Jornal da Arca
2.2K views | +0 today
Follow
Jornal da Arca
Educação Ambiental ~ www.arcadoplaneta.com.br Fonte: Folha On Line Alunos de ensino médio vão ter livro digital a partir de 2015 FLÁVIA FOREQUE partir de 2015, o aluno do ensino médio da rede pública poderá acessar seu livro didático em um tablet ou computador e, ao clicar em uma gravura ou trecho da obra, será direcionado para um gráfico interativo ou um vídeo sobre o tema em estudo. Essa possibilidade está prevista em edital lançado pelo MEC para compra de 80 milhões de livros para alunos do ensino médio. É a primeira vez que o livro digital está previsto na compra de obras didáticas feita pela pasta. Isso não substituirá o livro impresso. "Estamos comprando a obra multimídia. Ela é formada por um livro impresso e um livro digital, que reúne o mesmo conteúdo do impresso mais os objetos digitais integrados na mesma tela", disse Rafael Torino, diretor de ações educacionais do FNDE (Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação). A editora que não tiver em seu catálogo a obra digital poderá inscrever apenas a versão impressa, além do PDF da obra didática. A versão digital deve aumentar o valor da compra Ðem média, um livro do ensino médio tem um custo de R$ 8 para o governo federal. Nesse edital também foi incluída pela primeira vez a previsão de compra de livros de arte. Outra novidade é a maior interação entre as diferentes disciplinas. "O que está sendo pedido é que cada livro de uma determinada disciplina faça referências a outras disciplinas da mesma área de conhecimento e a outras áreas do conhecimento", disse Torino. O ministro Aloizio Mercadante (Educação) defendeu o novo perfil do edital. "É uma linguagem que vai, do nosso ponto de vista, estimular cada vez mais essa nova geração que está buscando os caminhos digitais para se comunicar", afirmou durante seminário com o norte-americano Salman Khan. O educador ganhou destaque internacional com os milhões de acessos ao seu site de videoaulas gratuitas. Mercadante disse que a pasta estuda reproduzir a experiência no ensino superior, gravando aulas e seminários nas universidades federais e disponibilizando na internet gratuitamente.
Your new post is loading...
Your new post is loading...
Scooped by Arca do Planeta
Scoop.it!

Arca do Planeta

Arca do Planeta | Jornal da Arca | Scoop.it

Projeto de Apoio à Educação Ambiental# Faz Diferença"

Arca do Planeta's insight:

Sempre é possível  ter uma atitude sustentável e ecologicamente correta. O meio ambiente agradece (...)

more...
No comment yet.
Scooped by Arca do Planeta
Scoop.it!

Solidariedade é a palavra chave para as vítimas de Santa Maria-RS

Solidariedade é a palavra chave para as vítimas de Santa Maria-RS | Jornal da Arca | Scoop.it
Arca do Planeta's insight:

Para doações dirija-se à Av. Pres. Vargas, 2291-Sta Maria. Toda ajuda é necessária, compartilhe, ajude, divulgue. Ser sustentável, é ser solidário.

more...
No comment yet.
Scooped by Arca do Planeta
Scoop.it!

Arca do Planeta

Arca do Planeta | Jornal da Arca | Scoop.it
Projeto de Apoio à Educação Ambiental
Arca do Planeta's insight:

Este o momento de repor as energias positivas para o novo ano, respeitando a si próprio, o nosso semelhante e o planeta (...)

more...
No comment yet.
Scooped by Arca do Planeta
Scoop.it!

Até quando o mundo será complacente com a violência ?

Até quando o mundo será complacente com a violência ? | Jornal da Arca | Scoop.it
Arca do Planeta's insight:

Que as nossas armas sejam apenas as atitudes contra a violência para com as pessoas, para com o planeta, para com a vida (...)

 

Queremos que a paz invada o coração das pessoas e que as nossas crianças se sintam seguras no Planeta, em casa, na escola.

 

Homenagem `as vítimas do colégio nos EUA.

 

more...
No comment yet.
Rescooped by Arca do Planeta from Jornal da Arca
Scoop.it!

