem restrita, possuindo apenas crustáceos, ostras, bromélias e caranguejos. 

Durante a maré cheia, o mangue é coberto por uma água salobra  e esta traz peixes e outros tipos de animais, onde eles se abrigam nas raízes das árvores, tornando o mangue uma espécie de ''berçário''.

As relações intraespecíficas entre a pauperizada fauna da região é apenas a reprodução e o canibalismo entre caranguejos, porém, mamíferos e aves se alimentam de peixes, sendo assim, uma relação interespecífica maléfica.

Apesar de ter uma fauna e flora pouco extensa, o manguezal é um ecossitema muito complexo onde a energia introduzida na cadeia alimentar deste vem de decompositores ao invés de produtores.

 

O Pantanal se localiza na região do Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Paraguai e Bolivia. Com um cima muito úmido devido a muitos rios que cercam sua região, o bioma do pantanal tem a sua maior parte alagada por conta da lentidão da drenagem das águas que fluem lentamente na região o que torna o ecossistema muito propício a alagamentos em tempos de chuva. O Pantanal recebe uma grande influência do Rio Paraguai e seus afluentes. Possui uma grande bio-diversidade, sua vegetação é extensa, possuindo por exemplo o cerrado, a floresta tropical e vegetações de áreas alagadas. A maior parte da vegetação fica alagada o ano inteiro. Por ficar alagado na maioria do tempo, o pantanal possui uma vasta fauna na água doce como o  o pacu, o dourado, pintado, jacarés, ariranhas e capivaras, possuindo relações interespecíficas maléficas e interespecíficas benéficas (predação e reprodução).

Além disso, a aparencia do pantanal pode ser modificadada, pois este pode secar se houver uma grande temporada de seca.

more...
No comment yet.
Scooped by Julio Kira
Scoop.it!

Manipulando Argila.

Aula 18/03

Julio Kira's insight:

Na aula passada nós manipulamos argila para através dela moldar o que nós acreditamos ser a origem do universo. 

more...
Carla Wanessa's comment, May 16, 2013 8:03 PM
Ok! Scoop.it corrigido! Desta postagem em diante vale para segundo trimestre.
Scooped by Julio Kira
Scoop.it!

musica

Vimos esse vídeo em aula, mas gostaria de compartilhar pois achei muito legal e interessante. Além de ser muito divertido e envolvedor, ele ensina muito sobre cada cultura que esta sendo cada vez mais extinta pela globalização.

Julio Kira's insight:

http://www.youtube.com/watch?v=DkFJE8ZdeG8

more...
No comment yet.
Scooped by Julio Kira
Scoop.it!

Mito de criação do universo.

Um mito de origem do universo no qual eu achei muito interessante.

Julio Kira's insight:

http://www.youtube.com/watch?v=GRmFvXT6Xjw

more...
No comment yet.
Scooped by Julio Kira
Scoop.it!

Qual é o mais aceito?

http://www.youtube.com/watch?v=b7NLe-MAo7o 

Julio Kira's insight:

O vídeo é voltado a relação entre a ciencia e os mitos/crenças.

more...
Carla Wanessa's comment, May 16, 2013 8:01 PM
Desenvolva melhor os posts dos materiais.
Scooped by Julio Kira
Scoop.it!

Apresentações de mitos.

Qual é a relação entre mitos e a ecologia?

Julio Kira's insight:

Foram nos apresentados por integrantes da sala diversas apresentações sobre mitos de origem de diferentes tribos e culturas, como astecas, gregos e

indus. Isso tem uma relação com nosso tema desse primeiro trimestre, a ecologia.  

Os mitos tem relação entre o indiv[iduo e o meio ambiente onde este vive, ou seja, ''eco'' significa casa, então a relação já vem disso. Então, é mais do que provável que habitantes de um deserto crie seu mito incluindo areia ou o sol no grupo de divinidades. Um exemplo desse aspecto é o povo grego, que relaciona seus mitos com deuses.

O mito não pode ser acabado ou e, ncerrado, ele representa a relação em que algum indivíduo tem com o mundo, além de representar sua própia identidade, algo que se passa de geração em geração, ou seja, o mito é algo histórico.

more...
No comment yet.
Scooped by Julio Kira
Scoop.it!

Intuição x Dedução.

Aula 3.

Julio Kira's insight:

Depois de diversas discussões soreconceito de ciência, passamos a ver como esta é prduzida. Vimos como cientistas e pesquisadores fazem suas hipóteses e conclusões.

Há muitas maneiras de se iniciarmos uma pesquisa, mas os dois que discutimos na aula foram os métodos dedutivo e indutivo.

Um exemplo é se olhássemos uma lagoa com 18 patos e todos eles forem brancos, concluiríamos que todos os indivíduos desta espécie são desta cor, assim, estaríamos utilizando a intuição. Ou seja, o método indutivo é baseado na contagem.

