Jornalismo na Internet
2 views | +0 today
Follow
Jornalismo na Internet
Tópico sobre Jornalismo Online
Your new post is loading...
Your new post is loading...
Scooped by Inês Rodrigues dos Santos
Scoop.it!

Jornalismo no Twitter: como investigar e descobrir tweets falsos

Jornalismo no Twitter: como investigar e descobrir tweets falsos | Jornalismo na Internet | Scoop.it
Dicas para jornalistas investigarem se um tweet é verdadeiro, evitando erros em pautas que envolvam oTwitter.
more...
No comment yet.
Scooped by Inês Rodrigues dos Santos
Scoop.it!

Twitter Isn't Journalism

Twitter Isn't Journalism | Jornalismo na Internet | Scoop.it
Read professors, politicians, and industry experts' debates about outsourcing, immigration, MBAs, public schools, health care, taxes, and the Internet.
more...
No comment yet.
Scooped by Inês Rodrigues dos Santos
Scoop.it!

"Jornalismo é o grande perdedor do ciberespaço" - JN

"Jornalismo é o grande perdedor do ciberespaço" - JN | Jornalismo na Internet | Scoop.it
O ciberjornalismo era o futuro há 15 anos; continua a sê-lo hoje. Mas ninguém parece saber qual o caminho para o rentabilizar. Em Portugal, as empresas têm apostado tudo no desenho e na velocidade noticiosa, mas subestimado a qualidade dos conteúdos.
more...
No comment yet.
Scooped by Inês Rodrigues dos Santos
Scoop.it!

Information in a New Social Era: Do profissional ao amadorismo - As fronteiras dos Ciberjornalismos

Information in a New Social Era: Do profissional ao amadorismo - As fronteiras dos Ciberjornalismos | Jornalismo na Internet | Scoop.it
more...
No comment yet.
Scooped by Inês Rodrigues dos Santos
Scoop.it!

Perceber o jornalismo online

Quase uma década depois de aparecimento das primeiras redes sociais (facebook tem 9 anos, twitter 7) e após alguns anos de uso intensivo destas pelos principais órgãos de comunicação social, era de...
more...
No comment yet.
Scooped by Inês Rodrigues dos Santos
Scoop.it!

Qual o futuro do jornalismo nas redes sociais?

Qual o futuro do jornalismo nas redes sociais? | Jornalismo na Internet | Scoop.it
Algumas tendências na relação entre redes sociais e jornalismo, baseado no que estamos vivenciando hoje.
more...
No comment yet.
Scooped by Inês Rodrigues dos Santos
Scoop.it!

Visual Journalism - Data For The Masses

Visual Journalism - Data For The Masses | Jornalismo na Internet | Scoop.it
Innovative design crosses over all aspects of education. The American Society for Innovation Design in Education, or ASIDE, seeks to infuse curriculum with new approaches to teaching and thinking.
more...
No comment yet.
Scooped by Inês Rodrigues dos Santos
Scoop.it!

Visible not critical: What next journalism?

I read a few interesting posts over the last few days. The first was I'm Glad We Didn't Have Facebook or Twitter on 9/11.
more...
No comment yet.
Scooped by Inês Rodrigues dos Santos
Scoop.it!

Sindicato dos Jornalistas desafia jovens a apostarem em projectos online

Sindicato dos Jornalistas desafia jovens a apostarem em projectos online | Jornalismo na Internet | Scoop.it
Alfredo Maia falou na hipótese de um órgão com uma redacção descentralizada, constituída por recém-licenciados, desempregados e "desencantados".
more...
No comment yet.
Scooped by Inês Rodrigues dos Santos
Scoop.it!

What's the Future for Printed Press?

What's the Future for Printed Press? | Jornalismo na Internet | Scoop.it
Right from its beginnings in the rudimentary versions of the manual press to the latest inkjet, laser and digital printers, printed content has served to present daily happenings and events to the public.
more...
No comment yet.
Scooped by Inês Rodrigues dos Santos
Scoop.it!

JPN: Media: Os computadores já escrevem notícias sozinhos?

JPN: Media: Os computadores já escrevem notícias sozinhos? | Jornalismo na Internet | Scoop.it
Media: Os computadores já escrevem notícias sozinhos?
- Jornal Digital da Licenciatura em Ciências da Comunicação: Jornalismo, Assessoria,
Multimédia da Universidade do Porto.
more...
No comment yet.
Scooped by Inês Rodrigues dos Santos
Scoop.it!

O jornalismo grátis na Internet foi um erro fatal

O jornalismo grátis na Internet foi um erro fatal | Jornalismo na Internet | Scoop.it
Trabalhou em televisão durante 35 anos boa parte dos quais na CBS. Walter Dean faz parte do Comittee of Concerned Journalists grupo de jornalistas preocupado com o rumo dos media.
more...
No comment yet.
Scooped by Inês Rodrigues dos Santos
Scoop.it!

Create infographics & online charts | infogr.am

Create infographics & online charts | infogr.am | Jornalismo na Internet | Scoop.it
Create infographics and interactive online charts. It's free and super-easy! Follow other users and discover amazing data stories!
more...
No comment yet.
Rescooped by Inês Rodrigues dos Santos from Futuro do Jornalismo
Scoop.it!

Atas

Atas | Jornalismo na Internet | Scoop.it

Atas - III COBCIBER.