Timeline Photos | Facebook

Timeline Photos | Facebook | Jornal da Arca | Scoop.it
Facebook is a social utility that connects people with friends and others who work, study and live around them.
Arca do Planeta's insight:

Quando as vitórias são celebradas sem violência todos ganham. O Bairro, a Cidade, O Brasil, O Planeta.

 

www.arcadoplaneta.com.br - Educacação Ambiental # Faz a Diferença !

more...
Arca do Planeta's curator insight, December 16, 2012 8:46 AM

Vamos celebrar as vitórias sem violência. Arca do Planeta - Educação Ambiental # Faz a Diferença !

 

Scooped by Arca do Planeta
Scoop.it!

Arca do Planeta

Arca do Planeta | Jornal da Arca | Scoop.it
Projeto de Apoio à Educação Ambiental...
Inpe estima menor desmatamento anual na Amazônia desde 1988

A taxa de desmatamento ilegal na Amazônia manteve a tendência de queda e registrou mais um recorde negativo, chegando ao menor índice desde que a série histórica foi iniciada pelo Inpe (Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais) em 1988.

Entre agosto de 2011 e julho de 2012, foram derrubados 4.656 km⊃2; de floresta. Uma redução de 27% em relação ao período anterior, que teve 6.418 km⊃2; degradados.

Protocolo de Kyoto gera impasse na Conferência do clima de número 18
"NYT" destaca crescimento populacional na Amazônia e preocupação ambientalista

Esses dados são estimativas do Prodes (Projeto de Monitoramento do Desflorestamento na Amazônia Legal), que computam o chamado corte raso, quando toda a cobertura florestal é removida. Os números consolidados saem em meados do ano que vem, mas a diferença não deve ser grande.

Ao anunciar os dados, a ministra do Meio Ambiente, Izabella Teixeira, comemorou os bons resultados.

"Ouso dizer que esta é a única boa notícia ambiental que o planeta teve neste ano do ponto de vista de mudanças do clima", afirmou ela.

Em números absolutos, o Pará mais uma vez foi o Estado que mais desmatou, com 1.699 km⊃2; de floresta destruída. Isso é mais do que o dobro do desmatamento no segundo colocado, o Mato Grosso, com 777 km⊃2;.

Ambos os Estados, contudo, reduziram a quantidade de mata perdida em relação ao período anterior, em 44% e 31%, respectivamente.

Desta vez, apenas Acre, Amazonas e Tocantins não mostraram redução na perda de cobertura florestal.

De acordo com a ministra, ainda não foram identificadas todas as razões para o desmatamento nesses Estados, mas já há algumas questões definidas.

No Amazonas, o incremento na degradação estaria ligado à BR-317, perto do município de Apuí.

REPERCCUSSÃO
De acordo com Heron Martins, pesquisador do Imazon (Instituto do Homem e Meio Ambiente da Amazônia), ONG que realiza medições independentes do desmatamento na Amazônia Legal, a queda já era esperada.

Ele diz que a queda recorde não pode ser atribuída a apenas um fator, e que houve iniciativas tanto estaduais quanto federais que deram bons resultados.

"A criação da lista do Ministério do Meio Ambiente com os municípios que mais desmatam teve um impacto muito positivo, porque gerou uma série de restrições para os municípios desmatadores", afirma.

Outras entidades ambientais, como o Greenpeace, também comemoraram a queda, mas pediram cautela.

REAQUECIMENTO
Números de um outro sistema de monitoramento, o Sad (Sistema de Alerta do Desmatamento), do Imazon, indicam uma tendência de reaquecimento do desmate na região amazônica.
Os dados são de agosto a outubro de 2012 --mais recentes do que os anunciados agora pelo governo-- e mostram alta de 125% nas derrubadas em comparação ao mesmo período de 2011.

O Deter, outro sistema do Inpe, também indica uma tendência de alta.

"Mas ainda estamos no início do calendário de monitoramento, e existe a possibilidade de segurar isso", afirma Heron Martins.

