A Sociedade Consumista
381 views | +0 today
Follow
Your new post is loading...
Your new post is loading...
Scooped by Luisa Pantarotto e Rafaela Buazar
Scoop.it!

O Pensador: Consumimos para viver ou vivemos para consumir?

O Pensador: Consumimos para viver ou vivemos para consumir? | A Sociedade Consumista | Scoop.it
Luisa Pantarotto e Rafaela Buazar's insight:

O texto acima diz que uma das necessidades básicas da humanidade é a de consumir para poder viver, como por exemplo, alimentos que satisfaçam nossa fome. Porém, atualmente, esse consumo que antes era sobre uma necessidade vem mudando para satisfazer nossas vontades de possuir certas coisas e objetos sem mesmo pensarmos sobre nossa situação financeira ou o risco que possamos estar causando para o ambiente.

O autor coloca também, o consumo excessivo como uma doença chamada de ‘’Compulsão por consumo’’ ou ‘’ Compulsão por compras’’.  Então ele sugere que a humanidade coloque em questão e reflexão ‘’o que é realmente importante para nós no mundo de tanta ganancia e cobiça pelos bens materiais’’. Ele diz que estamos amarrados ao consumo, que a sociedade nos ‘’obriga’’ a consumir cada vez mais para poder nos incluir e pertencer ao certo grupo consumista da humanidade. Uma das influencias de consumo podem ser as propagandas, que tem o objetivo de seduzir a pessoa a comprar certo produto. 

E para concluir ele diz que as melhores mensagem podem vir de fontes ocultas, como por exemplo em filme que transmitem as verdades sobre os fatos que ocorrem nos nossos dias de hoje e que a nossa sociedade já esta a beira do abismo por causa de sua ambição e ganância e que isso pode levar a destruição do ambiente ao nosso redor apenas por coisas passageiras.

Nós concordamos com o autor deste texto e achamos que não precisamos seguir ou imitar ninguém para poder fazer parte de um grupo, no caso, o grupo dos consumistas, devemos ser originais e nos preocupar com o futuro do nosso mundo, que segundo ‘’O Pensador’’ já está desabando por causa das nossas ações inconscientes.

more...
No comment yet.
Scooped by Luisa Pantarotto e Rafaela Buazar
Scoop.it!

The Money Camp Brasil - Educação para a vida inteira

The Money Camp Brasil - Educação para a vida inteira | A Sociedade Consumista | Scoop.it
The Money Camp Brasil - Educação Financeira para a vida inteira
Luisa Pantarotto e Rafaela Buazar's insight:

O site a cima é de uma empresa conhecida como ''Money Camp''.  A empresa que desenvolve, desde de uma idade precoce da vida, o poder dos pensamentos, crenças e atitudes das pessoas acerca do dinheiro e riqueza com o objetivo de trazer um efeito sobre o futuro financeiro delas.

Os resultados que eles tentam alcançar é de ensinar aos participantes como administrar seu dinheiro. Além deles também enfatizarem a idéia de que felicidade e dinheiro são distintos, pois o dinheiro é apenas uma ferramenta a ser utilizada para que realizemos nossos sonhos. ''O conteúdo é transmitido através de jogos e atividades interativas, que tornam o assunto - que é extremamente denso - em algo natural e divertido.''

Essa empresa ja se espalhou por todo o mundo, já estando em países como México, Canadá, Singapura, Polônia, Jamaica, Bahamas, Espanha, Reino Unido, Austrália, Nigéria além dos Estados Unidos.

A idéia de ajudar e ensinar as pessoas em como lidar com seu dinheiro é bem interessante, pois muitas pessoas tem na sua cabeça que para viver é preciso consumir invez de pensar o consumo é apenas um privilégio da vida e que nem sempre o dinheiro traz a felicidade. 

more...
No comment yet.
Scooped by Luisa Pantarotto e Rafaela Buazar
Scoop.it!

Trechos do filme - Os delírios de consumo de Becky Bloom

O melhor de Becky Bloom (Dublado)
Luisa Pantarotto e Rafaela Buazar's insight:

O vídeo a cima mostra vários trechos do filme '' Os Delírios de Consumo de Becky Bloom''. O filme começa na infância de Rebecca, num retrato perfeito da ideologia capitalista na qual já é possivel perceber a inocência de uma criança sendo usada pelas armas da divulgação capitalistas. Já é possivel indentificar como a personagem, desde de pequena, via o sistema de mercado capitalista como um mundo Perfeito e acaba incorporando essa concepção de mundo ao longo de sua vida, se transformando em uma consumista compulsiva.