Textos integrais de 18 comunicações apresentadas no Congresso Internacional de Ciberjornalismo.


Via Fernando Zamith
more...
No comment yet.
Scooped by Inês Rodrigues dos Santos
Scoop.it!

Jornalismo USCS: Jornalismo online ainda corre atrás do melhor formato

Jornalismo USCS: Jornalismo online ainda corre atrás do melhor formato | Jornalismo na Internet | Scoop.it
more...
No comment yet.
Rescooped by Inês Rodrigues dos Santos from Journalism: the citizen side
Scoop.it!

Sites noticiosos portugueses em queda : Ponto Media

Sites noticiosos portugueses em queda : Ponto Media | Jornalismo na Internet | Scoop.it

"OS SITES noticiosos portugueses sentiram uma acentuada queda de visitantes no último trimestre do ano, depois de terem batido recordes no mês de Outubro. Segundo os dados do Netscope, entre Setembro e Dezembro de 2012 os sites dos diários portugueses terão perdido mais de quatro milhões de visitas, com o Público a liderar as quedas (-17,83 por cento de visitantes em Dezembro quando comparado com o mês de Setembro), apesar da mudança operada no seu site em Novembro. 

Read more: http://ciberjornalismo.com/pontomedia/?p=8576#ixzz2HiHV4WN9"


Via Manuel Pinto
more...
No comment yet.
Rescooped by Inês Rodrigues dos Santos from Inovação Educacional
Scoop.it!

Conteúdo diversificado atrai mais leitores digitais

Em meio à transição do consumo das informações para os meios digitais,  encontrar um novo modelo de negócios adequado é um tema que concentra a atenção  de empresas de mídia em todo o mundo. Um dos principais desafios nessa nova  realidade é definir uma estratégia que consiga equilibrar retorno financeiro com  a preservação da qualidade na produção do conteúdo jornalístico.

Nesse cenário, a cobrança pelo acesso ao conteúdo digital ganhou força nos  últimos dois anos, na esteira de iniciativas de veículos como "  The New York  Times " e o pioneiro " Financial Times ".

Diante das barreiras em convencer os leitores a incorporar esse novo modelo - especialmente com a profusão de oferta de conteúdo gratuito na internet -, grande parte dos veículos concorda que a saída é produzir um conteúdo  diferenciado, calcado em recursos como análises e o olhar de jornalistas  experientes e especializados. "Por outro lado, manter uma equipe capaz de  produzir esse tipo de conteúdo é caro e exige investimentos pesados em  tecnologia", afirmou Vera Brandimarte, diretora de redação do Valor, durante evento realizado ontem, na BM&F Bovespa, em  São Paulo.

"Existe um interesse crescente do leitor pelo conteúdo digital, mas as  receitas de publicidade nesse segmento ainda não acompanham essa procura na  mesma proporção", afirmou.

Na mesma direção, Pedro Doria, editor-executivo de plataformas digitais do  jornal " O Globo ", disse que a grande questão é descobrir alternativas para que  os veículos consigam sustentar redações de grande porte, com uma necessária  mescla entre novos profissionais e jornalistas mais experientes.

Para o editor, um caminho para que o conteúdo diferenciado se destaque nesse  ambiente fragmentado de informações é a oferta de conteúdos multimídia que  enriqueçam a experiência do usuário no consumo das informações. "O caminho para  convencer o leitor não se resume à informação, mas também a essa experiência. Já  temos indícios de que o bom jornalismo vai sobreviver. Tem gente disposta a  pagar por esse tipo de conteúdo", disse o executivo, ao citar exemplos  bem-sucedidos como a revista britânica " The Economist " e o jornal "The New  York Times", que encerrou 2012 com 640 mil assinantes digitais.

Reforçando essa visão, Doria citou o aplicativo "Globo a Mais", revista  verspertina criada pelo "O Globo" e que circula de segunda a sexta-feira, a  partir das 18h, com conteúdos multimídia, além de colunas e matérias exclusivas.  Segundo o executivo, a navegação diária dos leitores no aplicativo dura, em  média, hora e meia, índice bem superior ao verificado no conteúdo impresso e no  site do jornal. A base atual de assinantes digitais do jornal "O Globo" é de 30  mil usuários.

Mais do que oferecer conteúdos multimídia e análises que contextualizem os  acontecimentos, os participantes do evento ressaltaram outro fator que pode  diferenciar os jornais entre as diversas fontes de informação digital: "A função  do jornal é tirar o leitor da zona de conforto que a internet propicia, na qual  o leitor apenas reforça suas crenças e consome somente um tipo de informação.  Com a nossa curadoria, temos que produzir e oferecer conteúdos de uma forma que  esse leitor amplie seus interesses", afirmou Sérgio Dávila, editor-executivo da  "Folha de S. Paulo".

Com uma visão otimista sobre o futuro do jornalismo digital, Dávila ressaltou  alguns resultados obtidos pela "Folha" desde que implantou seu modelo de  cobrança pelo conteúdo digital, em junho de 2012. "Na época, tínhamos receio de  que a audiência do site cairia, assim como a receita de publicidade on-line, e  de que as pessoas não pagariam pelo conteúdo. Fomos surpreendidos", disse.  Segundo Dávila, desde o início da cobrança, o jornal triplicou sua base de  assinantes digitais, para 45 mil assinantes.


Via Luciano Sathler
more...
No comment yet.