A ministra Izabella Teixeira anunciou, junto com os dados do desmatamento, um incremento na fiscalização. Com o uso de uma nova aparelhagem eletrônica, os fiscais poderão demarcar as áreas em que houve derrubadas ilegais e, imediatamente, emitir o auto de infração.

O investimento total no projeto, que já está em fase de testes, foi de R$ 15 milhões.

Fonte: Folha On Line (GIULIANA MIRANDA)

 

 

 

 

 

more...
No comment yet.
Rescooped by Arca do Planeta from Jornal da Arca
Scoop.it!

Arca do Planeta

Arca do Planeta | Jornal da Arca | Scoop.it
Projeto de Apoio à Educação Ambiental...

 

Arca do Planeta tem canção que traz em sua letra o nome de árvores em extinção.

 

Confira a letra da canção da autora Jolie Kempers.

 

Natureza

Natureza , Encantada, De Jasmim, Saíram de lá, as coisas todas  e  elas foram criadas bem assim: A terra, a água, o mar, o ar, o solo, as nuvens, o solo, a chuva, as matas,  as flores e os animais. Que coisas tão belas você nos revela !

 

A natureza eu vou  preservar, quero muito dela cuidar

 

Eucalipto, pau-brasil, jequitibá, sapucaia, mogno, jatobá, jacarandá, imbuia, araucária, madeira de lei;

As árvores do planeta eu vou preservar, são elas que o ar e o oxigênio nos dá.  

Vida você  mora aqui, quero que a sua casa no planeta  seja boa e saudável  e feliz.

Lipe:- Poxa  pessoal, a Natureza é mesmo linda! E nela tem coisas incríveis...  Essas árvores todas que dão vida às nossas matas ! 

 

Os arranjos da composição é assinado pelo recifense Rafael Isah.

 

 

Reportagem: CK - Arca do Planeta

more...
No comment yet.
Rescooped by Arca do Planeta from Jornal da Arca
Scoop.it!

Programa oferece cursos de extensão gratuitos para educadores - Educador Brasil Escola

Programa oferece cursos de extensão gratuitos para educadores - Educador Brasil Escola | Jornal da Arca | Scoop.it
Professores podem se inscrever gratuitamente no curso de Novas Tecnologias para a Aprendizagem no Ensino Médio e Fundamental.

 

O Programa Apoio ao Professor, que conta com o incentivo da Organização das Nações Unidas para a Educação, Ciência e Cultura (Unesco), informa que estão abertas as matrículas para o curso “Novas Tecnologias para a Aprendizagem no Ensino Médio e Fundamental”. Docentes de todo o Brasil podem se inscrever gratuitamente no curso, que é ministrado pela internet.

 

Faça sua matrícula no site: http://www.apoioaoprofessor.com.br/matricula/

 

O curso está dividido em unidades de 12h, cada uma com um diploma de extensão específico emitido pela Universidade Gama Filho, que supervisiona e apoia o programa. Os diplomas podem ser aceitos nas secretarias de educação para a pontuação na carreira dos educadores.

O objetivo do curso é proporcionar aos educadores uma abordagem pedagógica e prática sobre o uso de inúmeras ferramentas digitais, como simuladores, livros didáticos digitais, tablets e dispositivos móveis, blogs, wikis, podcasts, rádio-web, vídeo-aulas, repositórios de objetos educacionais, portfólios digitais, tabelas e formulários de avaliação e visitas de campo virtuais.

Em breve o curso será oferecido também me outros países da América Latina, em espanhol. Mais informações no site www.apoioaoprofessor.com.br.

 

Por Adriano Lesme
Equipe de Conteúdo do Brasil Escola

 

more...
No comment yet.
Scooped by Arca do Planeta
Scoop.it!

Proposta destina recursos de multas para educação ambiental

Tramita na Câmara o Projeto de Lei 4361/12, dos deputados Sarney Filho (PV-MA) e Izalci (PR-DF) e da suplente Telma Pinheiro (PSDB-MA), que destina 20% dos recursos arrecadados com multas aplicadas por órgãos integrantes do Sistema Nacional do Meio Ambiente (Sisnama) para políticas públicas e ações de educação ambiental. A proposta altera a Lei 9.795/99, que instituiu a Política Nacional de Educação Ambiental.