Em torno do minuto 3'44 do vídeo aparece uma cena do filme em que Becky Blloom entra em uma loja e se ve fascinada por uma écharpe verde. Nessa cena acontece  um diálogo entre o produto e o consumidor e isso  mostra funciona a mente do cidadão que vive numa sociedade capitalista. 

Outra passagem importante do filme está no minuto 6'20, na qual com a fala de Rebecca vemos que o produto após ser comprado perde seu valor. É como seu fosse um ciclo de pessoas alienadas pelo consumo na qual se inicia com a necessidade por novos produtos do mercado depois a compra e a consequente frustração.

O filme mostra uma realidade que está acontecendo com boa parte da população. Mostra que ter o consumismo tão presente em nossa vida cotidiana pode influenciar negativamente, por compras descenessárias. 

more...
Catarina Schiesari e Isabella Castro's comment, October 22, 2013 9:20 AM
Achei muito interessante e importante vocês apresentarem este filme, pois ele mostra muito o que esta acontecendo nos dias de hoje. Assistindo ele pude entender melhor como isso ocorre com a sociedade e o melhor dele é que no inicio do filme ele apresenta tudo como começa e ao final ele mostra jeitos de se controlar a esses impulsos.
Scooped by Luisa Pantarotto e Rafaela Buazar
Scoop.it!

A História da Água Engarrafada - A grande mentira da Indústria (Dublado)

Luisa Pantarotto e Rafaela Buazar's insight:

O vídeo a cima tem como objetivo incentivar as pessoas consumirem a água que vem da torneira e não a engarrafada. Com a influencia da publicidade da água engarrafada, 'rebaixa' a da torneira em qualidade, tenta em seus comerciais, nos encantar mostrando rios e córregos límpidos como origem da água engarrafada. A água mineral é mais saudável, dizem os donos das grandes empresas de refrigerantes, porém a apresentadora durante o vídeo informa que um terço da água engarrafada dos EUA vem da torneira, na qual A Aquafina Pepsi e Dasani Coca-cola são duas entre muitas marcas que usam água da torneira.

De acordo com as pesquisas feitas para o vídeo, quando a população prova os dois tipos de águas, acaba escolhendo a da torneira por diversos motivos, e um deles é pelo fato do gosto dela ser melhor. Mesmo com muitas pessoas sabendo que a água da torneira é mais saborosa acaba comprando a engarrafada, que acaba sendo dois mil vezes mais cara. 

A narradora, ao longo do video, mostrará diversos pontos negativos de se consumir a água engarrafada. Além de que propor propostas para aumentar o consumo da água proveniente da torneira.

Esse hábito de consumir água engarrafada acontece pelo fato das pessoas não saberem da onde veio a água da torneira, e isso acaba criando um medo por parte delas. Concordo com essa ideia de medo que se formou nas cabeças da pessoas e é por isso que se deve alimentar a ideia que o video esta tratando. 

more...
No comment yet.
Scooped by Luisa Pantarotto e Rafaela Buazar
Scoop.it!

Brasileiro gasta mais com cosméticos do que com comida

Brasileiro gasta mais com cosméticos do que com comida | A Sociedade Consumista | Scoop.it
Dados mostram que preocupação dos brasileiros com beleza e cuidados pessoais é crescente, bem como o das empresas do setor.
Luisa Pantarotto e Rafaela Buazar's insight:

A notícia publicada a cima discute a ideia que os brasileiros estão gastando mais com cosméticos do que com a sua comida.  Esse estudo foi feito pelo IBGE, que afirmou que os brasileiros que tem uma renda entre dois e dez salários mínimos gastam cerca de 1,3% do que ganham por mês para cuidar dos cabelos e das unhas, na qual essa porcentagem é quase o dobro da despesa que é gasta com arroz e feijão, de 0,68%.

A compra de cosméticos vem crescendo a cada ano, provavelmente pelo fato de homens e mulheres cada vez mais investirem em seu  “visual” tentando atender suas ''imposições mercadológicas, seja por razões de vaidade e autoestima ou simplesmente, porque beleza é fundamental”, explica a empresária''.