 

Já no método dedutivo, se caracterizam por apresentar conclusões que devem, necessariamente, ser verdadeiras caso todas as premissas sejam verdadeiras. Possui base racionalista e pressupõe que apenas a razão pode conduzir ao conhecimento verdadeiro.

more...
Carla Wanessa's comment, May 16, 2013 7:58 PM
O método indutivo não é baseado na contagem, mas na generalização por meio de observação de fatos. Veja ops ppts sobre esta aula ou o vídeo que você sugere no seu primeiro post.
Scooped by Julio Kira
Scoop.it!

Conect Ciência - Primeira Aula

Primeira Aula do ano.

Julio Kira's insight:

Na nossa primeira aula jogamos com um jogo chamado Conect Ciência. O é jogo composto por uma série de imagens relacionadas a ciência. Sue objetivo é com que os jogadores conectem imagens ligadas a diferentes áreas da ciência. Há quatro diferentes temas. Sociedade, História, Pesquisa e Controvérsia. É necessário ligar imagens que se relaciona à algum desses temas. No final, juntamos todas as peças em uma grande "escultura".

O jogo é capaz de esclarecer o mundo científico em geral. Através dele percebemos os diversos fatores que ciência é composta.

more...
No comment yet.
Scooped by Julio Kira
Scoop.it!

Os 6 biomas brasileiros

O Brasil tem 6 principais biomas: A Amazônia, o Cerrado, a Caatinga, a Mata Atlântica, o Pampa e o Pantanal, cada uma com suas devidas características e pelculiaridades.

-  Pantanal: este bioma está presente nos estados de Mato-Grosso e Mato-Grosso do Sul. Algumas regiões do pantanal sofrem alagamentos durante os períodos de chuvas. Presença de gramíneas, arbustos e palmeiras. Nas regiões que sofrem inundação, há presença de árvores de floresta tropical.

-  Caatinga: presente na região do sertão nordestino (clima semi-árido), caracteriza-se por uma vegetação de arbustos de porte médio, secos e com galhos retorcidos. Há também a presença de ervas e cactos.

-  Cerrado: este bioma é encontrado nos estados do Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Goiás e Tocantins. Com uma rica biodiversidade, caracteriza-se pela presença de gramíneas, arbustos e árvores retorcidas. As plantas possuem longas raízes para retirar água e nutrientes em profundidades maiores.

-  Mata Atlântica: neste bioma há a presença de diversos ecossistemas. No passado, ocupou quase toda região litorânea brasileira. Com o desmatamento, foi perdendo terreno e hoje ocupa somente 7% da área original. Rica biodiversidade, com presença de diversas espécies animais e vegetais. A floresta é fechada com presença de árvores de porte médio e alto.

-  Floresta Amazônica: é considerada a maior floresta toprical do mundo com uma rica biodiversidade. Está presente na região norte (Amazonas, Roraima, Acre, Rondônia, Amapá, Maranhão e Tocantins). É o habitat de milhares de espécies vegetais e animais. Caracteriza-se pela presença de árvores de grande porte, situadas bem próximas umas das outras (floresta fechada). Como o clima na região é quente e úmido, as árvores possuem folhas grandes e largas.

- Pampa:  É caracterizado por clima chuvoso, sem período seco sistemático, mas marcado pela freqüência de frentes polares e temperaturas negativas no período de inverno, que produzem uma estacionalidade fisiológica vegetal típica de clima frio seco.

O Brasil possui grande diversidade e quantidade de biomas por suas diversas características climáticas em todo o país. Fazendo com que aparecam dversos tipos de biomas diferentes com características muito úmidas, como a floresta amazônica que se situa na faixa equatorial, até a Caatinga e ocupa a regiãoo do sertão nordestino.

 

Julio Kira's insight:

http://www.youtube.com/watch?v=ekT6J4zoeEo

Vídeo muito interessante que ilustra o post acima

more...
No comment yet.
Scooped by Julio Kira
Scoop.it!

''Ecologia de Populações e Comunidades"

 Em uma sociedade controlada por fundação, todas as espécies são boas colonizadoras e possuem a mesma capacidade competitiva, ou seja, é um sistema que funciona na base da "sorte", as espécies que não são colonizadoras e que chegam depois somente vão se adaptando, não tendo um grande poder de competitividade.

Já em uma sociedade controlada por dominância, existem espécies que possuem um maior poder de competitividade, ou seja, estas espécies são competitivamente superiores ,e assim, o sistema funciona a partir de estratégias de exploração de recursos de cada individuo presente.

Sucessão Ecológica: é um padrão de colonização e extinção de populações de espécies não sazonal, direcionado e contínuo em um dado local.