 

O texto quer retomar a destinação de recursos de multas para educação ambiental, vetada quando a lei foi promulgada. De acordo com os deputados, a justificativa da Presidência da República para não vincular as receitas é inconsistente e desconsidera a importância da educação sobre o meio ambiente.

 

Os parlamentares argumentam que a educação ambiental é uma das formas mais objetivas de conscientizar cada geração da importância de preservar a Terra. O ensino foi defendido, lembram os deputados, durante a Conferência Rio+20, como ferramenta indispensável para o alcance de padrões ambientalmente sustentáveis de desenvolvimento.

more...
No comment yet.
Scooped by Arca do Planeta
Scoop.it!

Educador nota 10: uma aula que leva à lua

Educador nota 10: uma aula que leva à lua | Jornal da Arca | Scoop.it
“O biólogo Felipe Bandoni de Oliveira, 33 anos, integra um grupo raríssimo.

 

Ele está entre o 0,08% dos professores do ensino fundamental brasileiro que enverniza o currículo com um título de doutor. Nascido no interior de São Paulo, Felipe especializou-se em genética, dedicando-se à investigação sobre a evolução do crânio dos macacos – pesquisa que o fez ficar imerso nos museus de história natural da Europa durante um ano. Voltou ao Brasil sabendo exatamente o que queria: retornar à sala de aula como professor de ciências, carreira que iniciou aos 23 anos inspirado na trajetória dos pais, um físico e uma psicóloga também docentes. Hoje à frente de classes noturnas no Colégio Santa Cruz, em São Paulo, ele lida com a complexidade de apresentar conceitos científicos a jovens e adultos de baixa renda nos anos finais do ensino fundamental. Não nivela a turma por baixo. Ao contrário: Felipe decidiu ensinar ali astronomia. Falou de Galileu, quebrou crenças levando à escola artigos de publicações respeitadas, projetou no teto da sala um céu estrelado em que se vê o movimento dos astros e proporcionou aos alunos uma experiência única: observar a Lua com um telescópio. “Atingi o meu objetivo de despertar o gosto pela ciência”, festeja.

 

Por esse trabalho, na semana passada ele recebeu o prêmio Educador Nota 10, concedido pela Fundação Victor Civita a dez professores do ensino básico e a um diretor de escola. Felipe foi o destaque do grupo. Suas lições reforçam a ideia de que não é preciso nada de muito mirabolante para dar uma boa aula, só o básico: que o professor domine o assunto e consiga traduzi-lo com o mesmo entusiasmo que espera ver em seus alunos. Fazer isso numa turma que volta a estudar na idade adulta, com tantas lacunas acumuladas, reforça seu mérito. No Brasil, há 5 milhões de jovens e adultos matriculados na escola. Seu retorno à sala de aula é bem-vindo num país onde quase um terço da população acima de 15 anos não consegue depreender o significado de um texto simples. Entre os jovens, metade não conclui o ensino médio. “Com mais estudo e treinamento profissionalizante, eles podem ajudar a resolver o apagão de mão de obra brasileiro”, diz o especialista Bruno Novelli, da ONG AlfaSol. O exemplo do biólogo Felipe Bandoni aponta o caminho.”

more...
No comment yet.
Scooped by Arca do Planeta
Scoop.it!

Jogar todo dia na pré-escola

Jogar todo dia na pré-escola | Jornal da Arca | Scoop.it

Prazer na repetição


O jogo de exercício é um dos preferidos das crianças de 4 e 5 anos. O barato é a repetição: chacoalhar o dado na palma da mão e soltá-lo sobre a mesa, esperando por um número, é um exemplo. Outro é avançar o peão no tabuleiro a cada rodada. Na pré-escola, jogar é um momento privilegiado para explorar isso. E o bom é que a atividade ganha sentido, pois, quanto mais brincam, melhor fica o desempenho.

