Jogos e afins
65 views | +0 today
Follow
Your new post is loading...
Your new post is loading...
Rescooped by Alberto Calil Junior from Inovação Educacional
Scoop.it!

Estudo de 10 anos de duração comprova: videogames não provocam violência

Estudo de 10 anos de duração comprova: videogames não provocam violência | Jogos e afins | Scoop.it

Mais de 11.000 crianças a partir dos cinco anos de idade foram submetidas a vários testes diários. Não foi encontrada nenhuma relação que ligue o hábito de jogar videogame com comportamentos agressivos

De acordo com uma pesquisa recente, a resposta é não. Para quem lê, este pode  ser apenas mais um estudo sobre o assunto, mas prova que não existe nenhum tipo  de associação entre jogar videogame e ter algum tipo de comportamento agressivo.  As informações são do TechSpot.

Publicado na British Medical Journal, o estudo faz parte do "UK Millennium Cohort", um relatório  do Reino Unido com dez anos de duração que observou como as crianças são  afetadas psicologicamente pelos produtos do mercado do entretenimento – mais  precisamente aqueles em que o usuário fica de frente para uma tela, incluindo  TVs e os próprios videogames. Desde 2003, mais de 11.000 crianças a partir dos  cinco anos de idade foram submetidas a vários testes de exposição diária a  diferentes formas de conteúdos, tanto na televisão quanto nos consoles.

Uma década depois, os pesquisadores constataram que assistir mais de três  horas à TV por dia pode aumentar as chances de desenvolver problemas  comportamentais em jovens com idades entre cinco e sete anos. Por outro lado, os  videogames não exercem nenhum efeito negativo nas características pessoais da  criança, como comportamento e atenção, nem ajuda a desenvolver doenças  emocionais. A mesma conclusão vale para meninos e meninas.

Além das crianças, o estudo coletou dados dos pais e mães para saber das  atitudes dos filhos em relação à TV e ao videogame – no caso, se as crianças  apresentavam sintomas de desatenção, oscilação de humor ou dificuldade de  interagir socialmente quando expostas à tela do televisor/console. Também não  foi detectada nenhuma relação desses meios com ações violentas. "Melhorar a  qualidade de vida da criança dentro de casa é um dos principais fatores que irá  ajudar em seu desenvolvimento físico e mental", concluem os pesquisadores.


Via Luciano Sathler
more...
Rescooped by Alberto Calil Junior from Inovação Educacional
Scoop.it!

Jogos Educativos

Jogos Educativos | Jogos e afins | Scoop.it

Central de JOGOS EDUCATIVOS de Nova Escola, com jogos para todas as disciplinas


Via Luciano Sathler
more...
No comment yet.
Rescooped by Alberto Calil Junior from Inovação Educacional
Scoop.it!

Jogos digitais e Educação

Jogos digitais e Educação | Jogos e afins | Scoop.it

A Olimpíada de Jogos Digitais e Educação (OjE) é um projeto da Secretaria de Educação do Estado de Pernambuco que você merece conhecer. Feito em parceria com a Universidade Federal de Pernambuco e o Centro de Estudos de Sistemas Avançados do Recife, o site da OjE funciona como uma espécie de rede social, em que alunos e professores do Ensino Fundamental e Médio interagem e cumprem algumas “tarefas” ao experimentar alguns games e jogos digitais do tipo RPG.

Os enigmas que precisam ser desvendados pelos alunos têm como base conteúdos curriculares e a turma é estimulada a formar equipes para conseguir vencer as etapas. À medida que ganham alguns jogos, os estudantes podem ampliar seu tempo de permanência no site para até, no máximo, duas horas diárias.

E o jogo não fica restrito ao ambiente virtual. Para responder a algumas questões, os alunos precisam fazer pesquisas em livros ou consultar os professores. O site da OjE conta, ainda, com um espaço para que os docentes armazenem planos de aula e outras sugestões. Uma boa forma de mostrar que os jogos podem ser parceiros no processo de ensino e aprendizagem. Vale conferir!


Via Luciano Sathler
more...
No comment yet.