Sucessão Ecológica neste caso seria os estágios do espaço e como as espécies se encontram dentro dele, onde o valor de importância de cada espécie vai se alterando ao longo do tempo. 

more...
No comment yet.
Scooped by Julio Kira
Scoop.it!

Sucessão ecológica e climax

A sucessão primária é definida por uma área onde não há nenhum fator biótico. Para que esta área se desenvolva é preciso a implementação de sementes de plantas rasteiras (não é necessário plantas altas), para a obtenção de nutrientes, como plantas intermediárias e climácicas.

A sucessão secundária é definida por áreas que possuiam plantas ou possui uma pouca vegetação, com um solo rico e desenvolvidos, com sementes e esporos. Essa fase se desenvolve a partir da dispersão das espécies colonizadoras que desenvolvem sementes dormentes, ovos ou estágios larvares resistentes.

Climax é definido no momento em que o ambiente chega em um equilíbrio estável, mas, esse é um conceito que é questionável, pois não existe um climax único e nem final, além disso, climax são diferentes em diferentes ambientes.

Dinâmica de Manchas é um mosaico de sucessões em miniatura que ocorre quando se atinge o clímax. É um ambiente que se recompõe em estágios diferentes em lugares diferentes (dentro do mesmo ambiente).

Este vídeo relata cada passo de uma sucessão ecológica. Além disso, é apresentado uma tabela comparativa entre espécies, períodos e demais características. 

Julio Kira's insight:

http://www.youtube.com/watch?v=LJMSqg-kF3Y

more...
No comment yet.
Scooped by Julio Kira
Scoop.it!

Terra primitiva

20/05

Julio Kira's insight:

Assistimos um video sobre o surgimento de vida na terra onde o narrador do vídeo nos conta sobre uma teoria aceita no meio científico que é a Abiogenese Química, onde elementos esses químicos; gás carbônico (CO2), metano (CH4), monóxido de carbono (CO) e gás nitrogênio (N2), estavam presentes no planeta onde este era constantemente bombardeado por meteoros e chuva de descargas elétricas, e após bilhões de anos sujeitos a essas condições, esses elementos se uniram e se formaram aminoácidos que são a subdivisão da proteína.

Um experimento de Miller comprovou essa tranformação utilizando amonia, metano, hidrogenio e vapor de água, que sujeitos ao calor e descárgas elétricas se tranformaram em aminoácidos.
http://pt.wikipedia.org/wiki/Experi%C3%AAncia_de_Miller_e_Urey ;

more...
No comment yet.
Scooped by Julio Kira
Scoop.it!

Influencia e características dos mitos.

Mitos são muito mais complexos que achamos.

Julio Kira's insight:

Na ultima aula, discutimos a importancia, influencia e caracteristicas que os mitos tem sobre nossa sociedade. 

O mito tem uma enorme infulencia na indentidade de um indivíduo. Algo em que acreditamos é praticamente nossa personalidade e algo que nos diferenciam de outros.

O mito ''sobrevive'' com rituais. Um exemplo é a ida a igreja de católicos e rezar. Isso faz com que o que nós acreditamos se mantenha conosco e com que elas consigam se espalhar pelos indivíduos. Mas, os mitos sempre são adaptados de acordo com a época. Apesar de não desaparecer, o mito é modificado para se adaptar as ideologias que surgem.

Um exemplo disso é o capitalismo. Já que esse sistema é movido por lucro, é preciso o consumo. Para ter o consumo é preciso a exploração. O cristianismo é muito influente na nossa sociedade, e este diz que nós somos superiores sob outros animais, assim, tendo que usar nossa superioridade para explora-los.

 

 

more...
No comment yet.
Scooped by Julio Kira
Scoop.it!

Darwin

Aqui ficam frases de Charles Darwin onde ele relata a evolução e a relação do homem e do animal.

Julio Kira's insight:

http://pensador.uol.com.br/autor/charles_darwin/

more...
Carla Wanessa's comment, May 16, 2013 8:01 PM
Evite o uso deste site.
Scooped by Julio Kira
Scoop.it!

Naturalismo.

Aula sobre descobertas de viajantes antes das grandes navegações.

Julio Kira's insight:

Um homem com um certo conhecimento de animais e plantas resolve viajar para ilhas ou outros países para ver o que ele encontra. Em sua aventura, ele encontra insetos, ossos e pelos de animais até antes desconhecidos. Voltanto para sua casa, ele pensa no respeito que irá ganhar quando exibir seus tesouros no ''Gabinete da Curiosidade'', onde exibe os achados de sua viagem para amigos íntimos. Além de voltar pensando como irá ganhar prestígio de seus amigos, ele também cria histórias exageradamente aumentadas e dramatizadas sobre cada um dos objetos. Em relação ao chifre encontrado - ''foi um unicórnio que eu encontrei e removi seu chifre''. Em relação a pele - ''lutei bravamente com um urso de 5 metros e consegui derrubalo com minha força. Só não mostro seus órgãos pois jantei eles como um digno caçador!''.