 

Puro faz-de-conta


O jogo simbólico é marcado pela representação. Quando a criança assume o papel de um personagem, ela mergulha no mundo do faz-de-conta. Da mesma forma, um tabuleiro pode representar uma história que só faz sentido durante aquele percurso (na vida real, é um peão ou uma pedra que avançam sobre as casas, mas todos achamos que somos nós mesmos a percorrer a trilha).

 

O papel do professor


Crianças jogam sob o olhar atento da professora: momento especial para brincar, aprender, propor desafios e os fazer crescer. Escolha os jogos mais adequados para as experiências que você quer valorizar. Essa é a hora de brincar e aprender. Observe como as crianças se comportam e registre tudo. Só assim você vai detectar se aquele jogo específico é desafiador para todos. Faça perguntas que levem a conhecimentos, como ‘quanto você precisa tirar no dado para chegar ao final?’. Para que a turma confeccione um modelo personalizado, é preciso que os pequenos tenham se apropriado do cenário, do enredo e dos personagens. Ainda assim, eles não fazem tudo sozinhos. Você coordena o trabalho, fornecendo materiais e sugerindo reflexões.

 

more...
No comment yet.
Scooped by Arca do Planeta
Scoop.it!

Batalhão Ambiental intensifica educação para salvar e evitar crimes

Batalhão Ambiental intensifica educação para salvar e evitar crimes | Jornal da Arca | Scoop.it

A meta é evitar danos ambientais. Ou seja, a luta em defesa do meio ambiente antes que os crimes aconteçam é a prioridade número. E luta é diária e começa, todos os dias, segunda à sábado, a partir das 5 horas da madruga.

 

O Batalhão de Policia Militar de Proteção Ambiental (BPMPA), tem desenvolvido diversas operações repressivas, com diversas autuações, mas o trabalho principal realizado e prioritário nas ações da Unidade Ambiental é o de Educação Ambiental, pois a prevenção, por meio da Educação evita que as degradações ocorram.

more...
No comment yet.
Scooped by Arca do Planeta
Scoop.it!

Educação publica edital de processo seletivo para coordenadores pedagógicos - Midiamax

Educação publica edital de processo seletivo para coordenadores pedagógicos - Midiamax | Jornal da Arca | Scoop.it
Educação publica edital de processo seletivo para coordenadores pedagógicos Midiamax A Secretaria de Estado de Educação (SED) publicou hoje (4), no Diário Oficial, edital do Processo Seletivo Interno que objetiva selecionar professores estáveis,...
more...
No comment yet.
Scooped by Arca do Planeta
Scoop.it!

Ministério da Educação vai atribuir este ano prémio de melhor professor - AngolaPress

Ministério da Educação vai atribuir este ano prémio de melhor professor - AngolaPress | Jornal da Arca | Scoop.it
Ministério da Educação vai atribuir este ano prémio de melhor professor AngolaPress Sumbe - O ministro da Educação, Mpinda Simao, anunciou hoje, quinta-feira, no Sumbe, província do Kwanza Sul, a atribuição, ainda este ano, de um premio para o...
more...
No comment yet.
Scooped by Arca do Planeta
Scoop.it!

Arca do Planeta

Arca do Planeta | Jornal da Arca | Scoop.it
Apoiamos projetos educativos para o público infantil com foco em trabalhar os valores do ser e a...
more...
Arca do Planeta's comment, December 27, 2012 10:46 AM
Educação Ambiental # Faz Diferença !
Scooped by Arca do Planeta
Scoop.it!

Timeline Photos | Facebook

Timeline Photos | Facebook | Jornal da Arca | Scoop.it
Facebook is a social utility that connects people with friends and others who work, study and live around them.
Arca do Planeta's insight:

Preservar o meio ambiente é ter bom senso para comemorar as vitórias sem violéncia. www.arcadoplaneta.com.br   -  Educação Ambiental - # Faz a Diferença.

more...
No comment yet.
Scooped by Arca do Planeta
Scoop.it!