Vemos então que a cada ano a vaidade das pessoas por ter um corpo belo vai se destacando e vai ficando mais importante do que a própria alimentação que é algo necessário para viver. Isso ocorre pelo fato das pessoas tentarem se encaixar nessa sociedade em que vivemos, que dinheiro e beleza são mais importantes do que qualquer outra coisa. 

more...
Amanda Lacerda's comment, October 15, 2013 9:40 AM
Meninas, os comentários estão muito longos! Dispensem toda a primeira parte em que vocês fazem um resumo do texto ou vídeo e deixem no comentário apenas a avaliação/opinião de vocês sobre o tema e o texto.
fastfashion's comment, October 22, 2013 10:18 AM
O comentário feito foi muito bem escrito e mostra mais informações do que a matéria original, mostrando que existiu em pesquisa e um esforço para deixar o blog ainda mais completo. O tema escolhido foi muito interessante.
Scooped by Luisa Pantarotto e Rafaela Buazar
Scoop.it!

Gerdau » Meio Ambiente e Sociedade » Faça sua parte » Consumo Consciente

Gerdau » Meio Ambiente e Sociedade » Faça sua parte » Consumo Consciente | A Sociedade Consumista | Scoop.it
Luisa Pantarotto e Rafaela Buazar's insight:

O site a cima possui um texto que discute a idéia do Consumo Conscinte. Segundo o texto, Consumo consciente  ''é um consumo com consciência de seu impacto e voltado à sustentabilidade''., na qual por meio de suas escolhas de consumo, o consumidor pode maximizar ou minimizar os impactos negativos no meio ambiente e portanto pode colaborar ou não para um mundo melhor.  

A diferença entre um consumidor que pratica o consumo consciente e o consumidor ''normal'' é que aquele que consome conscientemente ''busca o equilíbrio entre a sua satisfação pessoal e a sustentabilidade do planeta''. 

O texto apresenta doze principais príncipios para se ter um  

consumo consciente, na qual entre eles estão: O planejamento de compras; Os impactos no meio ambiente que o consumo exagerado traz; A separação de lixo que contribua  para a economia de recursos naturais (reciclagem), entre outros itens.

O consumo consciente é uma ideia muito interessante e que se for divulgada mais pela mídia podetrazer um grande impacto sobre a nossa sociedade, que é considerada consumista. 

more...
No comment yet.
Scooped by Luisa Pantarotto e Rafaela Buazar
Scoop.it!

O que influencia o consumismo jovem?

O que influencia o consumismo jovem? | A Sociedade Consumista | Scoop.it
Há um consumo exagerado de tudo: dinheiro, imagem, roupas, perfumes, adornos, grifes, amor, sexo, bens de consumo e substâncias lícitas e ilícitas. O planeta em que vivemos está em crise: de um lad...
Luisa Pantarotto e Rafaela Buazar's insight:

O texto adaptado por Rafaela Maia, claramente nos mostra que na sociedade jovem de hoje em dia, a preocupação com a imagem, corpo e aparência é muito maior do qualquer outra preocupação.

Virou uma necessidade mostrar-se para os outros, seja pelo dinheiro, só comprando roupas de marcas, carros importados ou seja pelo corpo, querendo ter um ‘’corpo musculoso através do consumo de substâncias (no caso, os esteróides anabolizantes e uma série de energéticos), um corpo sem gordura (à custa de procedimentos cirúrgicos fúteis e com riscos à saúde), pele lisa, sem espinhas, sem estrias e sem rugas e até sem pêlos.’’  

Os pais estão começando a perder suas autoridade quando não tem o que oferecer ao filho, não conseguindo dizer não, e isso é o chamado de filiarcado (hoje os nossos filhos cobram e os pais não conseguem dizer não).

Ao final do texto, Rafaela fala que ‘’compulsão é doença e deve ser tratada com psicoterapia e grupos de auto-ajuda.’’

O grupo concorda com o posicionamento da autora, por que estamos vivenciando tudo isso e podemos comprovar que a preocupação dos jovens de hoje em dia é de se mostrar para os outros e para seu grupo de amigos.

more...
No comment yet.