Foram dessas histórias surgiram os naturalistas. Estes faziam viajens pesquisas mais voltadas a um objetos que encontravam. Além disso, eles escolhiam uma área mais especifica para pesquisar, como estudo de aves. Foi disso que começou a surgir várias teorias e uma muito famosa foi a de Charles Darwin, que propos sua teoria da evolução das espécies e dos naturalistas surgiram diferentes ciencias hoje em dia, como a biologia.

 

more...
Carla Wanessa's comment, May 16, 2013 7:59 PM
"Foram dessas histórias de pescador que seugiram os naturalistas"...esta frase está bastante equivocada, Cuidado!
Scooped by Julio Kira
Scoop.it!

Criação do universo.

''Mito'' mais aceito na sociedade.

Julio Kira's insight:

http://www.youtube.com/watch?v=GBzUalF1Ir0

 

O Big Bang é o mito de criação mais aceito entre a sociedade. Pelo menos é o mais aceito por mim...

more...
Carla Wanessa's comment, May 16, 2013 7:58 PM
Elabore comentários mais claros e completos sobre os materiais que postar.
Scooped by Julio Kira
Scoop.it!

A relação entre ecologia e mitos.

Aula - 15 de março

Julio Kira's insight:

A maioria das pessoas acham que mitos são apenas teorias que não são verdadeiras e que algumas religiões ou tribos acreditam. Mas estes releitura, renovação e recontextualização, que podem criar ou mudar a identidade de uma pessoa e sua relação com o mundo.

Nenhum mito que é ou foi feito por uma tribo ou uma religião de importância no mundo é um mito sem sentido, deprezível.

Um mito é criado a partir da relação entre o indivíduo com o espaço em que vive. Um exemplo é um mito sulamericano que tem a presença de animais e plantas que precisam ser necessáriamente com animais e plantas da América do Sul, pois se tivesse um leão ou um urso polar nesse mito este não faria sentido.

Ou seja, o mito não é algo que podemos dizer que foi inventado do nada e não tem sentido, o mito é e sempre será uma parte fundamental na natureza e na ciência pois tem muita imprtância.

 

more...
No comment yet.
Scooped by Julio Kira
Scoop.it!

Conhecimento Popular x Científico

Aula 2

Julio Kira's insight:

O conhecimento científico de acordo com muitos, algo correto, comprovado, que não tem como ser questionado. Mas isso não ocorre, pois na ciência, tudo pode ser negado através de experimentos que possam derrubar a teoria ou comprovação de outro cientista.

Já o conhecimento popular, é tratado como algo que você apenas acredita, que não é provado pela ciência, ou seja, contestável. Mas ocorre o contrário. As crenças são irrefutáveis.

 

Um exemplo de conhecimento cientifico é a teoria dos gregos que o planeta Terra é o centro do universo e o resto gira em torno desta. O geocentrismo já foi contestado e derrubado por outros observadores que encontram fatos que mudaram essa teoria.

Um exemplo de uma crença popular é a criação do mundo. Deus criou o mundo em 7 dias e descansou no útimo. Isso é inegável no ponto de vista de quem acredita.

 

Essa grande divergência tem algo em comum: os dois nascem de  uma pergunta. Esse vídeo nos faz refletir sobre essa semelhança.

 

http://www.youtube.com/watch?v=xg8UG9I8hmw

more...
Carla Wanessa's comment, May 16, 2013 7:56 PM
Muito legal o link com este vídeo! Mas deixe claro em seu post a relação que você observou!
Scooped by Julio Kira
Scoop.it!

Aula sobre método dedutivo x método indutivo

.

Julio Kira's insight:

Na aula passada houve uma discussão sobre métodos científicos. A dedução e a intuição. O vídeo se relaciona com o ''confronto''.

 

http://www.youtube.com/watch?v=JAnZMzmCe9Q

 

Nessa cena do filme "Galileo" podemos ver a diferença entre método indutivo de raciocínio e método dedutivo. Os amigos de Galileo estão pensando através do método dedutivo, pois eles estão usando as leis gerais de aristóteles e tentando aplicar a um elemento específico, nesse caso a flutuação do gelo e da agulha na água. Já Galileo está utilizando o método indutivo, pois, a partir de algumas experiências, está elaborando uma nova lei geral e quebrando as teses de Aristóteles.

Galileo é considerado o pai do conhecimento científico, pois ele foi o primeiro a estabelecer método e critérios para a realização de uma experiência que tenha o intuito de comprovar uma hipótese.

 

 

 

more...
Carla Wanessa's comment, May 16, 2013 7:53 PM
Muito legal!!!!!