Timeline Photos | Facebook

Timeline Photos | Facebook | Jornal da Arca | Scoop.it
Facebook is a social utility that connects people with friends and others who work, study and live around them.
Arca do Planeta's insight:

Vamos celebrar as vitórias sem violência. Arca do Planeta - Educação Ambiental # Faz a Diferença !

 

more...
Arca do Planeta's curator insight, December 16, 2012 8:52 AM

Quando as vitórias são celebradas sem violência todos ganham. O Bairro, a Cidade, O Brasil, O Planeta.

 

www.arcadoplaneta.com.br - Educacação Ambiental # Faz a Diferença !

Scooped by Arca do Planeta
Scoop.it!

Arca do Planeta

Arca do Planeta | Jornal da Arca | Scoop.it
Projeto de Apoio à Educação Ambiental...

 

O litoral brasileiro perdeu cerca de 80% de seus recifes de corais nos últimos 50 anos devido à extração e à poluição doméstica e industrial, segundo um relatório divulgado neste domingo (23). O estudo aponta ainda que o que restou está ameaçado pelos efeitos da mudança climática.

O estudo "Monitoramento de recifes de corais no Brasil", elaborado pela UFPE (Universidade Federal de Pernambuco) e pelo Ministério do Meio Ambiente, que começou em 2002 e terminou no ano passado, foi coordenado pela professora Beatrice Padovani, do Departamento de Oceanografia.

O documento, que será apresentado amanhã no Congresso Brasileiro de Unidades de Conservação, realizado em Natal, constata a presença de corais desde a costa nordeste do Rio Grande do Norte até o sul da Bahia, se espalhando por cerca de dois mil quilômetros do litoral.

As conclusões do estudo, que se baseiam em pesquisas realizadas anteriormente, revelam que em cinco décadas houve uma redução de 80% dos recifes de coral por diferentes causas, entre elas a extração, a poluição, a pesca pedratória e o aumento da temperatura dos mares.

"Até a década de 1980, houve muita extração de corais para fabricação de cal no país. Essa remoção era feita com picaretas ou explosivos. Só houve uma redução após a criação de leis específicas", relatou Beatrice.

Além disso, o relatório destaca a mudança climática, o aumento da temperatura dos oceanos e a frequência mais elevada de fenômenos como "El Niño", que aquece a superfície do Pacífico.

"Em 2012, é provável a ocorrência de um novo El Niño. Os recifes que vão sofrer mais serão aqueles em pior estado de conservação, afetados pela poluição, e que podem ser afetados por doenças", alertou a especialista.

 

Fonte: Folha On Line

more...
No comment yet.
Scooped by Arca do Planeta
Scoop.it!

Arca do Planeta

Arca do Planeta | Jornal da Arca | Scoop.it
Projeto de Apoio à Educação Ambiental...

 

Arca do Planeta tem canção que traz em sua letra o nome de árvores em extinção.

 

Confira a letra da canção da autora Jolie Kempers.

 

Natureza

Natureza , Encantada, De Jasmim, Saíram de lá, as coisas todas  e  elas foram criadas bem assim: A terra, a água, o mar, o ar, o solo, as nuvens, o solo, a chuva, as matas,  as flores e os animais. Que coisas tão belas você nos revela !

 

A natureza eu vou  preservar, quero muito dela cuidar

 

Eucalipto, pau-brasil, jequitibá, sapucaia, mogno, jatobá, jacarandá, imbuia, araucária, madeira de lei;

As árvores do planeta eu vou preservar, são elas que o ar e o oxigênio nos dá.  

Vida você  mora aqui, quero que a sua casa no planeta  seja boa e saudável  e feliz.

Lipe:- Poxa  pessoal, a Natureza é mesmo linda! E nela tem coisas incríveis...  Essas árvores todas que dão vida às nossas matas ! 

 

Os arranjos da composição é assinado pelo recifense Rafael Isah.

 

 

Reportagem: CK - Arca do Planeta

more...
No comment yet.
Scooped by Arca do Planeta
Scoop.it!

Programa oferece cursos de extensão gratuitos para educadores - Educador Brasil Escola

Programa oferece cursos de extensão gratuitos para educadores - Educador Brasil Escola | Jornal da Arca | Scoop.it
Professores podem se inscrever gratuitamente no curso de Novas Tecnologias para a Aprendizagem no Ensino Médio e Fundamental.

 

O Programa Apoio ao Professor, que conta com o incentivo da Organização das Nações Unidas para a Educação, Ciência e Cultura (Unesco), informa que estão abertas as matrículas para o curso “Novas Tecnologias para a Aprendizagem no Ensino Médio e Fundamental”. Docentes de todo o Brasil podem se inscrever gratuitamente no curso, que é ministrado pela internet.

 

Faça sua matrícula no site: http://www.apoioaoprofessor.com.br/matricula/

 

O curso está dividido em unidades de 12h, cada uma com um diploma de extensão específico emitido pela Universidade Gama Filho, que supervisiona e apoia o programa. Os diplomas podem ser aceitos nas secretarias de educação para a pontuação na carreira dos educadores.

O objetivo do curso é proporcionar aos educadores uma abordagem pedagógica e prática sobre o uso de inúmeras ferramentas digitais, como simuladores, livros didáticos digitais, tablets e dispositivos móveis, blogs, wikis, podcasts, rádio-web, vídeo-aulas, repositórios de objetos educacionais, portfólios digitais, tabelas e formulários de avaliação e visitas de campo virtuais.

Em breve o curso será oferecido também me outros países da América Latina, em espanhol. Mais informações no site www.apoioaoprofessor.com.br.

 

Por Adriano Lesme
Equipe de Conteúdo do Brasil Escola

 

more...
No comment yet.
Scooped by Arca do Planeta
Scoop.it!

Educação Ambiental é amor e emoção

Educação Ambiental é amor e emoção | Jornal da Arca | Scoop.it
Foi com imenso prazer, alegria e dedicação que retornei como monitora ambiental na Exposição Itinerante “A Mata Atlântica é aqui” na cidade de Maceió/AL.

 

Ficamos localizados dentro do CEPA , um Centro de Estudos Pesquisas Aplicadas, que conta em seu interior com 11 escolas estaduais de ensino fundamental e médio. Todos os dias recebemos grupos escolares agendados e a presença de estudantes foi constante.

 

Dentre todos os grupos de estudantes, um me emocionou bastante. Foi um grupo composto por crianças, adolescentes e adultos com deficiência auditiva. Realizamos toda a monitoria pela exposição acompanhada de uma interprete da instituição. Foi incrível a reação destes alunos que se demonstraram muito curiosos e interessados em todo o percurso da exposição. Grande parte das informações e conteúdos apresentados a eles foi novidade, pois as ferramentas de mídia atuais são restritivas ao uso deles, o que tornou a monitoria a esse grupo, em particular, muito importante e prazerosa. Era impressionante a feição de indignação quando falávamos, por exemplo, a respeito do lixo descartado inadequadamente e da sua ingestão pelos animais marinhos.

 

Trabalhar com educação é sempre surpreendente, convivendo, ensinado e principalmente aprendendo diariamente é a recompensa de sempre.

more...
No comment yet.
Scooped by Arca do Planeta
Scoop.it!

Projeto auxilia na criação de bibliotecas pelo País

Projeto auxilia na criação de bibliotecas pelo País | Jornal da Arca | Scoop.it
Aos 63 anos, Maria do Carmo já havia abandonado os livros de chamada, o giz e as apostilas.

 

Por conta da aposentadoria, não precisaria mais dar aulas em uma escola na cidade de Bezerros, em Pernambuco. Finalmente poderia descansar. Foi então que recebeu um convite para participar de um curso de formação de Promotores de Leitura e Auxiliar de Biblioteca. A ideia era montar um espaço comunitário de empréstimo de livros. Resolveu voltar à ativa. "Eu deveria estar na cadeira de balanço, mas não consigo", brinca. Hoje, coordena a iniciativa em sua cidade e comemora: "Trouxemos a comunidade aqui para dentro. A mudança é perceptível. Todo mundo quer ler", diz.


A Biblioteca Comunitária Ler É Preciso, de Bezerros, é uma das mais de 90 criadas com o apoio do Instituto Ecofuturo - fundado em 1999 e qualificado como Organização da Sociedade Civil de Interesse Público (Oscip) - em parceria com instituições privadas e poder público. Com o objetivo de ampliar o número de bibliotecas no Brasil, a organização criou a campanha permanente Eu quero minha biblioteca. A iniciativa busca reforçar a Lei 12.244/10, que prevê que, até 2020, todas as instituições de ensino do País, públicas e privadas, tenham um espaço de leitura.


O desafio é enorme: de acordo com estudo realizado em 2010 pela Fundação Getúlio Vargas (FGV), para que a proposta seja atendida, 24 bibliotecas deveriam ser construídas diariamente. "Esse número é de 2010. Hoje, deve ser maior. O que nós precisamos é compreender o tempo necessário para as práticas públicas, que costumam ser mais demoradas, principalmente quando envolvem editais. A partir disso, será possível agir com mais eficácia. Nós acreditamos que, se unirmos a iniciativa privada e pública e traçarmos planos para 2020 será possível atingir a meta. O que não pode acontecer é atuarmos de forma isolada", diz a coordenadora de Educação e Cultura do Ecofuturo, Christine Fontelles.


Mesmo com as dificuldades, Christine acredita em bons resultados. "Se fizermos um mutirão cuidadoso, bem feito, com bom planejamento estratégico, é possível. Com controle social, revisão de prazos governamentais e ações conjuntas, vamos fazer com que todas as instituições de ensino tenham bibliotecas", diz.

more...
No comment yet.
Scooped by Arca do Planeta
Scoop.it!

Como escolher a escola ideal para os filhos? - Filhos

Em meados ou no final do ano a movimentação de pais nas instituições de ensino aumenta.

 

E para quem está passando por esse momento, ou ainda não sabe como proceder, o Vila Mulher conversou com duas especialistas para dar algumas diretrizes: Eliana de Barros Santos, psicóloga, psicopedagoga e diretora do Colégio Global e Maria Rocha, psicóloga e diretora pedagógica do Colégio Ápice.

 

Tudo começa em casa

 

O primeiro passo é os pais definirem valores pessoais e comuns e também o papel da escola na formação dos filhos. "Os pais que trabalham fora e vão deixar os filhos período integral precisa ter em mente o grau de influência da escola sobre a vida do aluno", comenta Maria Rocha. Sobre as expectativas, Eliana sugere: "Anote o que vocês desejam da escola para seu filho, o que é primordial, desejável e dispensável. Esta é uma forma de os pais se manterem focados nas informações que necessitam, sem perder tempo sendo vítimas passivas de uma venda planejada."

more...
No comment yet.
Scooped by Arca do Planeta
Scoop.it!

A creche como primeiro passo na educação básica

Quando chega o fim da licença-maternidade, uma das alternativas para a mãe que vai voltar ao trabalho é procurar uma creche. Mas o que é necessário ter nesses locais - além de profissionais qualificados - para deixá-la tranquila e possibilitar que ela rompa o que os educadores chamam de "segundo cordão umbilical"?
Com base nesses fatores, creches como Me Ninar e Pingo de Gente, em Itaipu e Ingá, respectivamente, propõem para as mamães um período de adaptação na própria instituição de ensino.


- Delegar parte da educação do seu filho ao outro, principalmente nos primeiros meses de vida, é uma tarefa que requer muita confiança. Por isso, oferecemos aos pais um diálogo constante com a instituição para que ela possa ultrapassar essa fase de forma mais tranquila e natural - explica a pedagoga Chistiane Maia Azeredo, diretora da Creche Me Ninar.


A troca constante com as mães ocorre com orientação psicológica e acompanhamento da rotina das crianças - que têm idades entre 4 meses e 2 anos e meio - nos berçários e salas de aula.
-As portas devem estar sempre abertas para que os pais possam observar de perto o trabalho dos educadores. Isso é muito importante para que as próprias crianças se sintam seguras com a proximidade dos adultos - completa a pedagoga.

more...
No comment yet.